Investigadores da UC querem tornar viável a produção de “caviar português” em aquacultura
3 Junho, 2020 366 visualizações

Investigadores da UC querem tornar viável a produção de “caviar português” em aquacultura

image_pdfimage_print

Uma equipa de investigadores em Coimbra está a desenvolver um modelo integrado de cultivo em cativeiro de ouriço-do-mar,…

… considerado como o “caviar” da costa portuguesa, para tornar a sua produção rentável e com reduzido impacto ambiental.

Em comunicado enviado à Rádio Boa Nova, a Universidade de Coimbra adianta que o projeto está a ser desenvolvido por uma equipa de investigadores do MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, da Faculdade de Ciências e Tecnologia de Coimbra.

Os especialistas estão, para isso, a desenvolver um modelo integrado de cultivo em cativeiro da espécie mais abundante em Portugal — Paracentrotus lividus — no âmbito do projeto ‘OtimO — Otimização dos processos de produção de Ouriço-do-mar’.

“Considerado por muitos o ‘caviar’ da costa portuguesa, o ouriço-do-mar é uma espécie de elevado valor comercial e a sua procura tem vindo a aumentar exponencialmente na perspetiva da gastronomia gourmet”, sublinha a UC, indicando que “as gónadas (ovas) do ouriço-do-mar são muito apreciadas”.

A procura das ovas do ouriço-do-mar, tanto em Portugal como no mercado internacional, tem provocado “a intensificação da apanha, muitas vezes de forma desregrada”, alerta a UC.

Tendo em conta que a resposta à crescente procura “assenta em espécimes provenientes do meio natural, a intensificação da captura tem levado ao esgotamento de stocks, com impactos negativos consideráveis nos ecossistemas”, afirma o coordenador do projeto, Tiago Verdelhos.

O modelo de produção proposto pela equipa do ‘OtimO’, cujos testes começaram há um ano nos laboratórios do MARE na Figueira da Foz (MAREFOZ), distingue-se por apostar na transferência efetiva de conhecimento para o setor da aquacultura.

“O objetivo principal do nosso projeto é otimizar métodos para que a produção desta espécie se torne viável, promovendo o desenvolvimento das zonas costeiras através da diversificação e aumento de competitividade no setor da aquacultura, bem como evitar a sobre-exploração deste recurso”, explica Tiago Verdelhos.

“O nosso foco é a transferência de conhecimento, ou seja, que o nosso modelo possa ser aplicado em aquacultura”, destaca ainda o investigador do MAREFOZ, citado pela UC.

Nesse sentido, adianta Tiago Verdelhos, “aposta-se num sistema de aquacultura multitrófica integrada (no qual são produzidas espécies de diferentes níveis tróficos ou nutricionais) com recirculação de água, efetuando a reutilização/reciclagem de recursos e minimizando o impacto ambiental, porque a aquacultura, apesar de ser cada vez mais relevante no setor alimentar, ainda está associada à diminuição da qualidade ambiental”.

A reprodução de ouriços-do-mar em cativeiro é altamente complexa, pois depende de muitos fatores, como temperatura, alimentação, iluminação e salinidade, entre outros.

Nos ensaios que estão a ser realizados com ouriços-do-mar capturados no seu habitat natural, os investigadores estudam e controlam todo o processo “por forma a encontrar uma solução para os problemas críticos que impedem a produção da espécie em aquacultura”, salienta o coordenador do projeto ‘OtimO’.

É necessário “encontrar larvas viáveis e calibrar os processos de reprodução, desenvolvimento larvar e crescimento para tornar possível a cultura em cativeiro, com qualidade e sem prejudicar as características do ouriço-do-mar”, nota o investigador.

O projeto ‘OtimO’, que conta com um financiamento de 202 mil euros do MAR2020, através da Associação de Desenvolvimento Local da Bairrada e Mondego (AD ELO), visa ainda contribuir para o conhecimento sobre a espécie.

“O MAR2020 tem por objetivo implementar em Portugal as medidas de apoio enquadradas no Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas (FEAMP)”, tendo como prioridades estratégicas, designadamente, a promoção da competitividade, “com base na inovação e no conhecimento” e da sustentabilidade económica, social e ambiental do setor da pesca e da aquicultura.

Anterior Comunidade Viseu Dão Lafões exige helicóptero no território
Seguinte Bruno Aleixo nomeado embaixador dos "Caminhos da Região de Coimbra" (com vídeo)

Notícias Relacionadas

Região

Polícia detém oito suspeitos de sequestrar e agredir jovem

A Polícia Judiciária (PJ) deteve cinco homens e três mulheres “fortemente indiciados pela prática de crimes de sequestro, …

Última Hora

Doze distritos do continente sob aviso amarelo devido ao tempo quente

Doze distritos de Portugal continental estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de tempo quente, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Destaque

Rádio Boa Nova apresentou “Dia 15” na Feira do Livro de Oliveira do Hospital (com vídeo)

O livro “Dia 15”, lançado pela Rádio Boa Nova no dia 19 de março, por ocasião do 33º aniversário, está hoje em destaque na Feira do Livro de Oliveira do

Última Hora

Góis acolhe cinco refugiados sírios oriundos de Alepo

O município de Góis acolheu hoje cinco refugiados sírios de etnia curda e “está empenhado” na sua integração.

Nacional

Proteção Civil alerta população devido ao agravamento do estado do tempo

A Proteção Civil emitiu, esta segunda-feira, um alerta à população uma vez que é esperado, nas próximas 48 horas, um agravamento do estado do tempo.

Informação

Seis pessoas detidas em Vilar Formoso durante operação Fronteira Vigiada

A GNR deteve seis pessoas na fronteira de Vilar Formoso durante a realização da operação “Fronteira Vigiada”, que decorreu entre 16 de março e 30 de junho, com o encerramento

Informação

Derrocada na Serra da Estrela condicionou trânsito. Situação já está resolvida

As fortes chuvas que se fazem sentir no distrito da Guarda provocaram uma derrocada no acesso a Manteigas, na Serra da Estrela.

Informação

EPTOLIVA comemora 28º aniversário no dia 15 de novembro

A EPTOLIVA – Escola Profissional de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil, realiza na próxima sexta-feira, dia 15,  pelas 18h30, …

Região

Colisão entre camião e autocarro faz seis feridos

Uma colisão entre um camião e um autocarro no IC1 (estrada que liga a Figueira da Foz a Leiria), em Marinha das Ondas, fez esta manhã seis feridos ligeiros, incluindo

Informação

Dois detidos por furto de tabaco em Tondela

A GNR deteve na sexta-feira dois homens na localidade de Caparrosa, concelho de Tondela, por furto de tabaco e dinheiro em postos de abastecimento de combustível no valor de mais

Última Hora

Rádio Boa Nova comemora 31º aniversário com emissão especial

É já no próximo domingo, 19 de março, que a Rádio Boa Nova comemora o 31º aniversário. A efeméride vai ser assinalada com uma emissão especial.

Opinião

Ca$h Resto Z€ro: “As lideranças do interior têm de se convencer que não vivemos em tempos normais”

No habitual espaço de opinião da Rádio Boa Nova, “Ca$h Resto Z€ro”, Vítor Neves olha, uma vez mais, para o interior do país.