Um terço dos habitantes das Beiras vive em “condições indignas”
10 Fevereiro, 2020 384 visualizações

Um terço dos habitantes das Beiras vive em “condições indignas”

image_pdfimage_print

Cerca de um terço dos habitantes das Beiras e Serra da Estrela “vive em condições indignas” e em situação de “grave carência habitacional”, concluiu um estudo…

… do Instituto Politécnico da Guarda (IPG), hoje divulgado.

Segundo um comunicado do IPG enviado à Rádio Boa Nova, “o número de famílias que vivem situações de grave carência habitacional na região das Beiras e Serra da Estrela ultrapassa os 30%”, de acordo com estudos desenvolvidos por investigadores que participam em projetos promovidos na Unidade de Investigação do Desenvolvimento do Interior daquela instituição de ensino superior.”São muitas as famílias que residem em habitações precárias na região das Beiras”, refere o IPG.

O IPG, em conjunto com as Câmaras Municipais da região de influência, está a fazer “um diagnóstico à forma como as pessoas vivem e a criar soluções habitacionais”.

O diagnóstico surge através de uma prestação de serviços que envolve professores e estudantes do IPG integrados no processo de ensino aprendizagem desenvolvido nos TESP (cursos técnicos superiores profissionais), licenciaturas e mestrados. Segundo Joaquim Brigas, presidente do IPG, “o número de pessoas a viver em situações precárias é maior do que imaginávamos”.

O projeto em curso identifica agregados familiares e os cidadãos que vivam em condições habitacionais consideradas indignas numa dada região e, deste modo, pretende encontrar alternativas para eliminar problemas como acessibilidade, habitabilidade, saneamento e conforto térmico.

O objetivo, segundo o responsável, é  tornar “possível a habitação como um direito” e garantir “melhores condições a quem não tem possibilidade de as ter”.

O IPG “ajuda a que sejam respondidas as necessidades básicas da população e a revitalizar os territórios de baixa densidade” na qual se encontra o Politécnico. Para isso, o IPG está a está a delinear estratégias na sua área de influência através de uma visita porta a porta a famílias que vivem tanto em zonas rurais, como em zonas urbanas.

O documento pretende desenhar a Estratégia Local de Habitação (ELH) para um concelho em Portugal e possibilitará a elaboração de uma candidatura ao programa “1º Direito”, uma medida de apoio público à promoção de soluções habitacionais destinadas a cidadãos e agregados que vivem em condições de carência financeira, entre outros programas de apoio.

O “1º Direito” enquadra-se numa série de outros programas criados pela Estratégia Nacional para a Habitação, cujo objetivo principal foi o de facilitar o acesso das famílias portuguesas à habitação através da reabilitação urbana, arrendamento habitacional e requalificação dos alojamentos, lembra o IPG.

Anterior Operação “Smartphone, Smartdrive”: GNR fiscaliza uso do telemóvel durante a condução
Seguinte Confira os resultados desportivos do fim-de-semana

Notícias Relacionadas

Última Hora

Despiste de camião em Góis provocou um ferido grave

Um ferido grave foi o resultado, hoje, do despiste de um veículo pesado carregado de madeira no concelho de Góis, distrito de Coimbra,…

Programas

Hugo Abreu, investigador ligado ao projeto pioloto da biorrefinaria, é convidado do Espaço BLC3- Ciência no Interior

Em mais um Espaço BLC3 – Ciência no Interior, a conversa hoje acontece com o jovem Hugo Abreu, investigador ligado ao projeto piloto da Biorrefinaria, destinado à produção de bioprodutos,

Última Hora

Desfiles de Carnaval animaram Nogueira do Cravo e Seixo da Beira (com vídeo)

A realização do desfile de Carnaval animou, ontem à tarde, a freguesia de  Nogueira do Cravo, no concelho de Oliveira do Hospital.

Última Hora

Município da Lousã recebe sessão sobre a “Europa para os cidadãos”

O Centro de Informação Europe Direct Região de Coimbra e o Centro de Informação Europeia Jacques Delors (CIEJD) vão realizar amanhã, dia 12 de fevereiro, pelas 14h00, no auditório da

Sociedade

Neve corta estrada e fecha escolas no distrito de Viseu

A queda de neve obrigou ao corte da Estrada Nacional (EN) 321, entre Castro Daire e Cinfães, no distrito de Viseu.

Região

Grupo de “conterrâneos atentos” promove debate para impedir exploração de lítio na região

Um grupo de populares que se apresenta como “grupo de conterrâneos atentos” promove no próximo dia 26 de junho, …

Desporto

Calendário desportivo do fim-de-semana

O Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) recebe, em casa, o RD Águeda. O jogo da 13ª jornada da Série C tem início às 15h00 de domingo, dia 8

Região

Circulação restabelecida na Linha do Norte após descarrilamento de vagão

A circulação entre Souselas e Pampilhosa esteve cerca de duas horas interrompida, após o descarrilamento de um vagão de mercadorias, mas foi entretanto foi retomada “de forma alternada”.

Última Hora

Município de Nelas apresenta Feira do Vinho do Dão na BTL

O Município de Nelas marca presença, e pelo quarto ano consecutivo, na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), que arrancou ontem na FIL, no Parque das Nações, em Lisboa, …

Região

 Câmara de Seia distingue Fundação Vodafone no Dia do Município

A Câmara de Seia vai proceder, no dia 3 de julho, à entrega da Campânula Municipal de Mérito e Dedicação à Fundação Vodafone Portugal, …

Região

Nelas promove “Férias em Ação- Verão 2019” de 25 de junho a 16 de agosto

O Município de Nelas promove de 25 de junho a 16 de agosto 2019, o Projeto Férias em Ação – Verão 2019, em colaboração com os Agrupamentos de Escolas do

Informação

Empréstimo de três milhões para nova variante, Centro Municipal de Proteção Civil, Balneários do Estádio Municipal e outras obras

A Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital aprovou, com a abstenção do CDS-PP (dois votos) a contratação de um empréstimo de médio a longo prazo…