Póvoa de S. Cosme retoma a normalidade “com cautela”. “Está tudo muito tranquilo, muito em paz”
20 Maio, 2020 739 visualizações

Póvoa de S. Cosme retoma a normalidade “com cautela”. “Está tudo muito tranquilo, muito em paz”

image_pdfimage_print

Ana Maria Lopes, com 56 anos, era na segunda-feira, dia 18, uma das habitantes da localidade da Póvoa de S.Cosme, na União de Freguesias de Ervedal e Vila Franca da Beira,  que aguardava pelas máscaras  entregues pelo próprio presidente do Município de Oliveira do Hospital como forma de incentivar o seu uso.

À Rádio Boa Nova , a moradora contou que ocupa o seu tempo na agricultura, nas sementeiras, no mato e também na lida da casa e  a olhar pelos seus pais. Enquanto aguardava  pela chegada do presidente José Carlos Alexandrino, junto ao café e mercearia da pequena localidade, onde também se concentraram outros habitantes, Ana Maria Lopes, considerou a iniciativa do Município  “uma ajuda muito positiva”. Contou que “algumas pessoas” da Póvoa de S. Cosme “foram-se entretendo e costurando algumas máscaras em casa”. “Quase todas as pessoas têm máscaras. Mas são sempre bem vindas. Aliás, nem esperávamos outra coisa do senhor presidente”, comentou a moradora.

Daqui em diante, Ana Maria Lopes sabe que as máscaras “ vão ser precisas e necessárias”. “Qualquer ajuda é bem vinda, porque muitas pessoas, que são de idade, não têm facilidade de se deslocar e ir comprar”, comentou, manifestando-se grata.

“Sim, as pessoas são cautelosas”

Agora em período de desconfinamento, Ana Maria Lopes olha para um passado pouco distante, o do confinamento, e recorda que “não foi fácil”, sobretudo “para as pessoas de idade, porque estão habituados a andar na rua e a lidar”. “E convencê-los a terem que estar em casa foi um pouco difícil”. “Se bem que aqui não havia esse perigo. Porque, como é uma aldeia pequena e tem poucos habitantes as pessoas circulavam e não passavam praticamente por ninguém. Davam a volta à povoação e não encontravam mais ninguém. Vai-se ao quintal, vai-se ao jardim, vai-se até à mata. Mas, para as pessoas de idade não foi muito fácil”, comentou a moradora.

Agora, “a população já vai regressando à normalidade”. Na Póvoa de S. Cosme “algumas crianças regressaram à creche e as pessoas já saem mais à rua”. Mas, o momento é de cautela. “Sim, as pessoas são cautelosas. Têm todos os cuidados, não se juntam. Até aqui não tem havido nenhum caso. Está tudo muito tranquilo, muito em paz”, logo assegurou Ana Maria Lopes.

Contou que no período de isolamento, “alguns vieram de fora, mas são de cá, e obedeceram às regras e estiveram de quarentena e quando saíram, saíram de máscara”, referiu.

Anterior Universidade de Coimbra: Equipa recebe financiamento internacional para o estudo da infertilidade feminina
Seguinte Alvôco de Várzeas e Avô renovam “Bandeira Azul”. Praias fluviais terão "plano de contingência" (com áudio)

Notícias Relacionadas

Destaque

Fundador da Sociedade Portuguesa de Medicina Chinesa alerta para a lei que regula o ensino e o exercício profissional (áudio)

Pedro Vaz, fundador e vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina Chinesa foi o convidado desta manhã na Rádio Boa Nova.

Informação

EPTOLIVA promoveu debate “Alterações Climáticas – Reverter o Aquecimento Global”

No âmbito do Programa Parlamento dos Jovens – Ensino Secundário, este ano subordinado ao tema “Alterações Climáticas – Reverter o Aquecimento Global”, a EPTOLIVA- Escola Profissional de Oliveira do Hospital,

Última Hora

Município de Oliveira do Hospital oferece alimentação para abelhas aos apicultores

O Município de Oliveira do Hospital vai oferecer alimentação para as abelhas a todos os apicultores registados no concelho.

Última Hora

Região: Mulher de 75 anos morreu em mina

Uma mulher, de 75 anos, foi encontrada esta manhã sem vida numa mina, em Vila Nova de Monsarros, em Anadia, Aveiro, por equipas de socorro e emergência …

Última Hora

Incêndio em habitação em Gavinhos de Cima deixou único morador desalojado

Um homem, com 60 anos, ficou ontem à noite desalojado, na sequência de um incêndio na sua habitação, em Gavinhos de Cima, no concelho de Oliveira do Hospital.

Informação

Grupo IG aposta em hotel na zona histórica de Oliveira do Hospital

O Grupo IG, de quem são responsáveis os irmãos Rui e Carlos Gonçalves, vai abrir um novo hotel em Oliveira do Hospital, mais concretamente na zona histórica da cidade.

Região

Temperaturas sobem aos 34ºC. Há seis concelhos em risco máximo de incêndio

Os concelhos de Aljezur, Lagos, Loulé, São Brás de Alportel, Tavira e Alcoutim, no distrito de Faro, …

Informação

CIM lança candidatura para promover a Arte Xávega na Região de Coimbra

Aceitando o desafio lançado pelo Município de Mira, a Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra reuniu os Municípios de Cantanhede,…

Sociedade

Luis Cruz, uma nova voz no panorama musical nacional

Luís Cruz este na Boa Nova e falou dos seus trabalhos,dos espectáculos e concertos e as expectativas que tem para o futuro Tudo para ouvir em entrevista com Albino José,

Última Hora

Funeral de Mário Soares realizou-se esta tarde

Terminou o funeral de Estado de Mário Soares, no cemitério dos Prazeres, onde vão ficar depositados os restos mortais do estadista.

Destaque

Eptoliva conta com campeão mundial de ralis em jornadas técnicas

O piloto de ralis, Rui Madeira, que se sagrou campeão mundial do grupo N é hoje o convidado das jornadas técnicas do Curso de Manutenção Industrial, Mecatrónica Automóvel promovidas…

Região

“O Medronho passou a ter bastante mais protagonismo público na região da Beira Serra”

O medronho e o medronheiro assumem particular destaque no próximo domingo, dia 20, em mais um capítulo da Confraria do Medronho. O objetivo é “continuar a divulgar este fruto”  que