Volta a Portugal em Bicicleta com partidas de Miranda do Corvo, Pampilhosa da Serra e Oliveira do Hospital
7 Junho, 2019 1052 Views

Volta a Portugal em Bicicleta com partidas de Miranda do Corvo, Pampilhosa da Serra e Oliveira do Hospital

image_pdfimage_print

A Volta a Portugal em Bicicleta vai ter 3 etapas com partidas na região de Coimbra. No dia 1 de agosto, a 1.ª etapa é corrida entre  Miranda do Corvo e Leiria.

No dia 4 de agosto, a 4.ª etapa tem partida da Pampilhosa da Serra e chegada à Covilhã (Torre), No dia 5 de agosto, a 5.ª etapa tem início em Oliveira do Hospital  e meta na Guarda. 

A subida à Torre, na quarta etapa, vai regressar, quatro anos depois, à Volta a Portugal em bicicleta, cuja 81.ª edição foi hoje apresentada em Lisboa e que será corrida a norte do rio Tejo.

Após três anos de ausência, a subida ao ponto mais alto de Portugal continental volta a fazer parte do percurso, numa edição em que Santo António dos Cavaleiros, em Loures, será o ponto mais a sul.

Em 04 de agosto, 145 quilómetros após a saída de Pampilhosa da Serra, que se estreia na Volta, os ciclistas vão subir à Torre, uma contagem de montanha de categoria especial, ascendendo pela Covilhã e pelas Penhas da Saúde.

Além desta etapa, as grandes decisões devem ficar reservadas para os dois últimos dias, com a subida à Senhora da Graça, em Mondim de Basto, e o contrarrelógio final, no Porto.

Na nona e penúltima etapa, em 10 de agosto, a corrida vai chegar à Senhora da Graça, uma subida de primeira categoria, 133,5 quilómetros da partida de Fafe, onde em 2018 o espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) foi coroado vencedor.

No dia seguinte, a Avenida dos Aliados, no Porto, vai acolher o pódio final, após um contrarrelógio de 19,5 quilómetros, com partida em Vila Nova de Gaia e a cidade invicta.

A 81.ª edição da Volta a Portugal vai começar em Viseu, com um prólogo de seis quilómetros, em 31 de julho, antes de, no dia seguinte, os ciclistas fazerem a ligação entre a estreante Miranda do Corvo e Leiria (174,4 quilómetros), numa das poucas oportunidades para ‘sprinters’.

Santo António dos Cavaleiros recebe o final da segunda etapa, com uma contagem de terceira categoria, após a mais longa ligação da corrida, com uma extensão de 198,5 quilómetros, desde a Marinha Grande.

Outra das chegadas sem contagem de montanha coincidente com a meta vai acontecer na terceira etapa, com a também longa (194,1 quilómetros) ligação entre Santarém e Castelo Branco.

Após a subida à Torre, e a anteceder o dia de descanso, mais uma etapa dura, com a chegada à cidade mais alta de Portugal, a Guarda, com a meta a coincidir com uma contagem de terceira categoria. A tirada começa em Oliveira do Hospital, com os ciclistas a terem de percorrer 158 quilómetros.

Apesar de ter apenas três contagens de terceira categoria do início da corrida, a sexta etapa não será fácil, com um percurso de constante sobe e desce entre Torre de Moncorvo e Bragança (189,2).

Será desta capital de distrito que sairá uma dura sétima etapa, que partirá igualmente de Bragança, com a meta a estar instalada no Alto do Larouco (primeira categoria), em Montalegre, 156,2 quilómetros após a partida.

Antes das duas últimas etapas, os ciclistas não terão grande tempo para descansar, uma vez que a oitava etapa também termina em alto, com uma contagem de terceira categoria, em Santa Quitéria, em Felgueiras, 156,6 quilómetros após a partida em Viana do Castelo.

Em relação às equipas, destaque para a presença de cinco equipas continentais profissionais, com a portuguesa W52-FC Porto, dominadora das últimas edições, a ter a companhia das espanholas Caja Rural e Euskadi-Murias, da israelita Israel Cycling Academy e da francesa Arkea Samsic.

