Café Central: “Vale mais termos uma renda de 600 Euros e ser sustentável, do que ter uma renda de 1200 Euros e depois ninguém nos pagar”
10 Janeiro, 2020 857 visualizações

Café Central: “Vale mais termos uma renda de 600 Euros e ser sustentável, do que ter uma renda de 1200 Euros e depois ninguém nos pagar”

image_pdfimage_print

O regulamento de concessão do Café Central a privados vai ser alterado, a começar pelo valor de renda a pagar,…

… que deverá ser fixado pela autarquia e não ser resultado do preço mais alto apresentado em fase de concurso e que, assim, tem determinado o arrendatário do espaço localizado no Largo Ribeiro do Amaral, na cidade de Oliveira do Hospital.

A medida foi ontem anunciada pelo presidente do município oliveirense, José Carlos Alexandrino depois de interpelado por Cláudio Correia, que substituiu o vereador do PSD João Paulo Pombo Albuquerque, acerca da dívida do anterior arrendatário. O social democrata que começou por questionar se “já foi liquidada a dívida”, lembrou que o café “está parado há mais de quatro meses com perda de receita para o erário público”. Cláudio Correia questionou Alexandrino sobre “quanto mais tempo estima que teremos que esperar para abrir concurso, e se o novo concurso será um ‘copy paste’ do anterior concurso ou se será ajustado para que não aconteça o que aconteceu no passado?”.


Em resposta José Carlos Alexandrino referiu que o “montante em atraso não está liquidado”, informando mesmo que “aquele café só tem dado problemas” e tem sido “um mar de problemas”.  Considerou que a perda de receitas não acontece só quando o café está fechado porque “tive-o aberto e a Câmara esteve sempre a perder receita”. “As Câmaras não estão vocacionadas para determinados equipamentos”, disse ainda.

O autarca oliveirense assegurou que um novo concurso só será lançado “com um caderno de encargos diferente”, em que o preço mais alto não seja a regra. “O Café Central deve ter uma renda que seja sustentável e que dê para as pessoas tirarem lucro e paguem o seu trabalho”, referiu”. Para isso, “a Câmara deve fazer isto ao contrário”. Deve ser a “Câmara a fazer o preço e a fazer uma qualificação dos candidatos e ter critérios claros dessa qualificação. Cada um deve ter um projeto com dinamismo cultural”. José Carlos Alexandrino adiantou mesmo que a Câmara pode determinar a “renda em 600 Euros” e que “deve haver um conjunto de iniciativas culturais”. Para o autarca esta poderá ser uma “solução diferenciadora”, porque “vale mais termos uma renda de 600 Euros e ser sustentável, do que ter uma renda de 1200 Euros e depois ninguém nos pagar”.

Em reunião pública do executivo, Alexandrino disse que não ativou judicialmente a cobrança da dívida, referindo que o objetivo é fazer com que as pessoas vão pagando.

José Carlos Alexandrino não adiantou data para abertura de concurso de concessão do Café Central, mas referiu que gostaria que o mesmo estivesse em funcionamento por ocasião da Feira do Queijo que se realiza nos dias 14 e 15 de março.

Anterior Região: Detidos traficantes de produtos estupefacientes
Seguinte "A Escola e o Meio" na Rádio Boa Nova

Notícias Relacionadas

Informação

O oliveirense Rafael Delaunay Gomes obteve o 31º lugar no Campeonato da Europa de triatlo todo-o-terreno realizado este mês de agosto.

Depois de algum tempo parado devido a uma pequena cirurgia, Rafael em declarações à imprensa, refere, “ não estar na melhor performance, tendo ainda que melhorar muito”, explicando ainda que

Desporto

Resultados desportivos do fim-de-semana

O Sampaense Basket venceu o Eléctrico FC por 83-78 na 8ª jornada da Proliga. A equipa de S. Paio de Gramaços segue em 8º lugar, com 8 pontos.

Última Hora

Coimbra entre os dezasseis distritos sob aviso amarelo

Dezasseis distritos de Portugal continental estão até ao meio da tarde de hoje sob aviso amarelo devido à previsão de chuva por vezes forte, segundo o Instituto Português do Mar

Última Hora

Covid-19: Gouveia regista 13 casos e prolonga situação de alerta

No Município de Gouveia mantém-se em 13 o número de infetados por Covid-19. De acordo com o Relatório de Situação da Unidade Local de Saúde da Guarda,…

Informação

Município de Arganil entregou chaves de 10 habitações reconstruídas após os incêndios 

Dez famílias do concelho de Arganil receberam, esta quarta-feira, dia 17 de outubro, a chave das suas habitações, reconstruídas no âmbito do Programa de Apoio à Recuperação de Habitações Permanentes

Nacional

A previsão é de chuva  e as temperaturas continuam a descer

A previsão para hoje é de chuva e há a possibilidade de trovoada e queda de granizo, informa o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Informação

GNR realiza operação “Duas ou quatro rodas, há espaço para todos”

A Guarda Nacional Republicana (GNR), assim como a Polícia de Segurança Pública (PSP) e a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), promovem, a partir de hoje e até ao dia

Informação

Quase 100 militares no terreno devido à subida das temperaturas

Cerca de uma centena de militares reforçam a partir de hoje as ações de vigilância terrestre e o patrulhamento em Portugal continental,…

Última Hora

Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital reúne esta sexta-feira em sessão ordinária

Esta sexta feira, 28 de junho, realiza-se a sessão ordinária da Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital. Os trabalhos…

Informação

Unidade Pastoral leva relíquia de S. João Paulo II a todas as paróquias de Oliveira do Hospital

É já no próximo sábado, dia 22 de outubro, que a relíquia de S. João Paulo II inicia a sua peregrinação pelas várias paróquias de Oliveira do Hospital. Até 26

Sociedade

Estudantes oliveirenses podem candidatar- se a bolsas de estudo no ensino superior até 19 de novembro

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital abriu o prazo e o período de candidatura para atribuição de bolsas de estudo no ensino superior a alunos com insuficiências económicas …

Última Hora

Arganil regista em 2019 o “maior volume de investimento de sempre”

O ano de 2019 ficou marcado pela “concretização do maior volume de investimento de sempre no concelho de Arganil num único ano”, informa  a autarquia em comunicado enviado à Rádio