Autarca de Ervedal da Beira garante que “alguém vai ser responsabilizado” pela falta de médico na extensão de saúde local
3 Março, 2020 1586 visualizações

Autarca de Ervedal da Beira garante que “alguém vai ser responsabilizado” pela falta de médico na extensão de saúde local

image_pdfimage_print

O presidente da União de Freguesias de Ervedal e Vila Franca da Beira, Carlos Maia, mostrou o seu descontentamento pela falta de médico…

… na Extensão de Saúde local e pela falta de respostas ao pedido de colocação de um clínico, que possa substituir o que se encontra de “baixa médica, prolongada pelos vistos”.

Na última reunião da Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital, realizada sexta-feira à tarde, Carlos Maia informou que enviou um ofício à presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) Centro dando conhecimento também ao Agrupamento de Centros de Saúde (ACES do Pinhal Interior) à coordenadora do Centro de Saúde e cópia para Câmara Municipal e  que até agora não teve resposta de ninguém. “O que lamento”, referiu.

Segundo Carlos Maia, a ausência de médico já dura há “cerca de dois meses”. “O médico está a querer ir para a reforma, se calhar já está farto, digo eu. Está de baixa médica, prolongada pelos vistos”, comentou o autarca que, a esta altura, está indignado com a ausência de respostas.

“Acredito que não tem que ser a presidente da ARS que tem que se preocupar com as escalas e agendas de serviço dos médicos de Oliveira do Hospital. Não será seguramente ela. O que é certo, é que abaixo dela, ninguém me diz nada , o que eu estranho muito”, verificou o autarca, que neste processo avisa que “há seguramente responsabilidades de alguém que não está fazer o serviço que lhe compete”. “Eu vou ter que pedir responsabilidades a alguém. E alguém vai ter que dar uma resposta. Eu vou responsabilizar publicamente alguém”, insistiu Carlos Maia, notando de igual modo que “as populações não vão aguentar mais isto, por muito mais tempo”.  “Não podemos estar de forma impávida e serena a olhar para esta situação. Se ninguém diz nada, a paciência vai-se esgotar. Não se admirem que as populações se revoltem e indignem. Alguém vai ser responsabilizado por isso”, avisou o autarca de Ervedal e Vila Franca da Beira.


O assunto já tinha merecido a preocupação do deputado do PSD, João Esteves, logo no início da Assembleia Municipal. Por motivos familiares, o deputado também se deparou com o espaço fechado. “Acontece que, pelo menos há dois meses a Extensão de Saúde não tem médico. Tenho ido várias vezes ao Ervedal por causa dos meus pais, por problemas de saúde. Está lá um aviso a dizer que está fechado por falta de médico por tempo indeterminado. Acho que é uma situação anómala”, afirmou João Esteves.

Para o deputado do PSD, os serviços do Centro de Saúde de Oliveira do Hospital “deviam ter isso em consideração e substituir o médico”. Referiu que “a alternativa que está no papel (afixado na porta da extensão de saúde) é que as pessoas se dirijam a Oliveira do Hospital ou que liguem para um número que indicam lá”. João Esteves considerou ainda que esta “é uma situação que não é correta, até porque a Câmara Municipal fez ali um grande investimento”.

Sobre esta matéria, o presidente do Município de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, leu aos deputados a carta que dirigiu à presidente da ARS, no “princípio de fevereiro”, em que solicitou “colocação com caráter de urgência de um médico a tempo inteiro nas extensões de saúde de Seixo da Beira e Lagares da Beira, uma vez que as horas prestadas são manifestamente insuficientes (vão lá dois meios dias)”. Em relação à Extensão Saúde de Ervedal da Beira , na missiva o autarca referiu que, “estando um médico com atestado médico de 30 dias, não se consegue perceber porque é que que o Centro de Saúde não tenha disponibilizado um médico do seu quadro para fazer pelo menos duas manhãs por semana”.

