Região Centro regista aumento de sofisticação em violência doméstica
21 Maio, 2019 601 visualizações

Região Centro regista aumento de sofisticação em violência doméstica

image_pdfimage_print

Os casos de violência doméstica que têm chegado ao Gabinete de Apoio à Vítima de Coimbra não têm aumentado ao longo dos anos, mas regista-se um incremento ao nível de sofisticação por parte dos agressores e no recurso às redes sociais.

Em 25 anos de existência, o Gabinete da APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima de Coimbra registou 12.299 processos (até 2018), sendo a grande maioria (cerca de 80%) relacionados com a violência doméstica, em que estão incluídas a violência conjugal e a violência contra idosos e contra crianças e jovens, disse à agência Lusa a coordenadora da organização, Natália Cardoso.

Nos casos de violência conjugal, o Gabinete tem registado um decréscimo de novos processos a partir de 2016, mas os casos apresentam cada vez “situações mais complexas, o que exige um trabalho e um esforço maior por parte da equipa”, notou.

Segundo Natália Cardoso, as vítimas entram em contacto com a APAV com mais conhecimento sobre o que podem fazer, mas o tipo de violência reportado “é diferente do de há 20 ou 25 anos”.

“Antes, havia muitas situações associadas ao alcoolismo. Agora já não é tanto assim e há uma sofisticação na própria violência”, constatou, referindo que se notam cada vez mais formas de violência psicológica.

Os agressores “conseguem efetuar estes atos de violência de forma que dificilmente possam ser detetados por terceiros, o que torna mais difícil provar a existência de violência”.

De acordo com a responsável pelo gabinete de Coimbra, que abrange não apenas o distrito, como a região Centro, as redes sociais também são cada vez mais usadas, seja como instrumento para perseguir e tentar localizar a vítima e contactá-la ou como meio para exercer violência.

“As redes sociais são usadas como forma de magoar a vítima, expondo a situação, fazendo divulgação de imagens ou de conversas ou denegrindo a pessoa junto de familiares e amigos. Após a rutura da relação, o agressor ou agressora, tendo em seu poder fotografias ou troca de mensagens de caráter íntimo, usa essas informações e documentos ou para chantagear a vítima ou para denegrir a imagem da vítima junto da sua rede”, explanou Natália Cardoso.

Em declarações à Lusa, Natália Cardoso referiu ainda que se tem registado um aumento na procura de pedidos de ajuda relativamente a pessoas idosas, sendo que, na maioria dos casos, não é a própria vítima a contactar o gabinete, mas familiares, vizinhos ou instituições, sendo frequentemente situações de violência por parte do cuidador.

O Gabinete da APAV de Coimbra celebra o seu 25.º aniversário na quinta-feira, com um ‘Open Day’ e a inauguração das novas instalações, na Avenida Fernão de Magalhães.

O momento vai contar com a presença do presidente da APAV, João Lázaro.

lusa.pt

Anterior Região: Homem detido por tráfico de estupefacientes
Seguinte Daniela Simões é convidada do Espaço BLC3- Ciência no Interior

Notícias Relacionadas

Última Hora

CDU candidata Luís Almeida à Câmara e João Dinis à Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital

Luís Martins Almeida é o cabeça de lista, pela CDU, à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, nas autárquicas de 1 de outubro. João Dinis é o candidato à Assembleia

Região

Conselho Técnico-Científico da ESTGOH tomou posse

O Conselho Técnico-Científico da ESTGOH tomou posse esta segunda-feira, dia 5 de fevereiro. Na cerimónia esteve presente o Presidente do Instituto Politécnico de Coimbra (IPC), Jorge Conde.

Sociedade

10 Junho: Comemorações terminam hoje com Marcelo e Costa no Mindelo

As comemorações do Dia de Portugal, que começaram em Portalegre, terminam hoje em Cabo Verde, com a presença do Presidente da República…

Região

Peniche: quatro homens identificados por furtos em parque de campismo

O Comando Territorial de Leiria, através do Núcleo de Investigação Criminal de Caldas da Rainha, entre os dias 21 e 27 de agosto, identificou quatro homens, suspeitos de furtos em

Região

Incêndio em habitação em Coimbra fez um ferido

Um incêndio na cozinha de uma habitação, em Coimbra, fez ontem uma vítima considerada ligeira. O alerta foi dado cerca das 22h20.

Última Hora

Movimento insiste no alargamento de prazos para pedir ajuda do Estado

O Movimento Associativo de Apoio às Vítimas dos Incêndios de Midões (MAAVIM) insiste na necessidade de serem alargados os prazos para os pedidos de diferentes ajudas …

Sociedade

Aviso laranja por neve, chuva e agitação marítima no continente e Madeira

A queda de neve acima dos 400 ou 600 metros deixa os distritos de Bragança e Vila Real sob aviso laranja entre as 18h00 de hoje e as 06h00 de

Região

Estradas na Serra da Estrela encerradas devido à queda de neve

Algumas estradas de acesso ao maciço central da serra da Estrela estão, hoje de manhã, encerradas devido à queda de neve, …

Desporto

Sampaense Basket perde em casa com o Galitos

No último jogo do ano, o Sampaense perde em casa com o Galitos do Barreiro por 77-77. Uma partida com muito equilíbrio nos três primeiros períodos, com a diferença maior, no

Última Hora

Educação Ambiental: A qualidade da Água

A qualidade da água é tema em destaque no conjunto de programas de Educação Ambiental promovido pelo Município de Oliveira do Hospital e a Rádio Boa Nova.

Informação

Oliveira do Hospital adere a Rede Solidária do Medicamento

Na próxima quinta-feira, dia 12, o Município de Oliveira do Hospital vai proceder à assinatura do protocolo com a Associação Dignitude…

Região

Região: Militares do GIPS identificaram suspeitos de furtos de combustível

A Unidade de Intervenção, através do Subagrupamento de Montanha do Grupo de Intervenção Proteção e Socorro (GIPS), que presta serviço na Serra da Estrela, no passado dia 13 de novembro,…