Oliveira do Hospital vai alocar verba para segundas habitações no orçamento de 2019

Oliveira do Hospital vai alocar verba para segundas habitações no orçamento de 2019

image_pdfimage_print

O presidente do Município de Oliveira do Hospital anunciou, em reunião pública do executivo, que pretende alocar uma verba no Orçamento, que está a ser preparado para o próximo ano,…

… destinada à recuperação das casas de segunda habitação que foram afetadas pelo grande incêndio de 15 de outubro.

Na reunião de trabalho realizada esta quinta feira, José Carlos Alexandrino disse que “neste momento” a autarquia está “concentrada e empenhada nas primeiras habitações”, mas deu conta da sua intenção de “alocar uma verba para as segundas habitações”. Para o presidente do Município, a forma encontrada pelo governo e que responsabiliza as autarquias pela recuperação daquelas habitações com recurso ao fundo de Apoio Municipal, por via da contração de empréstimo, foi “errada”. A esta altura, José Carlos Alexandrino disse ainda não ter decidido se vai ou não recorrer ao Fundo de Apoio Municipal, razão pela qual pretende aferir se o município terá capacidade de apoiar a recuperação das casas, por via de regulamento próprio, sem que tenha necessidade de contrair o empréstimo. Também considerou que é preciso que se seja “justo” neste processo. “Será justo uma pessoa, que não vem à aldeia há cinco ou 10 anos, receber apoio para depois a vender (a casa)?” questionou.

A propósito da recuperação das segundas habitações, o autarca oliveirense mostrou-se descontente por ter que pedir dinheiro a um fundo, onde o município tem “um saldo positivo” e para o qual contribui com “cento e tal mil Euros” todos os anos. “Propus ao secretário de Estado da Administração Local para que nos dessem o nosso saldo”, contou em reunião do executivo, lamentando que a resposta tenha sido negativa.

José Carlos Alexandrino respondeu assim à intervenção de João Paulo Pombo Albuquerque, vereador do PSD, que a tomar por base as preocupações partilhadas pelo presidente da Junta de Freguesia de S. Gião, Luciano Correia, acerca das segundas habitações questionou sobre as diligências já tomadas pelo município tendentes à recuperação daquelas casas.

O problema em torno da recuperação das casas de segunda habitação também fez eco na reunião do executivo por um dos lesados do grande incêndio. António Capelas de Monteiro, residente na cidade, mas que perdeu a habitação que tinha na localidade das Seixas, questionou o motivo pelo qual o Estado Central não reduz o IVA para seis por cento “para quem queira reconstruir as casas”. “Eu não vou investir 100 mil Euros numa aldeia onde não vou ter beneficio nenhum. O interior está desertificado porque o governo não se preocupa com o interior”, lamentou.

Previous PSD está contra a atribuição da medalha de Ouro à presidente da CCDRC
Next "A Escola e o Meio"está de regresso à Rádio Boa Nova

Artigos Relacionados

Destaque

Oliveira do Hospital tem “das melhores águas do país” e garante saneamento “quase a 100 por cento”

No dia Mundial da Água, que ontem, se assinalou, sobressaiu em Oliveira do Hospital a “qualidade da água” que corre nas torneiras, e a aposta que tem sido feita na

Última Hora

CISE realiza percurso pedestre na Rota da Ribeira de Alvoco

O Centro de Interpretação da Serra da Estrela – CISE realiza, esta quarta-feira, dia 12 de abril, um percurso dirigido a todos os amantes do pedestrianismo, …

Informação

Mais de 1500 figurantes dão vida ao Carnaval do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital

O Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital realiza, no próximo dia 24 de fevereiro, a partir das 11h00, o Desfile de Carnaval 2017, participado por alunos de todas as

Informação

“S. João Paulo II esteve a ajudar-nos” (com vídeo)

Oliveira do Hospital prepara-se para mais uma celebração do Dia da Unidade Pastoral e do padroeiro que consagrou em 22 de maio de 2016, S. João Paulo II.

Região

Cáritas Coimbra dissemina SmartWork na Polónia

Nos dias 9 e 10 de maio, a Cáritas Diocesana de Coimbra irá estar presente na Reunião do Grupo de Ação D4 da Parceira Europeia de Inovação…

Última Hora

BLC3 reconhecida pela capacidade e mérito para a criação de emprego científico

BLC3 avaliada e reconhecida como uma das 50 entidades em Portugal com capacidade e mérito para a criação de emprego científico, indo beneficiar do programa de incentivo e estímulo ao

Última Hora

A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova

Esta terça-feira, dia 30 de janeiro, entre as 13h10 e as 14h00, é emitido o 15.º e programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do

Última Hora

Agrupamento de Escolas ajuda alunos a fazer “escolhas conscientes”

O Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital (AEOH) recebeu, esta manhã, a Feira das Universidades e do Ensino Secundário, iniciativa que conta com palestras, workshops,…

Informação

Férias Ativas 2018 terminaram com um encontro de todos os participantes

As Férias Ativas 2018 terminaram com um mega encontro onde se reuniu a maioria dos participantes deste programa ocupacional dos tempos livres do Município de Oliveira do Hospital, que é

Última Hora

Artistas portugueses unem-se em concerto solidário para com as vítimas dos fogos florestais

MEO Arena recebe concerto “Juntos Por Todos” a 27 de Junho, com transmissão ao vivo na RTP, SIC, TVI e em todas as rádios portuguesas.

Última Hora

Ca$h Resto Z€ro: “Parece-me que há festas e feiras (do Queijo) a mais e empresas a menos”

Em mais um espaço de opinião na Rádio Boa Nova, “Ca$h Resto Z€ro”, Vítor Neves olha esta sexta-feira para o calendário de festas e feiras do queijo na região e

Região

Nuno Ribeiro, vereador do desporto da CMOH, em entrevista ao programa “Minuto 91”

Nuno Ribeiro, vereador do desporto do município de Oliveira do Hospital em entrevista exclusiva ao programa desportivo da Rádio Boa Nova “Minuto 91”, falou sobre a Gala do Desporto e