Considerou que para agravar ainda mais a situação “na Extensão de Saúde Ervedal, recrutam a enfermeira e a administrativa, fechando o posto”. Aos deputados, José Carlos Alexandrino disse que “não foi para isso que o presidente e o executivo andou a arranjar a candidatura para a extensão de Ervedal da Beira. Alguns preocuparam-se agora que se passou lá um bocadito de frio, mas não se preocuparam quando aquilo era um pardieiro. Hoje temos uma extensão de qualidade para aquela zona”. O autarca oliveirense reiterou que será “sempre contra o fecho de qualquer Extensão de Saúde para centralizar no Centro de Saúde de Oliveira do Hospital, porque nós não temos a mobilidade como as outras cidades têm”.

 

A Rádio Boa Nova aguarda esclarecimentos solicitados à coordenadora da Unidade de Cuidados de Saúde Primários de Oliveira do Hospital  (UCSP) sobre a falta de médico na extensão de saúde de Ervedal da Beira.

Anterior Seia: Município convida à participação cívica no 5º Orçamento Participativo
Seguinte Dois alunos do AEOH participaram no Campeonato Nacional das Profissões (com vídeo)

Notícias Relacionadas

Região

Tondela: Três centenas de ninhos de vespa asiática foram destruídos

Três centenas de ninhos de vespa asiática, situados maioritariamente em árvores, foram eliminados no concelho de Tondela desde o início deste ano.

Desporto

Casa do Benfica de Arganil realiza trail Trilhos de Arganil

A Secção Desportiva da Casa do Benfica de Arganil, com a ajuda de vários parceiros, vai realizar no próximo dia 3 de março de 2019, a prova de trail Trilhos

Informação

Município oliveirense apresenta Programa de Investimento em Territórios de Baixa Densidade

O Município de Oliveira do Hospital acolhe uma sessão de esclarecimento sobre o Programa de Investimento em Territórios de Baixa Densidade, na próxima segunda-feira, dia 2 de julho, a partir

Informação

Fernando Teotónio vence Rali de Tábua e Oliveira do Hospital

Fernando Teotónio foi o grande vencedor do Rali de Tábua e Oliveira do Hospital, a segunda prova do Campeonato Centro de Ralis, que foi organizada pela Escuderia Castelo Branco e

Última Hora

Bombeiros da Figueira da Foz procuram homem perdido na Mata de Quiaios

Os bombeiros municipais da Figueira da Foz estão a proceder a buscas para encontrar um homem que se perdeu na Mata Nacional de Quiaios, mancha florestal situada no norte do

Sociedade

“A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova

Este sábado, dia de 14 de janeiro, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 15.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do

Informação

Hóquei Patins: FCOH ganha em casa contra Leiria Marrazes

  A equipa de hóquei patins do Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) ganhou em casa por 6-1 contra o Sport Clube Leiria e Marrazes.

Informação

Nelas e Mangualde: Polícia Judiciária deteve assaltantes à mão armada

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, no decurso da operação “Fakebook”, identificou e deteve três homens e duas mulheres, todos desempregados, pela presumível…

Informação

Dão apresenta “primores” de 2016

O Dão realiza esta segunda-feira, dia 22 de maio,  um balanço da última vindima. “Dão Primores – Declaração de Vindima 2016” realiza-se no Solar do Vinho do Dão, em Viseu,

Informação

PCP exige remoção de amianto do telhado do Centro de Saúde de Oliveira do Hospital

O PCP reclamou a substituição parcial do telhado do Centro de Saúde de Oliveira do Hospital, por conter amianto, após o grupo parlamentar comunista ter questionado também o Governo sobre

Última Hora

Homem morre em acidente com máquina agrícola em Montemor-o-Velho

Um homem de 44 anos morreu ontem em Arazede, Montemor-o-Velho, na sequência de um acidente com uma máquina agrícola, um “Dumper”, onde acabou por ficar entalado. Segundo os bombeiros voluntários

Politica

PS de Oliveira do Hospital exige requalificação total da EN 230 até ao limite do distrito de Coimbra

O Partido Socialista de Oliveira do Hospital não aceita que a requalificação da via entre Vendas de Galizes e Alvôco de Várzeas se fique pelo troço de nove quilómetros…