Centro de Inspeções de Seia retoma atividade e garante que sempre cumpriu requisitos legais
4 Setembro, 2017 3107 visualizações

Centro de Inspeções de Seia retoma atividade e garante que sempre cumpriu requisitos legais

image_pdfimage_print

O Centro de Inspeções CIMA, localizado na Zona Industrial de Seia, retomou esta manhã a atividade depois de quatro meses de encerramento por decisão do IMT (Instituto da Mobilidade e dos Transportes), por alegado incumprimento das exigências técnicas.

Rui Caiado, Coordenado do Grupo CIMA, de que é proprietário o empresário Fernando Tavares Pereira, referiu à Rádio Boa Nova que o Centro de Inspeções de Seia foi hoje aberto por indicação do IMT, depois de o Tribunal ter “dado razão ao grupo CIMA” no que respeita ao cumprimento de todas exigências à data do encerramento do Centro, em 8 de maio deste ano. Em causa esteve “um mau entendimento da situação” e o “pormenor” de que o grupo teria que ter feito um comunicado de que cumpria as exigências. “Nós entendemos que tínhamos apenas que cumprir os requisitos”, refere Rui Caiado.

Tal como em 8 de maio, o coordenador do grupo CIMA garante que o Centro reabriu hoje em cumprimento com todas as exigências técnicas”. “Sempre prestámos um bom serviço e vamos continuar. Não houve qualquer falha, a não ser um mau entendimento da lei”, assegura.

Com 23 anos de atividade no concelho de Seia, o Centro serve a população daquele concelho, mas também dos vizinhos concelhos de Nelas, Gouveia e parte de Oliveira do Hospital, com uma média mensal de inspeções que ultrapassa as duas mil viaturas.

O encerramento de quatro meses resultou em “perdas” para a empresas e em “prejuízos” para os seus clientes que se viram “obrigados a deslocarem-se para muito mais longe” para a realização das inspeções. “Foi lamentável esta decisão do IMT, mas temos que respeitar com mais ou menos agrado as instruções do IMT.

O Grupo Cima estima que os prejuízos resultantes “ascendam a muitos milhares de Euros”. Rui Caiado lembra que a decisão do IMT chegou a colocar em risco sete postos de trabalho, que foram contudo acautelados pela integração dos funcionários no centro de inspeções de Oliveira do Hospital que “prestou um excelente serviço às populações da região”. Segundo o coordenador do grupo, os sete colaboradores retomaram esta manhã os postos de trabalho no Centro de Seia.

Para além do Centro de Inspeções de Seia, os tribunais administrativos do Norte e Sul também consideraram ilegal o encerramento dos centros de inspeção de Ponte de Lima e Oliveira do Bairro

Em comunicado, os grupos CIMA e Inspecentro, propriedade do empresário Fernando Tavares Pereira, adiantaram que “o IMT recorreu para o Supremo Tribunal Administrativo, relativamente à decisão dos centros de inspeção automóvel situados em Ponte de Lima e Seia”, mas sublinham que aqueles recursos “não têm efeito suspensivo, razão pela qual os centros irão reabrir”.

Anterior Piódão entre as aldeias portuguesas vencedoras das Sete Maravilhas
Seguinte Homem sofreu amputação de braço em acidente na unidade da Sonae em Oliveira do Hospital (com audio)

Notícias Relacionadas

Última Hora

Região: duas pessoas ficaram feridas em queda de paramotor em Águeda

A queda de um paramotor (parapente com motor) no concelho de Águeda causou, ontem, dois feridos, disse fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Aveiro.

Informação

Góis: António Costa visitou a área ardida da freguesia de Alvares

O Primeiro-Ministro, António Costa, acompanhado do Ministro do Planeamento e Infra-estruturas, Pedro Marques, estiveram ontem no concelho de Góis…

Última Hora

Cheias não impedem semana cultural em Penalva de Alva

A 3ª Semana Cultural de Penalva de Alva, no concelho de Oliveira do Hospital, já arrancou, apesar das adversidades meteorológicas.

Sociedade

Endesa apoia requalificação de fossas em Nelas em contrapartida pela não construção da barragem de Girabolhos

A Endesa vai apoiar o município de Nelas na requalificação das fossas das 13 localidades do concelho como contrapartida pela não construção da Barragem de Girabolhos.

Informação

ADI entregou prémios de campanha de natal em Oliveira do Hospital

Terminada mais uma campanha natalícia proporcionada pela Agência de Desenvolvimento Integrado (ADI), que pretende valorizar o comércio local de Tábua e Oliveira do Hospital,…

Última Hora

“A Escola e o Meio”na Rádio Boa Nova

Este sábado, dia 1 de dezembro, dia da Restauração da Independência, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 9.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do

Última Hora

90 Novas viaturas entregues hoje à GNR

As 90 novas viaturas que foram hoje entregues à GNR, representam um investimento de quatro milhões de euros, e segundo Constança Urbano de Sousa, ministra da Administração Interna, visam aumentar

Destaque

Melhores do desporto vão ser distinguidos em Oliveira do Hospital (com vídeo)

É já no próximo sábado, dia 25 de janeiro, pelas 21h00, que se realiza a 6ª edição da Gala do Desporto promovida …

Região

Inscrições abertas para as Festas do Concelho de Seia 2019

Estão abertas as inscrições para os expositores interessados em participar nas Festas do Concelho de Seia, certame que decorre na praça do município e espaço envolvente, de 15 a 18

Última Hora

Viseu: Tribunal arquiva processo da morte de criança que caiu em claraboia

O Tribunal decidiu arquivar o processo da morte da criança de 13 anos que, em setembro de 2017, caiu numa claraboia no Bairro de Santa Eugénia, em Viseu.

Informação

João Félix torna-se “Viriato de Ouro” como embaixador de Viseu

João Félix foi ontem homenageado pela Câmara Municipal de Viseu. O jogador do Benfica, natural de Viseu, recebeu o estatuto de Viriato de Ouro, destinado aos embaixadores da cidade.

Nacional

Proteção Civil registou mais de 3.010 ocorrências até às 07h30

A Proteção Civil registou durante a madrugada de hoje mais de 3.010 ocorrências relacionadas com o mau tempo, que provocou mais de 1.900 quedas de árvores, …