Assembleia Municipal de Nelas aprovou Orçamento por larga maioria
3 Janeiro, 2017 1362 visualizações

Assembleia Municipal de Nelas aprovou Orçamento por larga maioria

image_pdfimage_print

Na Assembleia Municipal de Nelas, realizada no dia 28 de dezembro, foi aprovado por maioria o orçamento municipal e as grandes opções do plano para o ano de 2017.

Os membros do Partido Socialista unidos e todos os sete Presidentes de Junta de Freguesia votaram a favor do documento, tendo o documento merecido duas abstenções e oito votos contra da bancada do PSD e CDS.

Os documentos haviam já sido aprovados em reunião de câmara realizada anteriormente com três votos a favor (do Presidente, da Vice-Presidente e de outro Vereador do PS), a abstenção dos Vereadores do PSD e CDS, e o voto contra do outro Vereador do PS.

O orçamento para 2017, e porque o Município se encontra em Plano de Ajustamento Financeiro, desde 2013 (PAEL e Reestruturação Financeira) mereceu parecer amplamente favorável da Direção Geral das Autarquias Locais (DGAL), elogiando a gestão municipal pelo controle e evolução altamente favorável das finanças municipais.

A Câmara Municipal de Nelas prevê uma receita em 2017 de 13.664.021€, que se destina em 52% para despesa corrente no valor de 7.127.367€, e em 48% para investimentos ou despesas de capital no valor de 6.536.654€. Ao nível da receita é de realçar os impostos diretos municipais no montante de 2.802.442€ (IMI, IMT, Derrama e Imposto Circulação), o FEF no montante de 4.576.008€, e a previsão de recebimento de mais de 3.300.000€ de fundos comunitários. Do lado da despesa realce-se a despesa com pessoal de 2.945.901€, a aquisição de bens e serviços de 3.205.612€, e o custo da dívida (amortização e juros) de 1.301.970€. Em despesas de investimento a Câmara pretende gastar mais de 2.600.000€, nas obras das diversas ETARs e em arruamentos e outras obras cerca de 1.000.000€.

De referir especialmente a construção da Loja do Cidadão com 347.500€, a continuação da delegação de competências para as freguesias para limpeza urbana de 60.000€, o apoio às Associações de Bombeiros no valor de 150.000€, a requalificação das escolas primárias de Vilar Seco, Carvalhal Redondo e Santar, no valor de mais de 450.000€, a requalificação urbana em Nelas de 1.500.000€, a construção da CAVE – Museu do Vinho em Santar com 281.800€, a requalificação urbana no concelho em mais de 150.000€, o arranque da construção da ETAR 3 de Nelas e sistema interceptor com uma despesa prevista em 2017 de 2.500.000€, e a construção de seis novas ETARs nas freguesias, sendo: ETAR de Casal Sancho – 194.348€; ETAR da Lapa do Lobo – 324.283€; ETAR de Aguieira/ Carvalhal Redondo – 483.900€; ETAR de Santar – 201.416€; ETAR nova em Moreira – 366.069€; ETAR em Vilar Seco – 359.058€, estando inscrito ainda ao nível do ciclo urbano da água diversos outros investimentos como uma nova ETAR na Zona industrial da ribeirinha de Canas de Senhorim, um novo sistema de abastecimento de água e a reabilitação do sistemas de drenagem, projectos estes num montante superior a 3.500.000€. Prevê-se gastar na ampliação de cemitérios e contentores do lixo enterrados o valor de 219.458€ (especialmente os cemitérios de Vilar Seco, Senhorim, Folhadal e Canas de Senhorim), beneficiar parques infantis e seniores com pelo menos 50.000€, continuar a apoiar a instalação de industrias com pelo menos 100.000€, requalificar a rede viária e caminhos agrícolas e florestais com pelo menos 190.000€, prevendo-se ainda verbas para apoio a obras à habitação de famílias carenciadas e apoio à criação de emprego a pequenas e micro empresas em cerca de 50.000€.

