ANPC alerta para fenómenos extremos de vento, chuva, neve e agitação marítima
31 Janeiro, 2019 900 visualizações

ANPC alerta para fenómenos extremos de vento, chuva, neve e agitação marítima

image_pdfimage_print

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alerta para a possibilidade de “fenómenos extremos de vento”, além da chuva, queda de neve e agitação marítima. São os efeitos da depressão Helena, que vem aí caminho.

O cenário meteorológico para os próximos dias vai agravar-se com a chegada da depressão Helena. De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), as previsões para os próximos dias apontam para precipitação persistente, queda de neve, intensificação do vento, com possibilidade de fenómenos extremos, e agravamento da agitação marítima em toda a costa.

Detalhadamente, no que toca à precipitação, esta será pontualmente forte, e afetará as regiões Norte e Centro com mais intensidade já a partir da tarde desta quinta-feira, estendendo-se progressivamente às restantes regiões.

Para amanhã, dia 1 de fevereiro, prevê-se precipitação mais significativa até ao final da manhã nas regiões Norte e Centro, que pode ser acompanhada de trovoada e granizo, sendo as regiões do Sul as mais afetadas no período da tarde.

Quanto ao vento, este soprará do quadrante Oeste moderado a forte no litoral (<45 Km/h) e nas terras altas (<50 Km/h), com rajadas que podem atingir os 65 e 85 Km/h, respetivamente. Está previsto um agravamento da intensidade do vento, que será mais significativo no litoral e as terras altas a norte do cabo Mondego, com rajadas que podem atingir os 110 Km/h nas terras altas e 85 Km/h no litoral.

O cenário meteorológico prevê também queda de neve acima dos 1000 metros a partir do final do dia de hoje, quinta-feira, descendo a cota para os 600 a 800 metros (nordeste trasmontano) e até 800 metros nas restantes formações montanhosas no Norte e Centro (podendo ainda atingir a serra de S. Mamede), até final da manhã de amanhã.

A Proteção Civil alerta ainda para a agitação marítima, com ondas de noroeste de quatro a cinco metros a norte do Cabo Raso, com previsão de agravamento a partir da próxima madrugada, com ondulação que pode exceder sete metros e picos máximos até 15 metros (com forte rebentação na costa), prevendo-se que o período mais crítico ocorra entre 12h e as 21h de amanhã, dia 1.

Face às condições descritas, a ANPC alerta para os efeitos expetáveis e recomenda o cidadão a adotar comportamentos preventivos.

Por isso, deverá ter atenção ao piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água e gelo; à possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem; à possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis.

São esperadas também inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem; danos em estruturas montadas ou suspensas; dificuldades de drenagem em sistemas urbanos, nomeadamente as verificadas em períodos de preia-mar, podendo causar inundações nos locais historicamente mais vulneráveis.

A Proteção Civil alerta ainda para a possibilidade de queda de ramos ou árvores em virtude de vento mais forte; possíveis acidentes na orla costeira e ainda fenómenos geomorfológicos causa da desestabilização de vertentes associados à saturação dos solos, pela perda da sua consistência.

Anterior Fundador da Sociedade Portuguesa de Medicina Chinesa alerta para a lei que regula o ensino e o exercício profissional (áudio)
Seguinte Moimenta da Beira: PJ investiga jovem encontrada morta em casa

Notícias Relacionadas

Informação

Operação “Smartphone, Smartdrive”: GNR fiscaliza uso do telemóvel durante a condução

A Guarda Nacional Republicana (GNR), entre os dias 11 a 17 de fevereiro, intensifica a fiscalização do uso do telemóvel durante a condução, com o objetivo de prevenir a sinistralidade

Informação

Viseu: Homem morre após cair em pedreira

Um homem de 37 anos morreu, na tarde desta quarta-feira, depois de a viatura que conduzia ter caído numa pedreira em Cinfães, no distrito de Viseu.

Sociedade

Educação Ambiental mobiliza mais de três mil participantes em Oliveira do Hospital

O Município de Oliveira do Hospital mobilizou mais de três mil participantes nas várias iniciativas de Educação Ambiental ao longo do ano letivo 2015/2016. As iniciativas foram desenvolvidas nas áreas

Informação

Desinfeção nas escolas arranca amanhã

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, revelou hoje que a desinfeção de escolas encerradas devido à pandemia da covid-19, para a retoma das aulas, arranca esta quarta-feira, faseadamente,

Informação

J.Silvas Rally Team ansiosa pelo regresso dos ralis

Após paragem forçada devido à situação pandémica do Covid-19, a cidade de Castelo Branco prepara-se para receber a caravana do Campeonato Portugal Ralis e do Campeonato Centro de Ralis 2020.

Região

Pizzaiolo Casimiro Santos comemora 50 anos com amigos e clientes

Casimiro Santos, o conhecido pizzaiolo que integrou a seleção nacional vencedora do campeonato do mundo de Pizzaiolos em Nápoles comemora hoje, dia 12 de junho, 50 anos.

Informação

Chuva volta a Portugal continental a partir de quarta-feira

A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e a temperatura mínima vai subir.

Última Hora

Eptoliva congratula-se com sucesso de ensino não presencial. A escola ofereceu computadores aos novos alunos no início do ano

A EPTOLIVA – Escola Profissional de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil, que se antecipou às “Medidas Extraordinárias de Contenção e Mitigação do Coronavírus”,

Última Hora

GNR detetou 649 infrações e apreendeu 11 viaturas na operação “Peso Pesado”

A Guarda Nacional Republicana (GNR) registou 649 infrações no âmbito da operação “Peso Pesado” realizada na passada sexta-feira, 22 de maio, de fiscalização intensiva de veículos…

Região

Seia monitoriza águas das praias fluviais em áreas ardidas

As linhas de água que abastecem as praias fluviais do concelho de Seia, na Serra da Estrela, situadas em áreas atingidas pelos incêndios de 2017, estão a ser monitorizadas para

Informação

Tondela: Acidente de trabalho em pedreira faz um ferido grave

Um acidente de trabalho numa pedreira provocou, esta tarde, um ferido grave, em Tondela.

Sociedade

Seia abraça campanha de sensibilização para os direitos das crianças e jovens

Crianças e jovens comemoram o Dia Internacional da Convenção sobre os Direitos da Criança (20 de novembro) com um “estendal público” no jardim dos Bombeiros Voluntários de Seia.