Origens –  Um festival cultural “multi-artes e multi-geracional” em Travanca de Lagos
19 Maio, 2016 1157 Views

Origens –  Um festival cultural “multi-artes e multi-geracional” em Travanca de Lagos

Nos passados dias 13, 14 e 15 de Maio, Travanca de Lagos, no concelho de Oliveira do Hospital, foi a capital do viver rural. Os Jovens da Liga de Travanca de Lagos organizaram…

… mais uma edição do Origens, o festival cultural que tem conquistado quem o visita, pela sua singular programação. 

Além dos bons comes e bebes, a fotografia, a música, o teatro, o cinema, a pintura, a mostra animal e de alfaias agrícolas, a memória sonora, os jogos tradicionais e o artesanato foram os ingredientes desta demonstração de orgulho em ser rural. O festival cultural começou com uma tertúlia, subordinada ao tema “viver rural – passado, presente e futuro”, uma organização em parceria com a OHsXXI – Associação Cultural e Multimédia de Oliveira do Hospital, um encontro informal entre apaixonados pelas vivências do mundo rural. O segundo dia do Origens teve como ponto alto os concertos das bandas “Os Quatro e Meia”, um grupo que  que se caracteriza pelas novas sonoridades e olhares sobre algumas das mais belas canções portuguesas e “Charanga”, os vencedores do prestigiado Prémio Megafone, em 2014. Os concertos foram antecedidos por uma homenagem a Ivo Pereira, homem da terra, já falecido, que deu grande contributo cultural aos travanquenses, tendo sido músico, na extinta Tuna de Travanca de Lagos, e encenador de várias peças de teatro. O palco do festival foi batizado com o seu nome “Palco Ivo Pereira”.

O terceiro e último dia de festival começou com uma caminhada, promovida pela Junta de Freguesia de Travanca de Lagos. A tarde começou com o concerto de “Fernando Meireles”, um talentoso violinista de apenas 9 anos fez as delícias dos presentes. Seguiu-se a actuação do Rancho Folclórico da Associação Progressiva de Sto. António do Alva.  O certame fechou com mais um ponto alto, os jogos tradicionais, com destaque para a Corrida de Púcaros onde miúdos e graúdos convivem e sorriem. Pelo recinto várias instalações artísticas: exposição e pintura ao vivo pelo artista plástico, Paulo Ribeiro; instalação “Memória Sonora de Travanca de Lagos” pelo paisagista sonoro, Luís Antero; exposição de fotografia d’O Meio e a Gente e exposição de fotografia “Travanca Antiga”.

Tiago Cerveira, diretor artístico do Origens não tem dúvida de que “os objectivos foram alcançados”. “Quisemos afirmar o festival enquanto certame da região e o número de pessoas presentes confirmou-o. É definitivamente um festival diferenciador pelas suas características multi-artes e multi-geracional. Estamos satisfeitos por conseguirmos provar que aqui, no interior de Portugal, também sabemos organizar, recriar e principalmente homenagear. Prometemos não deixar esquecer a nossa identidade rural, serrana, beirã mas principalmente genuína. O Origens não se vai limitar aos dias de festival, estamos a organizar um conjunto de iniciativas paralelas que vão acontecer ao longo do ano com a marca ORIGENS”, acrescenta o jovem travanquense.

Para José Carlos Alexandrino, presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, o Origens é um evento “com uma identidade própria e diferenciadora relativamente a tudo o que se realiza actualmente no concelho de Oliveira do Hospital e aí é que está a grande riqueza do Origens”. “Estão de parabéns os Jovens da Liga de Travanca e a Junta de Freguesia. Revejo-me no trabalho destes jovens. O Origens não é apenas mais uma festa é uma celebração da identidade de um povo”, registou o autarca.

O “cuidado” associado a esta edição voltou a “surpreender” Graça Silva, vereadora da Cultura, para quem o Origens se destaca pelos “pormenores”. “ Este é o evento que melhor retrata as nossas gentes, as nossas tradições, as nossas origens”, considerou

O festival foi produzido pela Liga de Iniciativa e Melhoramentos de Travanca de Lagos, um grupo de jovens da aldeia com idades compreendidas entre os 15 e os 36 anos com ajudas dos seus pais e amigos. O evento teve entrada livre.

 

Previous Teatro e visita ao museu assinalam Dia Internacional dos Museus em Oliveira do Hospital
Next Um avião da EgyptAir está desaparecido. Um português estava a bordo

Artigos Relacionados

Informação

Quiaios: detido por posse de armas proibidas

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal de Montemor-o-Velho, no dia 24 de maio, deteve um homem de 77 anos, em Quiaios – Figueira da Foz,

Sociedade

“A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova. Este sábado, dia de 3 de dezembro, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 9.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do AEOH.

“A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova. Este sábado, dia de 3 de dezembro, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 9.º programa “A Escola e

Última Hora

Calendário desportivo de fim-de-semana

O Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) vai disputar a 17ª jornada do Campeonato da Divisão de Honra, da Associação de Futebol de Coimbra, frente ao União Clube Eirense.

Região

Hepatite A chegou à região Centro

O diretor-geral da Saúde referiu ontem que atualmente estão infetadas com o vírus da Hepatite A 120 pessoas, sendo que a maioria é do sexo masculino e cerca de metade

Informação

Lagares Fashion está por aí e com novidades

Amanhã, a partir das 21h30, a comunidade escolar de Lagares da Beira dá vida ao desfile de moda e ao concurso de reciclagem em mais um “Lagares Fashion”. Cães e

Última Hora

CDS pede ao Governo que complete a ligação inacabada do IC6, desde Tábua até Oliveira do Hospital

O CDS deu hoje entrada de um Projeto de Resolução que recomenda ao Governo que complete a ligação inacabada do IC6, desde Tábua…

Informação

“A Escola e o Meio”na Rádio Boa Nova

Este sábado, dia 10 de março, dia da Festa do Queijo Serra da Estrela em Oliveira do Hospital, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 20.º programa “A

Última Hora

Detido por caça ilegal em Miranda do Corvo

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Proteção Ambiental da Lousã, deteve ontem, na localidade de Cervajota, Lamas, …

Última Hora

Oliveira do Hospital “Mostra o Cartão Vermelho à Violência Doméstica”

O Município de Oliveira do Hospital, através da equipa Igualdade Local: Cidadania Responsável, com o apoio da Rede Social e dos pelouros da Ação Social e do Desporto, vai dinamizar

Informação

Oliveira do Hospital: De 127 casas, 55 estão concluídas e seis ainda não estão recomeçadas

De um universo de 127 casas afetadas pelo grande incêndio de 15 de outubro de 2017, em Oliveira do Hospital estão concluídas 55 habitações e seis ainda não iniciaram a

Educação

Bibliotecas Municipais assinalam Dia Mundial do Livro

No Dia Mundial do Livro, que hoje se assinala, as Bibliotecas Públicas Municipais de Oliveira do Hospital vão ao encontro dos munícipes e leitores saindo do seu espaço habitual.

Última Hora

MAAVIM distribui informação aos emigrantes para “mostrar que não foram abandonados”

O Movimento Associativo de Apoio às Vítimas dos Incêndios de Midões (MAAVIM) vai distribuir, no próximo dia 3 de agosto, das 12h00 às 14h00,…