Incêndios: Associação de vítimas recebida pelo primeiro-ministro no dia 9
2 Fevereiro, 2018 1402 visualizações

Incêndios: Associação de vítimas recebida pelo primeiro-ministro no dia 9

image_pdfimage_print

A Associação das Vítimas do Maior Incêndio de Sempre em Portugal (AVMISP) vai ser recebida em audiência pelo primeiro-ministro, no dia 09, disse hoje o presidente da organização à agência Lusa.

Luís Lagos adiantou que o encontro, o primeiro entre as partes desde os incêndios de outubro de 2017, da direção da AVMISP com António Costa, em Lisboa, está marcado para as 11:30 de dia 9, uma sexta-feira.

Para o empresário de Oliveira do Hospital, no distrito de Coimbra, estão “reunidas as condições necessárias para interromper um período marcadamente reivindicativo e encetar um diálogo profícuo com o Governo, tendo em vista a imediata reconstrução da vida das pessoas e a reposição da atividade” económica.

“É fundamental dar início a uma nova fase, assim como projetar novos e ambiciosos modelos de desenvolvimento do interior do país, elementares no reforço da coesão territorial, na fixação de populações e na valorização do potencial endógeno desta região”, afirma Luís Lagos em comunicado.

Mais de três meses após os incêndios de 15 e 16 de outubro, nos quais Oliveira do Hospital foi um dos concelhos mais afetados, com 12 mortos e elevados prejuízos materiais, importa “ter uma postura de colaboração com o Governo e outras entidades no sentido de ajudar a criar condições para que idêntica tragédia nunca mais se repita”, acrescenta.

“Não temos dúvidas de que o fogo é a consequência. A causa é, somente, o abandono do território”, refere na nota.

Os fogos de outubro de 2017 “provocaram danos materiais e imateriais que não têm par na história recente” de Portugal.

“Perante este dantesco cenário, a AVMISP esteve no terreno, desde o primeiro momento, a procurar perceber as principais dificuldades sentidas pelas vítimas e lesados dos incêndios”, recorda.

Segundo Luís Lagos, a audiência com o primeiro-ministro visa “retificar e agilizar algumas das medidas de apoio às vítimas” anunciadas pelo Governo.

As condições de comparticipação do programa REPOR, a criação de um mecanismo idêntico ao REVITA (fundo de apoio às populações e à revitalização das áreas afetadas pelos incêndios de 17 de junho, em Pedrógão Grande e municípios vizinhos) e o apoio para as atividades agrícolas de média e grande dimensão “são alguns dos pontos (…) que devem ser rapidamente corrigidos”, defende.

Anterior "A Escola e o Meio" na Rádio Boa Nova.
Seguinte “Vejo ambulâncias chamadas pelo 112 a ir para Coimbra ou para Seia. Não posso concordar”

Notícias Relacionadas

Informação

Serenata de Coimbra realizou-se à meia noite, mas sem público (com vídeo)

Face à pandemia da Covid-19 e ao adiamento das festividades da Queima das Fitas de Coimbra para outubro, a serenata foi transmitida em direto no Youtube à meia noite.

Região

Homem de 49 anos desaparecido em Folgosinho desde o dia 15 de outubro

Um homem de 49 anos está desaparecido desde o dia 15 na localidade de Folgosinho, no concelho de Gouveia, distrito da Guarda, …

Região

Seia abraça campanha de sensibilização para os direitos das crianças e jovens

Seia voltou a assinalar o Dia Internacional da Convenção sobre os Direitos da Criança, adotada pelas Nações Unidas há 30 anos, com um “estendal público” no jardim dos Bombeiros Voluntários

Destaque

Covid-19: Portugal regista 311 mortes e 11.730 infetados

Portugal regista, esta segunda-feira, um total de 11.730 infetados pelo novo coronavírus. Há ainda 311 mortes (mais 16 do que ontem) e 140 casos de recuperação. As informações constam no

Destaque

AEOH esclarece alunos sobre acesso ao ensino superior e estágios do ensino profissional (com vídeo)

A sub-diretora do Agrupamento de Escolas do Oliveira do Hospital (AEOH), Cristina Borges, foi convidada desta manhã, do programa “Outras Conversas” da Rádio Boa Nova, onde esclareceu os alunos sobre

Sociedade

Estão abertas as inscrições para expositores das Festas do Concelho de Seia

A Câmara Municipal de Seia abriu, hoje, as inscrições para os expositores interessados em participar nas Festas do Concelho de Seia, certame que decorre na praça do município e espaço

Região

IC6: Autarca de Oliveira do Hospital não acredita no documento do PSD e quer reunião urgente com ministro das Infraestruturas

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital considera “deplorável” a resposta dada pelo governo a um grupo de deputados do PSD, …

Última Hora

GNR deteve suspeitos de furto em Tábua

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal da Lousã, deteve dois homens com 30 anos, …

Última Hora

PSP procura mulher desaparecida em Coimbra

As equipas cinotécnicas da PSP estão a realizar buscas para encontrar uma mulher de 48 anos, dada como desaparecida desde as 13h00 de segunda-feira, em Coimbra.

Informação

Autarcas de Viseu e Coimbra querem discutir IP3 com o governo

Os autarcas de Viseu e Coimbra, Almeida Henriques e Manuel Machado, solicitaram uma audiência ao ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques,…

Região

PJ deteve homem suspeito de abusar de menina que estava à sua guarda

A Polícia Judiciária deteve ontem, no concelho da Meda, um homem suspeito de abusar sexualmente de uma menor …

Última Hora

MAAVIM reclama medidas iguais para todas as populações afetadas pelos incêndios

O Movimento Associativo de Apoio às Vítimas dos Incêndios de Midões (MAAVIM), face às medidas apresentadas hoje pelo Ministério da Agricultura,…