Sampaense prepara “equipa competitiva” com Cláudio Figueiredo no comando
24 Maio, 2019 1296 visualizações

Sampaense prepara “equipa competitiva” com Cláudio Figueiredo no comando

image_pdfimage_print

Terminada mais uma época, Cláudio Figueiredo, treinador do Sampaense Basket, faz um balanço “bastante positivo” da prestação da sua equipa que atingiu o principal objetivo, a manutenção no campeonato da Proliga, e garante que permanecerá no comando do plantel na próxima época.

Para Cláudio Figueiredo, a equipa que comanda e que conquistou o segundo lugar da primeira fase da Proliga, “esteve muito bem” e conseguiu, desde muito cedo, “garantir o principal objetivo”. Seguiu-se a fase da Promoção e o objetivo era “ficar nos quatro primeiros para atingir os playoff”, o que acabou por não acontecer.

À Rádio Boa Nova, o técnico justifica que alguns pontos “menos positivos” deveram-se a alguns fatores, nomeadamente às alterações na equipa com a saída de jogadores pilares. Para além disso, “a equipa ressentiu-se bastante com algumas lesões e desgaste físico”.

Apesar das alterações no plantel, Cláudio assegura que foi possível “criar um grupo muito coeso, uma equipa muito trabalhadora e jogadores com muita vontade de aprender e crescer”. “A prova disso foram as dez vitórias e apenas quatro derrotas nos 14 jogos da primeira fase”, disse.

Antes do início da Proliga, a equipa Sampaense jogou para o Troféu António Pratas, onde chegou à fase de grupos e ficou em 2º lugar do grupo B, uma competição que, segundo Cláudio Figueiredo, as equipas veem como “uma fase de preparação para o campeonato”. Por outro lado, a Taça de Portugal foi outra realidade em que a equipa de São Paio de Gramaços participou, acabando por ser eliminada nos oitavos de final pelo Benfica. “Na Taça de Portugal queremos ir o mais longe possível, mas sabemos que, a partir de uma determinada fase, entram as equipas da Liga Portuguesa de Basquetebol”, refere, ironizando que o jogo era de uma “equipa de milhões contra uma equipa de tostões”. Contudo, o técnico salienta a boa imagem que a sua equipa transmitiu. “O Sampaense não representa só São Paio de Gramaços. Representa o concelho de Oliveira do Hospital e a região Centro”, afirma.

É notável a aposta do clube na formação. Esta época, o Sampaense contou com todos os escalões: mini-basket, duas equipas de sub-14, sub-16 (vice-campeã distrital) e sub-18. “Queremos formar jogadores de basquetebol mas, em primeiro lugar, queremos formar homens para o futuro”, afirma o treinador, que lamenta a dificuldade em fixar os jovens do sub-18 para transitarem para a equipa de seniores.

À Rádio Boa Nova, Cláudio Figueiredo adiantou ainda que vai continuar a comandar a equipa na próxima época. “Vou continuar como treinador da equipa principal e Coordenador da formação do Sampaense”, assegura.

E no que diz respeito à próxima época, o responsável refere que a equipa técnica “já está no mercado a ver jogadores que possam interessar para tentar criar uma equipa competitiva e que dê garantias para trabalhar”.

Anterior Ana Abrunhosa reconduzida na liderança da CCDRC
Seguinte Feira do Livro abriu hoje as suas portas em Oliveira do Hospital (com vídeo)

Notícias Relacionadas

Cultura

Festas do Concelho animam Seia durante 5 dias

HMB, Rita Guerra, ATOA, Cuca Roseta e Diogo Piçarra são os principais atrativos do vasto programa musical da 5ª edição das Festas do Concelho, que dão vida ao centro histórico

Última Hora

Intermarché  é ponto de venda do livro “Dia 15” editado pela Rádio Boa Nova

O livro “Dia 15”, lançado pela Rádio Boa Nova no passado dia 19 de março, está disponível para compra, pelo valor de 10 Euros, na loja Intermarché na cidade de

Informação

Oliveira do Hospital é finalista ao Prémio Município do Ano

O Município de Oliveira do Hospital é finalista ao Prémio Município do Ano- Portugal 2018, cuja cerimónia de entrega decorre dia 16 de novembro, pelas 17h00, em Guimarães.

Informação

Comissão Independente com mandato para investigar fogos de outubro

A Assembleia da República aprovou hoje, só com a abstenção do PAN, uma resolução para que a Comissão Técnica Independente (CTI) constituída…

Informação

PSD Arganil congratula-se pelo arranque das obras de beneficiação da EN342

O Partido Social Democrata (PSD) de Arganil congratula-se pelo início das obras de beneficiação da Estrada Nacional 342, na ligação entre Arganil e Côja, um dos maiores anseios dos arganilenses.

Última Hora

Guarda: Dominado incêndio que mobilizou mais de 200 bombeiros

O incêndio que lavrava em Benespera, que chegou a mobilizar mais de duas centenas de bombeiros, foi dado como dominado às 03h20.

Informação

“É um choque enorme. É como se entrasse num país que realmente eu desconhecia”

Fátima Campos Ferreira, que esta segunda feira, pelas 21h00, vai conduzir o habitual programa “Prós e Contras” a partir da BLC3, em Oliveira do Hospital,…

Politica

PS ganha. PSD já saudou a vitória socialista. Iniciativa Liberal, Livre e Chega podem chegar ao Parlamento. Assunção Cristas abandona presidência do CDS

Ana Catarina Mendes, secretária-geral adjunta do PS, fala de uma “grande vitória ao PS nesta noite eleitoral” e uma “derrota histórica” do PSD e CDS. Sem dizer como, garantiu que

Informação

Caule conhece exemplo coreano e constata que “Portugal continua a assobiar para o ar” na erradicação do nemátodo

Uma comitiva da Coreia do Sul esteve ontem reunida com responsáveis e técnicos da Caule – Associação Florestal da Beira Serra e outros especialistas…

Nacional

Portugal reintroduz “controlo de fronteiras” com Espanha. Só se vai passar por nove pontos

Portugal vai reintroduzir o controlo de fronteiras terrestres com Espanha e restringir voos. As medidas foram anunciadas pelo ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita,…

Última Hora

Oliveira do Hospital promove encontro com comunidade britânica

O Município de Oliveira do Hospital acolhe hoje,12 de março, uma sessão informativa dirigida à comunidade britânica residente no concelho e na região.

Última Hora

Vereador do PSD criticou novas contratações num concelho “em constante perda”

João Paulo Pombo Albuquerque votou contra novas contratações propostas pelo executivo, considerando que no município de Oliveira do Hospital “não há tarefas disponíveis para tanto funcionário”.