Presidente da ESTGOH não quer alunos a abandonar a escola por falta de recursos económicos (com vídeo)
12 Maio, 2020 407 visualizações

Presidente da ESTGOH não quer alunos a abandonar a escola por falta de recursos económicos (com vídeo)

image_pdfimage_print

O presidente da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH) disse hoje na Rádio Boa Nova que não quer que “nenhum aluno abandone a escola por falta de recursos económicos”.

Carlos Veiga informou que “os serviços de ação social têm mecanismos para ir ao encontro das necessidades das pessoas”.

“Seja neste ano ou no próximo ano, as bolsas de ensino da direção geral de ensino superior têm mecanismos para quem a situação económica se alterou e isso tem quem ser feito logo. As pessoas não têm que ficar à espera de chegar à situação de carência”, defendeu esta manhã o presidente da ESTGOH no programa “Outras Conversas” da Rádio Boa Nova, referindo que os alunos devem contactar os serviços da escola, da Associação de Estudantes, ou até a si próprio. “Os apoios sociais existem a partir do momento em que o rendimento familiar per capita é inferior ao salário mínimo”, explicou o responsável.

Na Rádio Boa Nova, Carlos Veiga referiu que no ano passado a escola registou seis alunos que abandonaram escola, tratando-se de uma realidade anterior à pandemia. Agora num cenário de maiores dificuldades para as famílias, o responsável apela a que ninguém abandone os estudos sem esgotar os apoios de ação social a que tenham direito. “Há mecanismos de apoio que devem ser acionados e por vezes não são acionados por falta de informação. A escola está trabalhar neste sentido. Neste momento ainda é possível fazer alguma coisa. Dentro de algumas semanas já não vai ser possível, porque o semestre vai acabar”, alertou.

Na Rádio Boa Nova, Carlos Veiga explicou como a ESTGOH, que encerrou as suas portas no dia 11 de março, se adaptou diante da chegada da pandemia. “Definimos uma estratégia de emergência. Optamos por aulas síncronas. Numa semana fizemos esta adaptação. Temos vindo a avaliar e ajustando o modelo de ensino para tentar chegar a todos da melhor forma”, explicou o responsável, referindo que, neste momento a escola está fechada ao público, mantendo um serviço mínimo permanente. “Tem havido um esforço coletivo, que tem exigido um esforço maior de todos. Até ver as coisas estão a correr razoavelmente bem”.

Carlos Veiga estuda o arranque do novo ano letivo que deverá ser um misto de aulas presenciais e à distância, dependendo da evolução da pandemia Covid-19. No momento, as atenções centram-se no processo de avaliação do alunos. “Está assumido que todos alunos vão fazer avaliação à distância na época de avaliação contínua e final. Está em cima da mesa a possibilidade de se realizar uma época de avaliação presencial em julho, se estiverem reunidas as condições de saúde, segurança e conforto para os alunos que não tiverem aprovação na primeira época de avaliação”, explicou Carlos Veiga, notando que a esta fase também podem recorrer os alunos que se sintam prejudicados no processo de avaliação contínua e à distância.

Veja o vídeo para aceder à entrevista na íntegra

 

Anterior Arganil: 2,6 milhões de euros para melhorar o abastecimento de água em Vila Cova do Alva, Alqueve e Pomares
Seguinte Covid-19. Portugal regista mais 19 mortos e 234 infetados

Notícias Relacionadas

Região

Viseu: Feira de São Mateus arranca a 8 de agosto e conta com várias novidades

Novas esplanadas dos pavilhões das farturas, uma roda gigante de 30 metros e luz decorativa que homenageia a gastronomia beirã são algumas das novidades da 627.ª Feira de São Mateus

Informação

15 detenções, 684 infrações e 88 acidentes no distrito de Coimbra

O Comando Territorial de Coimbra procedeu a um conjunto de operações no distrito, na semana de 14 a 20 de novembro,…

Informação

Despiste de camião na A25 provoca um morto e vários feridos

Um camião embateu em veículos da concessionária Ascendi que se encontravam a fazer a manutenção das vias, acabando por provocar um morto e cinco feridos, um deles grave.

Última Hora

Câmara Municipal de Oliveira do Hospital realiza 4ª edição da Gala do Desporto

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital (CMOH) realiza no próximo sábado, pelas 21 horas, na Casa da Cultura César Oliveira, a 4ª edição da Gala do Desporto.

Sociedade

PJ deteve homem suspeito de atear nove incêndios em Tondela 

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, deteve um homem com 52 anos de idade, casado, servente de pedreiro,…

Região

Mulher com cerca de 70 anos atropelada mortalmente em Montemor-o-Velho

Uma mulher de cerca de 70 anos morreu hoje atropelada por um veículo ligeiro em Montemor-o-Velho, distrito de Coimbra, disse fonte da GNR.

Informação

GNR vai estar na estrada com ‘Natal Tranquilo’

A GNR vai colocar na estrada a operação “Natal Tranquilo” intensificando, entre sexta e segunda-feira, o patrulhamento rodoviário em todo o território nacional para as vias com maior tráfego nesta

Destaque

Stroganov Hotel abre dia 16 de setembro em Fiais da Beira, Oliveira do Hospital

Já está definida a data de abertura do Hotel de charme, de cinco estrelas, localizado em Fiais da Beira, no concelho de Oliveira do Hospital. O “soft opening” acontece dia

Última Hora

Pastores de Loriga mantêm tradição secular das chocalhadas de São Martinho

O outono na Serra da Estrela traz novas paisagens e sabores, mas também tradições que vale a pena reviver, existindo assim excelentes motivos para visitar as Aldeias de Montanha.

Região

Mais de um quilo de folhas de cannabis apreendidas na Guarda

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal da Guarda, deteve no dia 19 setembro, na localidade…

Última Hora

Oliveira do Hospital incluído no programa da Cruz Vermelha que apoia crianças afetadas pelos incêndios

A Cruz Vermelha de Coimbra implementou um programa inovador para crianças afetadas por catástrofes em várias escolas da região Centro. O projeto está a ser implementado no Agrupamento de Escolas

Informação

Oliveira do Hospital vai ser palco das comemorações nacionais do Dia Mundial da Saúde Mental

O Município de Oliveira do Hospital vai ser o palco das comemorações nacionais do “Dia Mundial da Saúde Mental”. O evento, organizado pela Administração Regional de Saúde do Centro,…