Proteção Civil emite alerta à população

Proteção Civil emite alerta à população

image_pdfimage_print

De acordo com os dados relativos às condições climatéricas disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera, prevê-se para as próximas 48 horas um agravamento das condições meteorológicas.

Assim, a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) emitiu um aviso à população devido ao agravamento da agitação marítima, precipitação forte, vento e queda de neve.

Em comunicado enviado à Rádio Boa Nova, a ANPC deu conta que, nos próximos dias, no que respeita à agitação marítima, está prevista uma ondulação de cinco a sete metros, podendo atingir os dez metros de altura máxima. Nas regiões Norte e Centro, esta sexta-feira podem ocorrer períodos de chuva, por vezes forte, existindo a possibilidade de ocorrência de trovoada e queda de granizo. O vento vai apresentar-se moderado a forte com rajadas até 90 quilómetros por hora nas terras altas. A ANPC alerta ainda para ocorrência da queda de neve acima dos 600/800 metros de altitude subindo gradualmente a cota para os 1200 metros nos distritos de Viana do Castelo, Bragança, Vila Real, Guarda, Braga, Castelo Branco e Viseu até às 6 horas de sábado.

Face à situação podem ocorrer efeitos como o piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água, gelo e neve; possibilidade de cheias rápidas em meio urbano; possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis; inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem; danos em estruturas montadas ou suspensas; dificuldades de drenagem em sistemas urbanos; possibilidade de queda de ramos ou árvores em virtude de vento mais forte; possíveis acidentes na orla costeira e fenómenos geomorfológicos causados por instabilização de vertentes associados à saturação dos solos, pela perda da sua consistência.

A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados. A Autoridade aconselha que seja garantida a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas; que façam uma condução defensiva e relembra a colocação das correntes de neve nas viaturas. A Proteção Civil solicita ainda que seja garantida uma adequada fixação de estruturas soltas, um especial cuidado na circulação, assim como refere que não devem ser praticadas atividades relacionadas com o mar.

Tendo em conta estas condições, a entidade pede que se tenha atenção às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Previous BLC3 destacada como projeto de investimento pela União Europeia
Next Associação de Utentes e Sobreviventes do IP3 recolhem assinaturas pela melhoria da via

Artigos Relacionados

Sociedade

PSD aprovou os primeiros 46 candidatos às autárquicas

O PSD aprovou, ontem, os nomes de 46 candidatos às eleições autárquicas de 2017, em reunião da Comissão Política Nacional.

Informação

CAP defendeu em Oliveira do Hospital “ajudas a 100 por cento” para os pequenos agricultores

O presidente da Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) mostrou-se ontem “muito preocupado pela perda brutal de explorações de muito pequena dimensão”…

Última Hora

Antiga Escola Primária deu lugar a Biblioteca em Santa Ovaia

Em Santa Ovaia, decorreu ontem à tarde a  inauguração da Biblioteca, um novo espaço cultural da freguesia que resulta da requalificação da antiga escola primária, uma obra que contou …

Sociedade

Conan Osiris não passou à final da Eurovisão

Portugal falhou, ontem à noite, o acesso à final do festival Eurovisão da Canção. Em Telavive, Israel, a música “Telemóveis”, de Conan Osiris, não ficou entre as 10 escolhidas…

Informação

Entrevista com Carlos Veiga: “A ESTGOH só pode crescer”

A formar quadros desde 2001, a Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH) é cada vez mais uma referência no concelho, na região e no mundo.

Última Hora

Interior Centro esteve hoje acima do limite de concentração de ozono

A zona Centro Interior do país excedeu hoje o limiar de concentração de ozono entre as 6h00 e as 7h00, informou a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro

Destaque

Dois bombeiros feridos, um em estado grave, no combate ao fogo em Arganil

Dois bombeiros ficaram, hoje, feridos no incêndio em Teixeira, concelho de Arganil, na sequência de um acidente com um veículo de combate ao fogo.

Região

Outono traz temperaturas altas e risco de incêndio

Mais de 60 concelhos do interior Norte e Centro e do Algarve estão, esta segunda-feira, em risco máximo de incêndio, segundo o IPMA, …

Informação

Limpeza de terrenos tem de estar concluída até 15 de março

Todos os proprietários de terrenos localizados em espaços rurais têm até 15 de março para limpar o mato e podar árvores junto a casas isoladas, aldeias e estradas,… 

Última Hora

Hoje é dia de “Nós as Mulheres”. A Rádio Boa Nova apresenta-lhe três…

O Dia Internacional da Mulher, que se assinala hoje, dia 8 de março, foi criado pela ONU, em 1975, com o objetivo de lembrar as conquistas sociais, políticas e económicas

Informação

XVI Festa da Castanha “é extremamente importante porque é a festa do renascer”

Aldeia das Dez acolhe, este fim-de-semana, 20 e 21 de outubro, a XVI Festa da Castanha que, este ano, simboliza o renascimento da freguesia após o grande incêndio.

Sociedade

S. Paio de Gramaços presta homenagem a Maria do Carmo Vasconcelos por ocasião do centenário do seu nascimento

A população de S. Paio de Gramaços, no concelho de Oliveira do Hospital, presta amanhã, dia 7 de julho, homenagem a título póstumo a Maria do Carmo Pontes…