O apoio ao Movimento Associativo continuará à semelhança dos anos anteriores.

O Presidente da Câmara que apresentou o orçamento na câmara e na Assembleia Municipal, ouviu todos os partidos ali representados e foi sensível a propostas de alteração apresentadas, considerou um orçamento “realista e ambicioso” ao nível do investimento, centrando-se nos investimentos prioritários e estruturais, como os do ambiente, empregabilidade e apoio social e associativo, num quadro de rigor financeiro que resulta da redução em 2017, da dívida total do município de mais de 16.000.000€ em final de 2013, para 10.000.000€ no final de 2017.

Anterior Sampaense Basket perde em casa com o Galitos
Seguinte Vento forte causou estragos em S. Paio, Gouveia

Notícias Relacionadas

Politica

Tomada de posse em Oliveira de Hospital é na sexta-feira

Os novos órgãos municipais de Oliveira do Hospital vão tomar posse amanhã. A cerimónia foi adiada uma semana devido aos incêndios no concelho.

Informação

11 detenções, 846 infrações e 73 acidentes no distrito de Coimbra

O Comando Territorial de Coimbra procedeu, de 27 de fevereiro a 5 de março, a várias operações, no distrito de Coimbra, como a prevenção e o combate à criminalidade violenta

Região

Idoso morre em atropelamento ferroviário em Carregal do Sal

Um idoso de 84 anos morreu esta manhã depois de ter sido atropelado por um comboio, na localidade de Papízios, no concelho de Carregal do Sal.

Região

Arganil é a única autarquia do distrito de Coimbra a devolver totalidade do IRS aos munícipes

Arganil é um dos poucos municípios a contrariar a tendência nacional no que diz respeito à devolução do IRS aos seus munícipes. Em comunicado enviado  à Rádio Boa Nova, a

Região

Pombal: Idosa morre após assalto violento

Um casal de idosos foi assaltado em casa, no último fim-de-semana, em Pombal. A mulher acabou por morreu esta terça-feira no Hospital de Coimbra, onde estava internada.

Informação

Oliveira do Hospital comemora Semana dedicada à Igualdade

O Município de Oliveira do Hospital vai comemorar o Dia Municipal para a Igualdade, assinalado anualmente a 21 de junho, com diversas iniciativas que decorrem até 24 de junho.

Informação

Lucinda Maria apresenta novo livro em Lagares da Beira

O livro “Sonho?… Logo, Existo!” de Lucinda Maria vai ser apresentado sexta-feira, dia 26 de janeiro, pelas 21h00, na Biblioteca Ludoteca de Lagares da Beira. Trata-se do mais recente livro

Cultura

Oliveira do Hospital acolhe sessão de esclarecimento sobre Programa de Apoio à Ação Cultural

O Município de Oliveira do Hospital acolhe, amanhã, dia 22 de fevereiro, uma sessão informativa do Programa de Apoio à Ação Cultural da Direção Regional de Cultura do Centro (DRCC).

Politica

Alexandrino diz que ausência de candidato do PSD no debate “envergonha a democracia”

O candidato do PS à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital acredita que, depois do debate, os oliveirenses “ficaram esclarecidos…

Região

Trabalhos na Estrada Nacional/ER 342 – Arganil-Côja estão suspensos

O Município de Arganil anunciou, em comunicado enviado à Rádio Boa Nova, a suspensão dos trabalhos da empreitada de beneficiação da ER 342, entre Arganil e Côja, …

Informação

Figueira da Foz: Dois jovens detidos com 185 doses de haxixe

A PSP deteve, ontem,dois jovens, um com 18 e o outro com 20 anos, na zona da Gala, Figueira da Foz, que estavam na posse de 185 doses de haxixe.

Última Hora

O jogo deste sábado entre o FCOH – UDL já não tem transmissão televisiva pelo Cana11

Em comunicado, o FCOH informa adeptos, simpatizantes, sócios e patrocinadores desta alteração, mostrando também o seu desagrado, pela tomada de atitude e aviso tardio por parte da FPF, sobre este