Novos casos suspeitos de coronavírus em Portugal deram resultados negativos
5 Fevereiro, 2020 414 visualizações

Novos casos suspeitos de coronavírus em Portugal deram resultados negativos

image_pdfimage_print

As novas suspeitas de infeção por coronavírus em Portugal não se confirmaram. A garantia é do Ministério da Saúde que dá conta de que “o terceiro e quarto casos suspeitos, …

que foram encaminhados ontem para o Hospital Curry Cabral, foram negativos após realização de análises laboratoriais pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA)”.

Estes dois casos mais recentes diziam respeito a dois homens, de 40 e 44 anos, residentes na zona da Grande Lisboa. Estes pacientes foram sujeitos a testes clínicos e epidemiológicos e as “amostras biológicas [foram] negativas”.

Um deles era contacto do grupo de cidadãos alemães contagiados no decurso de uma formação na Alemanha, ministrada por um funcionário da empresa que viajou da China para o efeito.

Recorde-se que o primeiro caso de suspeita de infeção pelo novo coronavírus em Portugal foi reportado a 26 de janeiro num homem regressado da China e que esteve sob observação no Hospital Curry Cabral. O segundo deu-se com um cidadão de nacionalidade estrangeira que deu entrada no Hospital de São João, no Porto, em 31 de janeiro.

As suspeitas relativas a estes dois novos casos tinham sido confirmadas pela diretora-geral da Saúde, na terça-feira, numa conferência de impressa, na qual também esteve presente o secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, e o diretor Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA), Fernando Almeida.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) esclarece que, neste momento, em Portugal não é necessário o uso de máscaras para proteção contra o novo coronavírus, com exceção dos cuidadores de eventuais infetados com a doença.

“De acordo com as indicações atuais que temos, e também de acordo com as recomendações do Centro Europeu de Prevenção e Controlo da Doença (ECDC), neste momento não é necessário os cidadãos estarem a usar máscaras”, disse à agência Lusa a enfermeira Goreti da Silva, do Programa Nacional de Prevenção e Controlo de Infeções e das Resistências aos Antimicrobianos (PPCIRA), da DGS.

As máscaras devem apenas ser utilizadas por quem viajou para a zona afetada pelo surto. E, nestes casos, devem ser adquiridas as que têm elásticos laterais sobre a orelha para que possa ser retirada sem mexer na máscara e depositá-la diretamente no contentor do lixo. A máscara tem de “ficar bem assente e tapar bem a boca, o nariz e os lados laterais da face”.

O Centro Europeu de Prevenção e Controlo da Doença refere que as máscaras de proteção ajudam a prevenir a disseminação de infeções e ajudam a proteger quem está doente, mas o seu uso não parece ser eficiente para quem não está doente.

Já relativamente aos profissionais de saúde, a Direção-Geral da Saúde emitiu, na quinta-feira passada, um documento com orientações para a prevenção e controlo da infeção pelo novo corinavírus.

O número de vítimas mortais por infeção pelo novo coronavírus não pára de aumentar. Diariamente são feitos, pelas autoridades, os balanços que dão conta da atualização de mortos e de infetados. O mais recente indica que a epidemia que teve origem em Wuhan já matou 490 pessoas.

As autoridades de Saúde regionais chinesas reportaram esta terça-feira mais 65 mortes. De acordo com o mais recente relatório da Comissão de Saúde de Hubei, desde as 4h00 da manhã até às 24h00 desta terça-feira (horas locais) foram registados mais 3156 novos casos de infeção. Na mesma região, contam-se 12,627 hospitalizados.

Além do território continental da China e das regiões chinesas de Macau e Hong Kong, há mais casos de infeção confirmados em 24 outros países.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou na passada quinta-feira uma situação de emergência de saúde pública de âmbito internacional, o que pressupõe a adoção de medidas de prevenção e coordenação à escala mundial.

Anterior Fogo na ilha da Madeira ativo há 48 horas
Seguinte Distrito: 80 acidentes, 1017 infrações e 8 detenções por excesso de álcool na última semana

Notícias Relacionadas

Região

Queimadas foram das principais causas dos fogos até 31 de agosto

Sessenta por cento dos incêndios investigados entre 01 de janeiro e 31 de agosto foram causados por queimadas, segundo do último relatório…

Última Hora

Homem de 38 anos morre em despiste de mota na Lousã

Um homem de 38 anos morreu na terça-feira à noite na sequência do despiste da motorizada que conduzia, em Gândaras, concelho da Lousã, distrito de Coimbra.

Nacional

Violência doméstica: Maioria das 49 queixas diárias feita por jovens

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítimas recebeu uma média de 49 queixas de violência doméstica por dia, entre 2013 e 2015,…

Região

Região: PJ deteve suspeito de abuso sexual a crianças

A Polícia Judiciária de Leiria deteve um homem, de 42 anos, suspeito da prática de vários crimes de abuso sexual de crianças e de pessoa incapaz de resistência, ocorridos na

Região

Comandante Operacional da protecção Civil  quer “baixas zero” em nova época de incêndios

O Comandante Distrital das Operações de Socorro de Coimbra defendeu, esta manhã, que o objetivo em mais uma época de incêndios é de “baixas zero”.

Informação

Recuperação de jardins de Santuário de Nª Srª das Preces vence Prémio Vilalva

O projeto de recuperação dos jardins envolventes do Santuário de Nossa Senhora das Preces, afetados pelos incêndios de outubro, venceu a 10.ª edição do Prémio Vilalva, no valor de 50

Educação

“A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova

Este sábado, dia de 19 de novembro, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 7.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do

Informação

Buscas por pescador desaparecido em Penacova

Esta manhã, pelas 8h00, foram retomadas as buscas pelo pescador desaparecido na quarta-feira de manhã em Penacova, com 40 elementos e quatro barcos.

Última Hora

FCOH perder 2-1 frente ao Nogueirense e a manutenção ficou muito mais longe

Campeonato de Portugal Prio – Jornada 8 O derbi jogou-se em Oliveira do Hospital FCOH – 1 AD Nogueirense -2 O FCOH ao perder hoje em casa frente ao Nogueirense

Informação

Movimento “Rumo ao Camião” apoia vítimas do incêndio em Oliveira do Hospital

Paulo Costa é um dos rostos da gigante onda de solidariedade que tem chegado ao concelho de Oliveira do Hospital após o incêndio de 15 de outubro.

Informação

GNR reforça patrulhamento no âmbito na operação Verão Seguro 2018

A Guarda Nacional Republicana (GNR) reforça, durante o verão, em todo o território nacional, as ações de patrulhamento e apoio na sua área de responsabilidade,…

Última Hora

Neve corta acesso ao maciço central da Serra da Estrela

Alguns dos troços de acesso ao maciço central da Serra da Estrela foram, hoje de manhã, encerrados ao trânsito devido à queda de neve.