Venceslau Fernandes conquistou a 26ª Volta a Portugal do Futuro

Venceslau Fernandes conquistou a 26ª Volta a Portugal do Futuro

Venceslau Fernandes confirmou ontem, em Santarém, a vitória na 26ª Volta Portugal do Futuro Liberty Seguros.

Camisola Amarela desde a segunda etapa, quando a competição Sub 23 se estreou no alto do Monte do Colcurinho, na linha divisória dos concelhos de Oliveira do Hospital e Arganil, Venceslau terminou a derradeira etapa da Volta do Futuro tranquilamente integrado no pelotão que discutiu a chegada no Centro Nacional de Exposições, em pleno Festival Bike Portugal.

O triunfo da sexta tirada foi de Iúri Leitão (Sicasal/Constantinos/Delta Cafés) ao sprint após 118,3 quilómetros iniciados também no maior certame dedicado ao comércio e indústria da bicicleta. Depois de muitas movimentações na região ribatejana, a fuga do dia evaporou-se já no último quilómetro, quando o jovem corredor da equipa do oeste, muito ativo durante toda a competição, bateu a concorrência e superiorizou-se a Francisco Campos (Miranda/Mortágua) e ao argentino Jose Martinez Ronconi (Baqué/IDEUS).

Nas contas finais da 26ª Volta Portugal do Futuro Liberty Seguros o dia final não trouxe surpresas, Tiago Antunes (Aldro) também confirmou o segundo lugar da geral a 21 segundos e Hugo Nunes (Miranda/Mortágua) a terceira posição a pouco mais de meio minuto para o vencedor. Venceslau Fernandes (Liberty Seguros/Carglass), o filho do “velho“ Lau, vencedor da Volta a Portugal de 1984, para além de ganhar esta competição também foi o Rei da Montanha e à Camisola Amarela acrescentou a Camisola Castanha Delta Cafés. Francisco Campos (Miranda/Mortágua), o mais regular, venceu a classificação dos pontos e vestiu a Camisola Preta KIA e o espanhol Ander del Castaño (Froiz) foi o líder da juventude, Camisola Laranja KTM. Coletivamente o triunfo foi da equipa espanhola Aldro, 18 segundos à frente da Miranda/Mortágua.

A Podium Events, responsável pela organização, prepara agora a próxima competição agendada para 22 de Setembro. Com caráter completamente diferente e aberto à participação de todos, a Subida à Glória Jogos Santa Casa vai animar a noite lisboeta a partir das 20 horas. A prova realiza-se na íngreme Calçada da Glória que liga a Praça dos Restauradores ao Jardim de São Pedro de Alcântara no muito movimentado Bairro Alto. Trata-se da corrida de bicicleta mais pequena do mundo com apenas 265 metros mas com uma inclinação vertiginosa que atinge o declive médio de 17%. A Subida à Glória associada à Semana Europeia do Desporto tem inscrições abertas a homens e mulheres com idade igual ou superior a 16 anos.

Previous Constrangimentos no abastecimento de água em Gouveia, Oliveira do Hospital e Seia
Next ESTGOH coloca 143 alunos na 1ª fase de acesso ao ensino superior (com vídeo)

Artigos Relacionados

Destaque

“Valerá a nossa vontade e nossa perseverança para lutar e fazer com que a J.Guerra continue”

Prestes assinalar 50 anos de atividade, a empresa J.Guerra tem pela frente a árdua tarefa da recuperação. Há seis meses, o grande incêndio de 15 de outubro provocou a destruição

Educação

VI Encontro(s) Cidadania e Responsabilidade Sócio-Ambiental em Oliveira do Hospital

Oliveira do Hospital vai receber a segunda sessão da formação “VI Encontro(s) Cidadania e Responsabilidade Sócio Ambiental”, no dia 1 de março.

Educação

Município de Seia atribui bolsas de estudo a estudantes do ensino superior

A Câmara Municipal de Seia volta a apoiar a formação académica, incentivo que se traduzirá na atribuição de bolsas de estudo aos estudantes do ensino superior, durante o ano letivo

Última Hora

Intermarché proporcionou formação a estudantes de Cozinha e Pastelaria

A loja Intermarché proporcionou uma aula diferente aos alunos do curso profissional de Cozinha e Pastelaria, do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital, que tiveram oportunidade de aprender mais

Politica

PS de Oliveira do Hospital exige simplificação nos apoios à agricultura

Volvido um mês após o incêndio de 15 de outubro, o Partido Socialista de Oliveira do Hospital não se conforma com o excesso de burocracia em torno dos apoios dirigidos

Região

Proteção Civil alerta para risco “muito elevado e máximo” de incêndio

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alertou hoje para o risco de incêndio “muito elevado e máximo” na generalidade dos municípios das regiões do interior Norte e Centro, Alentejo