Vítimas dos fogos de 2017 podem requerer indemnizações até janeiro

Vítimas dos fogos de 2017 podem requerer indemnizações até janeiro

image_pdfimage_print

O Ministério da Justiça informou, hoje, que as vítimas dos incêndios ocorridos entre 17 e 24 de junho e 15 e 16 de outubro de 2017 …

… podem enviar os pedidos de indemnização à Comissão para Avaliação dos Pedidos de Indemnização até janeiro de 2019 sem qualquer tipo de custo.

De acordo com o comunicado enviado pelo gabinete do ministério à Rádio Boa Nova, estas compensações são para vítimas cujos os danos não se encontrem previstos noutros apoios.

A esta indemnização têm direito as vítimas que sofreram danos físicos, mentais ou outros danos, patrimoniais ou não patrimoniais, da responsabilidade do Estado, resultantes dos incêndios florestais de junho e outubro de 2017 e que ainda não tenham sido compensados por outras vias.

Para realizar o pedido de indemnização, os cidadãos têm de entregar preenchido um requerimento, cujo modelo do mesmo disponível no site da Comissão de Avaliação dos Pedidos de Indemnização.

Com esse documento é necessário entregar uma declaração comprovativa da condição de vítima, emitida pelos serviços competentes: o Instituto de Medicina Legal e Ciências Forenses, I. P., no caso das vítimas mortais e feridos graves; as Administrações Regionais de Saúde do Norte e do Centro, no que respeita à identificação das vítimas que invoquem danos à sua saúde física ou mental; as Direções Regionais de Agricultura e Pescas do Norte e do Centro, no caso de danos inerentes à atividade agrícola; as Comissões de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte e do Centro, no tocante aos demais danos materiais.

Os requerimentos para os pedidos de indemnização são dirigidos à CPAPI e podem ser apresentados pelos interessados na sede da Comissão, que funciona nas instalações do Tribunal da Relação de Coimbra, na Secretaria-Geral do Ministério da Justiça, em Lisboa, nos serviços das autarquias locais do local de residência dos requerentes e no Consulado Português da respetiva área de residência.

O ministério da Justiça informa ainda que os cidadãos poderão solicitar ajuda para a instrução e apresentação dos requerimentos de indemnização, bem como informações e consulta jurídica ao Conselho Regional de Coimbra da Ordem dos Advogados.

Previous Incêndios: Metro de Lisboa entregou computadores e outros materiais em Oliveira do Hospital
Next Oliveira do Hospital vai ter um local de abrigo contra ondas de calor

Artigos Relacionados

Informação

Sete distritos sob aviso amarelo devido à trovoada e vento forte

Sete distritos do continente estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de trovoada e vento forte, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Informação

Antigos autarcas de Santa Comba Dão condenados por uso indevido de telemóveis e “tablets”

O ex-presidente da Câmara de Santa Comba Dão, João Lourenço, assim como os antigos vice-presidente António Correia e vereador Fernando Cruz, foram condenados …

Informação

Viatura fica sem travões e atropela várias pessoas em funeral

Pelo menos 12 pessoas foram atropeladas esta terça-feira, no concelho de Miranda do Corvo, quando participavam num funeral. A condutora, irmã do falecido, também ficou ferida.

Informação

JSD de Oliveira do Hospital lança inquérito online à população

A Juventude Social Democrata (JSD) de Oliveira do Hospital lançou  um inquérito online denominado  “Oliveira do Hospital depende de todos nós!”, dirigido a todos os oliveirenses.

Informação

Só este ano já foram detidas 137 pessoas pelo crime de incêndio

As autoridades policiais detiveram, até segunda-feira, 137 pessoas pelo crime de incêndio florestal, mais do dobro do que em 2016, continuando a registar-se várias ignições noturnas, …

Última Hora

Oliveira do Hospital realiza sessão evocativa em memória das vítimas do incêndio de 15 de outubro de 2017

Esta segunda-feira, quando se assinala um ano dos trágicos incêndios de 15 de outubro, o Município de Oliveira do Hospital presta homenagem a todas as vítimas através da realização de

Informação

GNR realiza operação “Natal Tranquilo” com intensificação do patrulhamento

A Guarda Nacional Republicana (GNR) intensifica, a partir de amanhã, 21 de dezembro e até ao final da próxima quarta-feira, dia 26 de dezembro, em todo o território nacional, o

Informação

Coimbra: PSP deteve jovem que lançava o pânico entre estudantes

Agentes da PSP detiveram, na quarta-feira, um jovem de 20 anos que criava um ambiente de terror entre os estudantes de Coimbra.

Informação

Câmaras querem mais tempo para pedir empréstimos para recuperar segundas habitações

As autarquias querem que o Governo alargue prazo para pedidos de empréstimos à Direção-Geral das Autarquias Locais, que termina a 30 de novembro,…

Educação

Alunos do AEOH chegam à final do concurso “Eco-Ementas”

Na passada sexta-feira, dia 29 de março, três equipas de Eco-Cozinheiros do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital (AEOH) deslocaram-se…

Última Hora

Mulher morreu horas depois de ter sido atropelada pelo próprio carro em Oliveira do Hospital

Uma mulher de 72 anos morreu, ontem, no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, depois de ter sido colhida pelo próprio carro, à entrada da garagem, na cidade de Oliveira

Região

INEM renova Ambulância dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital assinaram …