Município de Arganil garante que equipamentos de escola dados como furtados estavam pagos

Município de Arganil garante que equipamentos de escola dados como furtados estavam pagos

image_pdfimage_print

Equipamentos de uma escola de Arganil que haviam sido dados como furtados no final de dezembro, foram afinal retirados por uma empresa, por alegada falta de pagamento da responsável da empreitada de obras no estabelecimento.

A Câmara Municipal de Arganil reportara um furto, a 22 de dezembro, durante as férias escolares, de alguns equipamentos de jogo e recreio da Escola de 1.º Ciclo e Jardim de Infância do Sarzedo, referindo, então, que os assaltantes tinham forçado a fechadura do portão principal do estabelecimento para retirar vários materiais.

Em nota enviada à Rádio Boa Nova, na passada sexta-feira, a autarquia informou que, após ter sido divulgado o assalto, recebeu, vai email e por correio, uma comunicação por parte do subempreiteiro da obra que terá instalado o equipamento de jogo e recreio na escola, a CRP – Comércio e Reciclagem de Produtos, da Covilhã, a assumir “a responsabilidade pela remoção do material”.

Anexada à nota de imprensa do município, foi divulgada essa mesma comunicação, onde a CRP refere que, a 22 de dezembro, procedeu ao levantamento do “equipamento infantil instalado na Escola do Sarzedo”, por falta de pagamento por parte da CIP Construções, empresa responsável pela empreitada de reabilitação daquela escola.

A Câmara de Arganil frisa que esta situação, em que é “o principal lesado”, não tem “razões legal e moralmente aceitáveis”.

Na nota de imprensa, a autarquia vinca que cumpriu com as suas obrigações contratuais com a empresa responsável pela empreitada, CIP Construções, anexando as faturas que comprovarão o pagamento do material removido, no valor total de 23 mil euros.

“Em suma, a empresa CRP, sem qualquer aviso prévio e de forma contrária à lei, limitou-se a invadir um local privado e a retirar, sem qualquer direito ou autorização para o efeito, os bens e equipamentos de recreio instalados na Escola do 1.º Ciclo e Jardim de Infância do Sarzedo pertencentes ao Município de Arganil”, frisa a autarquia.

Face à situação, o município sublinha que não vai pagar “novamente pelos referidos bens e equipamentos”, sendo que a reposição ficará “sob a alçada das autoridades competentes a quem, inclusive, a autarquia recorrerá para se ver integralmente ressarcida dos prejuízos”.

Contactado pela Lusa, o presidente da Câmara de Arganil, Luís Paulo Costa, referiu que o município teve conhecimento do email enviado pela empresa CRP a 02 de janeiro, tendo reencaminhado a mensagem para os agentes da GNR que estão a investigar o caso.

A autarquia também já enviou uma carta à empresa da Covilhã, onde refere que a argumentação para retirar os equipamentos “não tem nenhuma sustentação”.

Agora, a Câmara de Arganil vai abrir “um novo procedimento para o fornecimento dos equipamentos” e, assegura Luís Paulo Costa, não deixará, “do ponto de vista judicial, de levar este caso até às últimas consequências”, nomeadamente um pedido de indemnização pelo sucedido.

Previous Termómetros podem descer aos -5ºC e o frio vai continuar
Next GNR realizou mais de 2 300 transportes de órgãos humanos desde 2010

Artigos Relacionados

Informação

Prazo para proprietários limparem terrenos termina hoje

O prazo para limpar o mato e podar árvores junto a casas isoladas, aldeias e estradas termina hoje, pelo que os proprietários, em caso de incumprimento,…

Informação

Prospeção de minerais, como lítio e outros, preocupam população de Seixo da Beira

A presidente da Junta de Freguesia de Seixo da Beira, Margarida Claro, manifestou na última reunião da Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital (AMOH), …

Informação

Ana Abrunhosa entende que “se critério da população continuar”, o Interior está “condenado”

A ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, disse hoje que o país precisa de alterar os critérios de criação…

Cultura

Faleceu o Dr. Francisco Correia das Neves

Francisco Correia das Neves nasceu em Oliveira do Hospital a 3 de setembro de 1929. Licenciado em Direito pela Universidade de Coimbra, titular de um vasto currículo na sua área

Última Hora

Manuais gratuitos para 500 mil alunos disponíveis a partir de hoje

Manuais escolares gratuitos, novos ou usados, começam a ser distribuídos a partir de hoje através da plataforma MEGA aos cerca de 500 mil alunos do 1.º ao 6.º ano.

Última Hora

Feira de Colecionismo no Mercado Municipal de Oliveira do Hospital

O Município de Oliveira do Hospital está a promover a I Feira de Colecionismo, a acontecer no dia 16 de dezembro, no Mercado Municipal de Oliveira do Hospital, das 9

Última Hora

Três detidos e 750 doses de cocaína apreendidas em Leiria

O Comando Territorial de Leiria da GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal, apreendeu no domingo mais de 750 doses de cocaína e deteve três pessoas suspeitas de tráfico de

Programas

“A Escola e o Meio” emite último programa do ano letivo 2018/2019

Este sábado, dia 15 de junho, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 29.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do AEOH.

Desporto

Seia: 9ª edição Oh Meu Deus – Ultra Trail Serra da Estrela reuniu meio milhar de atletas

Meio milhar de atletas deslocaram-se até Seia, durante o fim-de-semana (14, 15 e 16 de junho), para se aventurarem nos trilhos da mais imponente…

Última Hora

Luís Antero edita “Xisto Sonoro – Paisagens Sonoras da Rede das Aldeias de Xisto”

Foi lançado ontem, dia 18 de julho, no âmbito da comemoração do Dia Mundial da Escuta, o trabalho “Xisto Sonoro – Paisagens Sonoras da Rede das Aldeias do Xisto”, da

Última Hora

GNR reforça patrulhamento nas florestas e apela à sensibilização

A Guarda Nacional Republicana (GNR) reforça, a partir de hoje, o patrulhamento de visibilidade direcionado para a prevenção de incêndios,….

Nacional

País: Número de casos de sarampo subiu para 66

Foram diagnosticados mais quatro casos de sarampo, elevando para 66 o número de doentes infetados pelo atual surto, segundo a Direção-Geral da Saúde.