Trotinetes elétricas chegam à cidade de Coimbra em março
13 Fevereiro, 2019 949 visualizações

Trotinetes elétricas chegam à cidade de Coimbra em março

image_pdfimage_print

A Câmara de Coimbra formalizou hoje um acordo com uma empresa para a instalação e operação de um sistema de partilha de trotinetes elétricas na cidade, que entrará em serviço no dia 1 de março.

“Esta é uma forma que a autarquia encontrou para regular a atividade” (uso de trotinetes no espaço público), disse hoje o presidente do município, Manuel Machado, durante a sessão de assinatura do protocolo com a empresa Lime, que chega assim à segunda cidade portuguesa (já opera em Lisboa) e já está presente em 15 cidades europeias, de acordo com o seu diretor, Nuno Inácio.

As vantagens deste meio de transporte, designadamente no plano ambiental, justificam que se estimule a sua utilização, sustentou Manuel Machado, sublinhando que, no entanto, se trata de “um desafio”, particularmente para os seus “utilizadores e para os moradores da cidade”, de quem depende, antes de mais, o “bom uso do espaço público”.

Os ganhos ambientais e energéticos são “um ponto a favor deste sistema, que permite, face à utilização do automóvel, uma redução de emissões de gases com efeito de estufa, de partículas, de ruído ambiente, de consumo de energia, de congestionamento de tráfego, melhoria da qualidade do ar e do ambiente urbano”, explicita a Câmara de Coimbra, numa nota distribuída durante a sessão.

“Ciente do desafio” e de “alguns riscos” que a introdução das trotinetes na vida da cidade comporta, o presidente da Câmara de Coimbra afirma-se “confiante”, mas pede a “todos, desde logo aos moradores” e aos utentes (que espera que sejam “os primeiros fiscais de si próprios), que cooperem para melhor integrar este meio de transporte na mobilidade da cidade.

Até à entrada em funcionamento do sistema de partilha de trotinetes elétricas em Coimbra, vão decorrer “campanhas de segurança e educação” para promover o seu uso responsável, desde “a utilização [recomendada] do capacete”, à condução segura e que respeite as regras de trânsito, até “ao estacionamento correto”, indicou o responsável da Lime acrescentou.

Funcionando entre as 05:00/07:00 e as 21:00, as 200 a 400 trotinetes em serviço no município de Coimbra, cuja utilização está interdita a menores de 18 anos, disporão de um total de 70 pontos de estacionamento, “sem obstruir zonas de circulação pedonal, acessos e estacionamentos”, que serão demarcados pela Câmara.

Atingindo a velocidade máxima de 25 quilómetros/hora, que será “bastante inferior” nalgumas ruas e espaços da cidade, essencialmente localizados na Baixa e na Alta histórica, limitados, pelo ‘software’ da operadora (através do sinal GPS), a deslocação em trotinete, interdita nos passeios pedonais, custa um euro (para a desbloquear) e 15 cêntimos por minuto de utilização.

Fonte: Lusa

Anterior Castro Daire: Incêndio em zona de difícil acesso mobiliza dois meios aéreos
Seguinte GNR promoveu operação “Internet Mais Segura” – Resultados

Notícias Relacionadas

Informação

Região de Coimbra lança programa de 19 milhões para emprego e apoio a empresas

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra e oito grupos de ação local apresentaram o Sistema de Incentivos ao Emprego e ao Empreendedorismo (SI2E) no valor global de cerca de

Sociedade

Velório de Roberto Leal realiza-se hoje em São Paulo

O velório do cantor Roberto Leal vai decorrer esta segunda-feira, na Casa de Portugal, na região central de São Paulo, no Brasil, a partir das 07:00 (11:00 em Lisboa),…

Sociedade

Bancos Alimentares apelam à solidariedade em mais uma campanha de recolha de alimentos

Os Bancos Alimentares contra a Fome realizam já no próximo fim de semana, dias 25 e 26 de maio, mais uma Campanha de Recolha de Alimentos…

Última Hora

Catarina Nunes, investigadora na área da Engenharia Biológica, é convidada do Espaço BLC3- Ciência no Interior

Em mais um Espaço BLC3 – Ciência no Interior, a conversa hoje acontece com a jovem Catarina Nunes, investigadora no ramo da Engenharia Biológica na vertente alimentar.

Última Hora

Nogueirense volta a lutar pela manutenção (com vídeo)

A Associação Desportiva Nogueirense (ADN) prepara-se para o arranque da próxima época, com o objetivo de “fazer um milagre” e “conseguir a manutenção”.

Informação

Cáritas de Coimbra apoiada por autarquias e entidades locais

A Cáritas Diocesana de Coimbra que, continua a prestar cuidados aos idosos e aos mais vulneráveis, tem recebido apoio de autarquias e entidades locais. ” Esta é uma resposta essencial

Sociedade

Surto de sarna no Hospital de Viseu

Um surto de sarna no Hospital de São Teotónio, em Viseu, levou a que 24 doentes e 15 profissionais fossem colocados em isolamento.

Última Hora

Gabinete florestal faz recomendações para proteção do solo contra erosão em Oliveira do Hospital

Na sequência dos incêndios do dia 15 de Outubro, Gabinete Técnico Florestal da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital faz algumas recomendações…

Última Hora

Direção do FCOH rejeita “viciação” de resultado e pergunta: “quem foi prejudicado e beneficiado”

O presidente da direção do FCOH, Paulo Figueira, rejeitou há instantes em declaração à Rádio Boa Nova as suspeitas de “viciação” que a ADN faz recair sobre o clube….

Última Hora

CCDRC e Município oliveirense entregaram mais uma casa. 70 casas de 123 estão concluídas

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) e o Município de Oliveira do Hospital entregaram hoje, num ato simbólico, mais uma casa pronta a habitar depois de

Nacional

Incêndios: Número registado este ano foi 44% menor do que média da década

O número de incêndios florestais este ano registou uma queda de 44% em relação à média dos últimos 10 anos, anunciou hoje o ministro da Administração Interna, prometendo mais esforços

Região

Incêndio deflagrou na Câmara de Mortágua devido a caldeira de aquecimento

Um incêndio deflagrou, na tarde de quarta-feira, na Câmara Municipal de Mortágua.