Município de Arganil garante que equipamentos de escola dados como furtados estavam pagos

Município de Arganil garante que equipamentos de escola dados como furtados estavam pagos

image_pdfimage_print

Equipamentos de uma escola de Arganil que haviam sido dados como furtados no final de dezembro, foram afinal retirados por uma empresa, por alegada falta de pagamento da responsável da empreitada de obras no estabelecimento.

A Câmara Municipal de Arganil reportara um furto, a 22 de dezembro, durante as férias escolares, de alguns equipamentos de jogo e recreio da Escola de 1.º Ciclo e Jardim de Infância do Sarzedo, referindo, então, que os assaltantes tinham forçado a fechadura do portão principal do estabelecimento para retirar vários materiais.

Em nota enviada à Rádio Boa Nova, na passada sexta-feira, a autarquia informou que, após ter sido divulgado o assalto, recebeu, vai email e por correio, uma comunicação por parte do subempreiteiro da obra que terá instalado o equipamento de jogo e recreio na escola, a CRP – Comércio e Reciclagem de Produtos, da Covilhã, a assumir “a responsabilidade pela remoção do material”.

Anexada à nota de imprensa do município, foi divulgada essa mesma comunicação, onde a CRP refere que, a 22 de dezembro, procedeu ao levantamento do “equipamento infantil instalado na Escola do Sarzedo”, por falta de pagamento por parte da CIP Construções, empresa responsável pela empreitada de reabilitação daquela escola.

A Câmara de Arganil frisa que esta situação, em que é “o principal lesado”, não tem “razões legal e moralmente aceitáveis”.

Na nota de imprensa, a autarquia vinca que cumpriu com as suas obrigações contratuais com a empresa responsável pela empreitada, CIP Construções, anexando as faturas que comprovarão o pagamento do material removido, no valor total de 23 mil euros.

“Em suma, a empresa CRP, sem qualquer aviso prévio e de forma contrária à lei, limitou-se a invadir um local privado e a retirar, sem qualquer direito ou autorização para o efeito, os bens e equipamentos de recreio instalados na Escola do 1.º Ciclo e Jardim de Infância do Sarzedo pertencentes ao Município de Arganil”, frisa a autarquia.

Face à situação, o município sublinha que não vai pagar “novamente pelos referidos bens e equipamentos”, sendo que a reposição ficará “sob a alçada das autoridades competentes a quem, inclusive, a autarquia recorrerá para se ver integralmente ressarcida dos prejuízos”.

Contactado pela Lusa, o presidente da Câmara de Arganil, Luís Paulo Costa, referiu que o município teve conhecimento do email enviado pela empresa CRP a 02 de janeiro, tendo reencaminhado a mensagem para os agentes da GNR que estão a investigar o caso.

A autarquia também já enviou uma carta à empresa da Covilhã, onde refere que a argumentação para retirar os equipamentos “não tem nenhuma sustentação”.

Agora, a Câmara de Arganil vai abrir “um novo procedimento para o fornecimento dos equipamentos” e, assegura Luís Paulo Costa, não deixará, “do ponto de vista judicial, de levar este caso até às últimas consequências”, nomeadamente um pedido de indemnização pelo sucedido.

Previous Termómetros podem descer aos -5ºC e o frio vai continuar
Next GNR realizou mais de 2 300 transportes de órgãos humanos desde 2010

Artigos Relacionados

Última Hora

Rádio Boa Nova com emissão comemorativa ao longo do dia

A Rádio Boa Nova está transmitir uma emissão especial comemorativa do seu 32º aniversário. Ao longo do dia de hoje pode visitar-nos no centro da cidade de Oliveira do Hospital,

Destaque

Oliveira do Hospital vai avançar com Centro de Competências do Queijo Serra da Estrela

Abertura da feira, entre muitos outros convidados, contou com a presença do Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral.

Informação

Rio de Mel eleita como “Aldeia dos Sonhos” pela Fundação INATEL

Rio de Mel (freguesia de S. Gião), no concelho de Oliveira do Hospital, foi eleita como “Aldeia dos Sonhos”, uma iniciativa organizada pela Fundação INATEL …

Informação

Conheça o calendário desportivo. FCOH e ADN jogam última jornada

A época desportiva da Série C do Campeonato Nacional termina este domingo, dia 12 de maio, pelas 17h00, com jogos da 34ª jornada.

Informação

Dezanove concelhos de oito distritos estão em risco máximo de incêndio

Dezanove concelhos dos distritos de Faro, Santarém, Portalegre, Castelo Branco, Leiria, Guarda, Viseu e Aveiro estão hoje em risco máximo de incêndio, …

Última Hora

Região: Militar ferido com gravidade após atropelamento

Um militar da Guarda Nacional Republicana (GNR) foi, ontem, atropelado com gravidade em Cunha Alta, no concelho de Mangualde (Viseu).

Vídeos

Jovens de Oliveira do Hospital debatem alterações climáticas no Parlamento dos Jovens (com vídeo)

No âmbito das sessões do Parlamento dos Jovens, e subordinados ao tema Alterações Climáticas – Salvar os Oceanos, 30 jovens deputados do ensino básico do Agrupamento de Escolas de Oliveira

Última Hora

Góis hasteou bandeira azul em duas praias fluviais e espera atrair muitos turistas

O município de Góis procedeu, ontem, ao hastear da bandeira azul em duas praias fluviais, com a presidente da autarquia, Maria de Lurdes Castanheira…

Desporto

Desporto de fim de semana

No desporto de fim de semana os destaques são: No Basquetebol a deslocação do Sampaense ao Eléctrico FC, procurando aqui trazer a sua primeira vitória na LPB. No futebol o

Última Hora

Arganil entre os 19 municípios do país que devolve os 5% do IRS aos munícipes

Arganil faz parte da lista de municípios portugueses que vai devolver aos seus munícipes 5% do IRS a que têm direito, o máximo permitido por Lei.

Informação

Incêndios: Associação de vítimas recebida pelo primeiro-ministro no dia 9

A Associação das Vítimas do Maior Incêndio de Sempre em Portugal (AVMISP) vai ser recebida em audiência pelo primeiro-ministro, no dia 09, disse hoje o presidente da organização à agência

Última Hora

GNR recuperou cinco aves em Tábua

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Proteção Ambiental do Destacamento Territorial de Lousã, apreendeu ontem, dia 28 de março, em Espariz – Tábua, cinco aves que se