“Qualquer um dos elementos do executivo em permanência pode vir a ser candidato à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital”, garante Carlos Maia
4 Fevereiro, 2020 1980 visualizações

“Qualquer um dos elementos do executivo em permanência pode vir a ser candidato à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital”, garante Carlos Maia

image_pdfimage_print

Carlos Maia, reeleito presidente da Comissão Política Concelhia do Partido Socialista de Oliveira do Hospital afirmou, esta manhã, na Rádio Boa Nova…

… que o futuro cabeça de lista pelo partido à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital integra o atual executivo municipal “em permanência”.

Convidado desta manhã do programa “Outras Conversas”, Carlos Maia, que tem pela frente a preparação das eleições autárquicas de 2021, escusou-se a avançar com o nome do cabeça de lista à Câmara Municipal oliveirense (José Carlos Alexandrino cumpre o terceiro e último mandato autárquico), mas garantiu também que “não há necessidade nenhuma de ir buscar pessoas fora”, já que no seio do “atual executivo em permanência há gente de qualidade”. Também afastou a possibilidade de o próprio entrar na corrida, referindo mesmo não estar “para aí virado”.

Na conversa desta manhã, Carlos Maia, destacou o caminho de afirmação que o partido conseguiu a partir de 2009, com a primeira eleição de José Carlos Alexandrino, num concelho onde “havia uma hegemonia PSD e uma grande dificuldade de o PS se afirmar”. “Muita coisa mudou daí para cá”, constatou o líder dos socialistas, destacando sobretudo a postura do Município de Oliveira do Hospital perante os cidadãos, passando “a existir uma Câmara de porta aberta”.

Com as autárquicas no horizonte, Carlos Maia sabe que a “responsabilidade é muita”. “Não podemos, nem devemos de forma alguma defraudar a confiança daquelas que são as pessoas que nos elegem, que são os oliveirenses e têm depositada grande confiança nos últimos anos. As expectativas dos oliveirenses não podem ser defraudadas”, referiu o dirigente partidário.

De 2009 até à data, a hegemonia do PS em Oliveira do Hospital tem o cunho de José Carlos Alexandrino. Depois de uma primeira maioria relativa em 2009, o autarca conseguiu, nas eleições seguintes (2013 e 2017), maiorias absolutas históricas no concelho. Questionado, esta manhã, sobre a possibilidade de o ainda presidente do Município poder integrar a lista candidata à Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital, Carlos Maia disse já ter recebido da parte de Alexandrino a “disponibilidade” para que o PS “faça com ele o que bem entenda”, mas ainda “sem se falar rigorosamente em lugares”. “Ele está disponível para continuar a apoiar este projeto. E eu acho que o José Carlos Alexandrino até poderia estar num lugar de destaque, porque ele é uma pessoa com particularidades que não é fácil arranjar”, comentou Carlos Maia.

No programa “Outras Conversas” foram ainda abordados outros assuntos…
Veja o vídeo ou ouça o podcast para saber mais>>>


Anterior GNR  e EDP Distribuição entregam calendários a idosos com participação especial do ator Ruy de Carvalho
Seguinte Coronavírus: Presidente Marcelo alerta que "ninguém está preservado"

Notícias Relacionadas

Nacional

Termómetros vão atingir valores anormais para a época este fim-de-semana

Neste fim-de-semana, os termómetros vão atingir valores anormais para a época, contudo as noites vão continuar frias.

Última Hora

Colocação da primeira pedra da “Escola de Todos Nós” em Midões

Decorre amanhã, dia 6 de fevereiro, às 15h00, a cerimónia de colocação da “Primeira Pedra”, que marca o início das obras de reabilitação do Infantário de Midões, em Tábua, três

Última Hora

COVID-19: Camião da Esperança detetou um caso positivo em 210 testes realizados em Oliveira do Hospital

Dos 210 testes à Covid-19 realizados em Oliveira do Hospital a profissionais “mais expostos” , pela equipa do “Camião da Esperança”, apenas um deu resultado positivo à infeção pelo novo

Informação

Acidente com trator agrícola provoca um morto na Figueira da Foz

Um homem com cerca de 80 anos morreu esta segunda-feira na Figueira da Foz vítima de um acidente com um trator agrícola.

Informação

Padre António Loureiro celebra Missa em honra de S. José via Rádio Boa Nova e Facebook (19h)

No dia de S. José, Dia do Pai, que hoje se assinala, o pároco de Oliveira do Hospital, António Loureiro vai celebrar missa não presencial (sem a participação de fiéis)

Sociedade

Eleito pela CDU em Ervedal da Beira denuncia “abandono” da extensão de saúde local

O eleito pela CDU na Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Ervedal e Vila Franca da Beira, João Dinis, reclama por “medidas urgentes”…

Última Hora

Região: Dois militares da GNR detidos por suspeita de tráfico de droga

A GNR deteve quatro homens por suspeita de tráfico de estupefacientes, no distrito de Vila Real. Dois são militares da GNR, segundo confirmou a própria força de segurança.

Informação

CIM da Região de Coimbra afirma território na BTL

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra está a apostar numa afirmação forte dos 19 municípios que a integram na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL).

Última Hora

Góis promove Orçamento Participativo pela primeira vez

O Município de Góis avanÇAa este ano, pela primeira vez, com o Orçamento Participativo de Góis. Como forma de potenciar os valores de democracia, incentivando a comunidade à participação na

Cultura

“A EXPOH foi um sucesso, sendo sobretudo um ponto de encontro”

Milhares de visitantes passaram pela EXPOH – Feira Regional de Oliveira do Hospital que, ontem, terminou no Parque do Mandanelho. Ainda a avaliar a afluência de visitantes que “melhorou”,…

Informação

Pastor detido em Gouveia por suspeita de incêndio florestal

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda e com a colaboração da GNR de Gouveia, identificou e deteve, na passada terça-feira, …

Região

Circulação restabelecida na Linha do Norte após descarrilamento de vagão

A circulação entre Souselas e Pampilhosa esteve cerca de duas horas interrompida, após o descarrilamento de um vagão de mercadorias, mas foi entretanto foi retomada “de forma alternada”.