As equipas continentais portuguesas Sporting-Tavira, Aviludo-Louletano, Vito-Feirense-PNB, Efapel, Rádio Popular-Boavista, Miranda-Mortágua, LA Alumínios e Oliveirense-Inoutbuild também vão estar presentes.

A completar o lote de equipas vão estar, igualmente do terceiro escalão, a espanhola Euskadi, a angolana Sicasal-Bai, a colombiana Team Medellín, a sul-africana Protouch, a irlandesa Evo Pro Racing e a suíça SRA.

Fonte: Notícias de Coimbra

Previous “Zumbásticas RDSports” promovem aula de Zumba na Luta Contra o Cancro (com vídeo)
Next Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital comemora 8.º aniversário

Artigos Relacionados

Informação

Pombal: Circulação na Linha do Norte retomada depois de atropelamento

A circulação ferroviária na Linha do Norte já foi normalizada, depois de um atropelamento que ocorreu ontem e que causou um morto em Pombal.

Última Hora

S. Gião: Observação noturna de estrelas “Moutain Sky View” no próximo sábado

O Município de Oliveira do Hospital, em parceria com as Aldeias de Montanha e a Junta de Freguesia de São Gião, promovem no próximo sábado, 1 de dezembro,…

Informação

Costinha na Académica assume-se treinador “caloiro”

José Costinha foi apresentado, esta terça-feira, como novo treinador da Académica da Coimbra, onde se assumiu como um “caloiro com muita vontade” de …

Informação

Marchas do Sarzedo e de S. Martinho abrilhantaram ruas de Arganil

Arganil esteve em festa na passada sexta-feira, dia 13 de Julho, com a primeira edição das Marchas do Concelho, uma iniciativa da Câmara Municipal de Arganil, que levou às ruas

Informação

Oliveira do Hospital acolhe exposição e debate sobre Violência Doméstica

Até ao final do mês de junho encontra-se patente, em Oliveira do Hospital, a exposição “Aqui morreu uma Mulher” que reúne um conjunto de fotografias recolhidas…

Região

Autarca de Seia exige que Governo cumpra “o que prometeu” sobre itinerários na Serra da Estrela

O presidente da Câmara Municipal de Seia, Carlos Filipe Camelo, considerou ontem que o Governo “tem de cumprir o que prometeu”, em relação às acessibilidades …

Informação

“Os Amigos de Lagos da Beira” comemoram VI aniversário com tarde musical

“Os Amigos de Lagos da Beira – Grupo Musical” comemoram o seu VI aniversário no próximo dia 28 de abril, a partir das 21 horas, na sede da Associação Desportiva

Informação

Colisão seguida de atropelamento provoca um morto em aldeia de Trancoso

Um homem de 75 anos morreu hoje na sequência de uma colisão entre duas viaturas, seguida de atropelamento, em Castaíde, localidade do concelho de Trancoso.

Última Hora

PSD de Oliveira do Hospital pede esclarecimentos a Costa sobre atraso “nas obras no IC6”

A Comissão Política do PSD de Oliveira do Hospital quer que o presidente da Câmara, José Carlos Alexandrino e o primeiro Ministro, António Costa, esclareçam os oliveirenses sobre…

Última Hora

“O Valor da Água” em exposição na Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital

A Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital acolhe durante os próximos dias a exposição “O Valor da Água”, que pode ser visitada até ao dia 4 de Maio.

Região

Idosa desaparecida em Trancoso foi encontrada “bem de saúde”

A mulher de 76 anos que estava dada como desaparecida desde terça-feira em Cótimos, no concelho de Trancoso, foi encontrada “bem de saúde”, numa aldeia vizinha.

Região

Unidade de Saúde da Guarda com camas suplementares e reforço de equipas

A Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda anunciou hoje que no âmbito da segunda fase do Plano de Contingência da Gripe reforçou o número de camas suplementares…