Operação de rescaldo do fogo em Góis com 600 operacionais no terreno
23 Junho, 2017 1331 Views

Operação de rescaldo do fogo em Góis com 600 operacionais no terreno

image_pdfimage_print

A operação de “rescaldo e vigilância” no perímetro do incêndio que deflagrou no sábado em Góis, distrito de Coimbra, está a ser feita hoje por 600 operacionais, apoiados por 140 meios terrestres.

Estão também a operar quatro máquinas de rasto, para criarem zonas de “descontinuidade entre a área ardida e a que não ardeu”, disse hoje o comandante operacional Pedro Nunes.

O incêndio que, segundo as primeiras estimativas, destruiu uma área de floresta de 20 mil hectares, foi dado como dominado pelas 07h40 de quinta-feira, altura em que estavam no terreno cerca de um milhar de operacionais e perto de três centenas de meios terrestres.

Os operacionais e meios que se mantêm no local permanecerão ali durante todo o dia de hoje, para trabalhos de rescaldo e para que, “caso venham a existir reativações, estas sejam debeladas”, referiu o comandante operacional, sublinhando que ainda é necessário “muito trabalho” para garantir “o sucesso da operação”.

O comandante sublinhou que as previsões apontam para que as condições climatéricas na região sejam hoje idênticas às registadas na quinta-feira, com diminuição das temperaturas e aumento da humidade relativamente aos dias anteriores, referindo que favorecem o rescaldo do incêndio.

Em Góis não houve “qualquer problema de comunicações”, relacionado com o sistema SIRESP (Sistema Integrado das Redes de Emergência e Segurança de Portugal), afirmou, por outro lado, Pedro Nunes, respondendo aos jornalistas pelas 09:00, quando fazia, no local, o ponto da situação deste fogo.

O incêndio atingiu territórios dos concelhos de Góis, Arganil e Pampilhosa da Serra, no distrito de Coimbra, e provocou a evacuação de 27 aldeias, abrangendo um total de quase duas centenas de pessoas, mas sem provocar vítimas mortais.

Este foi um dos dois grandes incêndios que deflagraram no sábado na região Centro e obrigaram à mobilização de mais de dois milhares de operacionais, consumindo um total de cerca de 50 mil hectares de floresta e obrigando à evacuação de dezenas de aldeias.

O fogo que deflagrou em Escalos Fundeiros, em Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, alastrou a Figueiró dos Vinhos e a Castanheira de Pera, fazendo 64 mortos e mais de 200 feridos.

As chamas chegaram ainda aos distritos de Castelo Branco, através do concelho da Sertã, e de Coimbra, pela Pampilhosa da Serra, mas o fogo foi dado como dominado na quarta-feira à tarde.

Previous  “Mini repórteres” da Rádio Boa Nova abordam temática da “Igualdade”
Next Ca$h Resto Z€ro com olhar sobre “uma das maiores desgraças de sempre”

Artigos Relacionados

Destaque

EN 17 e IC6 dominam discussão política na Assembleia Municipal (Atualizada)

A falta de intervenção na EN17 e o impasse em torno do IC6 volta a dominar a discussão na reunião da Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital…

Vídeos

Acessibilidades adiam decisão de recandidatura de José Carlos Alexandrino à Câmara de Oliveira do Hospital

O PS deu ontem provas da forte mobilização em torno do projeto autárquico em Oliveira do Hospital. Porém, nem os muitos militantes e simpatizantes chegaram …

Última Hora

Governo avança com IC6 entre Tábua e Oliveira do Hospital

A Infraestrturas de Portugal anunciou hoje a construção do troço do IC6, entre Tábua e Oliveira do Hospital (Nó de Folhadosa), numa extensão de 19 quilómetros, num investimento de cerca

Última Hora

Despiste de mota provoca um morto em Viseu

Um homem morreu ao início da noite desta segunda-feira na sequência do despiste de uma mota em Gumirães, na cidade de Viseu.

Cultura

Rádio Boa Nova realiza debate para assinalar Dia Municipal para a Igualdade

A Rádio Boa Nova associa-se às comemorações do Dia Municipal para a Igualdade promovidas pelo Município de Oliveira do Hospital. Amanhã, entre as 10h00 e as 12h00,…

Informação

Rádio Boa Nova estreou “Espaço UCC Pinheiro dos Abraços”

A Rádio Boa Nova deu hoje início a um novo espaço de conversa. Trata-se do “Espaço Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC) Pinheiro dos Abraços”, …

Última Hora

Bombeiros de Oliveira do Hospital comemoram 97º aniversário com sentimento de “dever cumprido”

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital (AHBVOH) comemora domingo, 24 de março, o 97º aniversário.

Última Hora

João Batista é convidado do Espaço BLC3- Ciência no Interior

Em mais um Espaço BLC3 – Ciência no Interior, a conversa hoje acontece João Batista, investigador na área da prototipagem e construção de equipamentos mecânicos.

Última Hora

Viseu: Fogo-de-artifício marcou arranque da Feira de S. Mateus

Um espetáculo de fogo-de-artifício marcou, ontem à noite, a abertura da Feira de S. Mateus, em Viseu.

Última Hora

A emoção de ser “ajudado” e “salvo” pelos bombeiros

Foi na primeira pessoa que os bombeiros de Oliveira do Hospital, em particular e os de Portugal, em geral, receberam uma agradecimento pelo apoio prestado em situação de socorro. Matilde

Última Hora

Desporto de fim de semana: Nogueirense, FCOH e AD Lagares da Beira empataram. Sampaense perde no Dragão Caixa

Campeonato de Portugal Prio – Jornada 8 – série D. O Nogueirense empatou com o Gafanha 0-0.

Informação

João Brito toma posse no PSD de Oliveira do Hospital

Está marcada para amanhã, dia 25 de junho, pelas 17h00, a tomada de posse na nova Comissão Política de Secção do PSD de Oliveira do Hospital liderada por João Brito.