Futebolistas do distrito de Coimbra em situação irregular forçados a abandonar o país
7 Dezembro, 2018 1124 visualizações

Futebolistas do distrito de Coimbra em situação irregular forçados a abandonar o país

image_pdfimage_print

Coimbra foi um dos distritos onde o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) fez investigações a clubes e associações desportivas, que culminaram na identificação de 47 jogadores em situação irregular em Portugal, dos quais 32 foram notificados a abandonar o país.

Segundo o SEF, os seus agentes realizaram fiscalizações a 20 emblemas de futebol nos distritos de Viseu, Coimbra, Aveiro, Leiria, Castelo Branco e Guarda que integram competições nacionais como a Segunda Liga e o Campeonato de Portugal.

A força policial acrescenta que também foram vigiados outros clubes em competições distritais, onde têm sido “detetados maior número de situações em desconformidade com a legislação em vigor”.

Durante as ações de fiscalização foram identificados 241 futebolistas, 135 dos quais de diversas nacionalidades estrangeiras, refere o SEF.

“Destes, constatou-se que 47, todos maiores de idade, encontravam-se em situação irregular, ou por não possuírem qualquer visto ou título que os autorizasse à permanência em território nacional, ou porque não estavam habilitados ao desempenho da atividade que exerciam”, esclarece.

Os 32 atletas que foram notificados para sair do país devem abandoná-lo voluntariamente no prazo de 20 dias sob pena de, em caso de incumprimento, virem a ser expulsos. Os operacionais do SEF notificaram ainda outros 15 atletas – que poderão reunir condições para requerer regularização de documentos – a comparecer nas suas instalações.

“Foram ainda identificados 35 cidadãos que aguardam decisão sobre processos de regularização em curso no SEF”, é ainda referido.

No que diz respeito aos clubes e associações que tinham ao seu serviço atletas estrangeiros em situação ilegal, o SEF adianta que instaurou 12 procedimentos de contraordenação, com coimas que podem oscilar entre os 28.000 e os 140.000 euros.

As operações do SEF permitiram, ainda, apurar indícios da prática de crimes de falsificação de documentos e auxílio à imigração ilegal, em três das instituições fiscalizadas, factos entretanto comunicados ao Ministério Público.

As ações de fiscalização tinham por objetivo a prevenção e o combate à exploração da atividade de imigrantes em território nacional, associados a esquemas e redes de tráfico de pessoas, auxílio à imigração ilegal e falsificação de documentos.

As operações foram realizadas durante quatro dias, sem que o SEF tenha especificado a altura em que aconteceu.

Anterior Município oliveirense alerta proprietários de terrenos para remoção de árvores e materiais queimados nos incêndios
Seguinte Ca$h Resto Z€ro: “E porque não dizer ao interior também para fazer greve?”

Notícias Relacionadas

Última Hora

Produtor com mais ovelhas perdeu metade do efetivo e receia não ter condições para continuar a produzir Queijo Serra da Estrela

Paulo Rogério, proprietário da queijaria artesanal com o seu nome, foi fortemente afetado pelo incêndio de 15 de outubro, …

Região

Guarda: Homem detido após incendiar automóvel por vingança

A Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, após receção de comunicação de incêndio em viatura automóvel, desenvolveu diligências de investigação que permitiram identificar, localizar e

Destaque

Oliveira do Hospital “cuida” de 25 hectares de área reflorestada

No Dia da Floresta Autóctone,  que ontem se assinalou, o Município de Oliveira do Hospital lançou o novo projeto ambiental “É Hora de Cuidar”. Depois da reflorestação de 25 hectares,

Nacional

Incêndios: Termina hoje a Fase Delta

A fase Delta de combate a incêndios florestais termina hoje, pelo que os meios operacionais vão ser reduzidos a partir de terça-feira, sendo apenas reforçados em caso de necessidade.

Região

Homem detido em Mangualde por suspeita de violação

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro,  com a colaboração da GNR de Mangualde, deteve um homem, pela presumível autoria de um crime de violação, de que foi vítima

Última Hora

Eptoliva aprova “maior Plano e Orçamento de sempre”

A Assembleia Geral da ADEPTOLIVA – Associação para o Desenvolvimento do Ensino Profissional dos Concelhos de Tábua, Oliveira do Hospital e Arganil aprovou,…

Última Hora

Ervedal da Beira conta com nova Unidade de Saúde

A população de Ervedal da Beira dispõe, desde a passada sexta-feira, de uma nova Unidade de Saúde. O edifício que substitui a antiga extensão de saúde…

Educação

Bandeira nacional gigante assinala 5 de outubro na EB1 de Oliveira do Hospital

Quem passa na Av. Dr. Francisco Sá Carneiro, em Oliveira do Hospital, não fica indiferente à bandeira de Portugal, de grande dimensão (16,5m x 10m),…

Última Hora

Incêndio deflagrou na Câmara de Mortágua devido a caldeira de aquecimento

Um incêndio deflagrou, na tarde de quarta-feira, na Câmara Municipal de Mortágua.

Informação

Cerca de uma centena de concelhos de 15 distritos em risco máximo de fogo

Cerca de uma centena de concelhos de 15 distritos de Portugal continental apresentam hoje risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Sociedade

Oliveira do Hospital sinalizou “entre 20 a 25 casos de violência doméstica” em 2016

Oliveira do Hospital renova hoje, Dia Municipal para a Igualdade, o compromisso de combate às desigualdades e violência doméstica e no namoro. Em 2016,… … no âmbito do projeto “Igualdade

Região

Há três distritos sob aviso laranja devido à chuva forte e persistente

Os distritos do Porto, Viana do Castelo e Braga estão hoje sob aviso laranja devido à previsão de períodos de chuva, por vezes forte e persistente, …