Nogueirense volta a lutar pela manutenção (com vídeo)
30 Julho, 2018 1442 Views

Nogueirense volta a lutar pela manutenção (com vídeo)

image_pdfimage_print

A Associação Desportiva Nogueirense (ADN) prepara-se para o arranque da próxima época, com o objetivo de “fazer um milagre” e “conseguir a manutenção”.

Nuno Freixinho, presidente da direção do clube, em entrevista à Rádio Boa Nova, confessou que o Campeonato Nacional, onde o Nogueirense joga pelo “décimo ano consecutivo”, “é um campeonato muito competitivo”. “Vai ser um ano bastante difícil porque das 72 equipas, seguramente 60 são profissionais. Mais uma vez vamos tentar fazer um milagre que é tentarmos fazer com que consigamos a manutenção”, afirmou.

À Rádio Boa Nova, o presidente abordou ainda a questão do reajustamento que foi feito no Campeonato, que faz com que haja “deslocações” para mais longe. Apesar destas situações, que causam pequenos constrangimentos ao clube, Nuno Freixinho enaltece o papel dos “amigos e patrocinadores”. “A Associação Desportiva Nogueirense vive também do convívio entre as pessoas. A partir do momento em que deixe de ser uma instituição familiar, regional e local e passe a ser uma estrutura profissionalizada, seguramente não terá a envolvência da comunidade como suporte para apoiar a equipa”, reforçou, dando conta de que, esta época, o clube desloca-se aos distritos de Lisboa, Leiria, Castelo Branco e Santarém.

Quanto às despesas do Nogueirense, Nuno Freixinho refere que é preciso ter atenção e “não entrar em megalomanias”. No que respeita ao plantel, o presidente realça o trabalho conjunto da equipa. “Os jogadores também vêm ter connosco, porque sabem que nós somos uma boa rampa de lançamento para a carreira deles”, afirmou.

As camadas jovens têm sido a grande aposta do clube, que é o único que possui os cinco escalões na região. “Desde que esta direção tomou posse, essa foi a principal preocupação. Na última época, fomos a única equipa nos concelhos limítrofes que teve os cinco escalões de formação. Este ano vamos voltar a ter os escalões todos”, explicou Nuno Freixinho.

Para o presidente, a envolvência com o clube resulta em algumas consequências, nomeadamente no seio familiar. “Nós somos amadores e isso significa que temos de dispensar do nosso tempo livre para poder dedicar a este clube. Felizmente que o que nos vai mantendo é o nosso bairrismo e o amor à camisola, porque no dia em que se tentar profissionalizar a estrutura, as pessoas saem”, afirmou.

À Rádio Boa Nova, o presidente referiu que o maior gosto é “levar o nome do concelho e da região aos mais variados lugares”, contudo “viver no interior” impossibilita a profissionalização. “Nós vamos conseguindo algumas formas interessantes de corresponder às necessidades”, rematou.

O Nogueirense tem jogo de apresentação já no próximo domingo, 5 de agosto, frente à equipa sub-23 da Académica, no Estádio de Santo António, em Nogueira do Cravo. Para Nuno Freixinho, o objetivo da próxima época é a manutenção. “O que eu exijo é o 13º lugar. Tudo o que eles consigam acima disso é mérito que vai além da direção, é mérito exclusivo deles”, concluiu.

 Beatriz Cruz (jornalista estagiária)

Previous Septuagenário morreu em acidente com trator em Oliveira do Hospital
Next EXPOH com mais de 50 mil visitantes deve melhorar em 2019

Artigos Relacionados

Nacional

GNR realiza operação “Natal Tranquilo” com intensificação do patrulhamento

A Guarda Nacional Republicana (GNR) intensifica, a partir de amanhã, 21 de dezembro e até ao final da próxima quarta-feira, dia 26 de dezembro, em todo o território nacional, o

Informação

Homem esfaqueou os pais em Viseu e entregou-se às autoridades

Um homem de 25 anos esfaqueou pai e mãe, esta terça-feira à noite, em Moimenta da Beira, Viseu. O suspeito entregou-se às autoridades depois de ter cometido o crime.

Cultura

Rancho Folclórico e Cultural de Lagares da Beira realiza 32º Festival

O Rancho Folclórico e Cultural de Lagares da Beira realiza amanhã, dia 27 de maio, o 32º Festival de Folclore. O evento tem um “sabor especial” por coincidir…

Última Hora

Morreu capelão do Santuário de Fátima quando se preparava celebrar missa da tarde

O capelão do Santuário de Fátima, padre Carlos Silva, de 59 anos, morreu na terça-feira à tarde quando se preparava para celebrar a missa das 16h30, revelou o Santuário de

Destaque

Associação quer apoiar vítimas do Maior Incêndio de Sempre em Portugal

Chama-se Associação de Vítimas do Maior Incêndio de Sempre em Portugal e foi oficialmente apresentada, na tarde do último sábado, naquela que foi um das áreas mais afetadas pelo fogo

Última Hora

Soure: Homem detido por tráfico de estupefacientes

O Comando Territorial de Coimbra, através do Destacamento Territorial de Montemor-o-Velho, deteve, ontem, dia 4 de setembro, um homem com 46 anos, por tráfico de estupefacientes, no concelho de Soure.

Informação

Oliveira do Hospital reconhecida como “Autarquia + Familiarmente Responsável” pelo terceiro ano consecutivo

O Município de Oliveira do Hospital foi novamente distinguido como “Autarquia + Familiarmente Responsável 2017” – um galardão atribuído pelo Observatório das Autarquias Familiarmente…

Última Hora

Parceiros da ADIBER lançam o DLBC na Beira Serra

O Conselho de Parceiros da Beira Serra reunido, ontem, em Tábua ficou marcado pelo lançamento do DLBC / LEADER na Região da Beira Serra, com a apresentação …

Informação

Edifício da Biblioteca Municipal de Seia vai ser requalificado

O edifício da Biblioteca Municipal de Seia vai ser objeto de reabilitação, um investimento global de 160.673,89 €, anunciou a autarquia em comunicado. “Este é o terceiro edifício a ser

Região

Um morto e mais de 20 feridos em explosão em Penacova

Pelo menos uma pessoa morreu e 23 ficaram feridas, três das quais em estado grave, na sequência de uma explosão na aldeia de Gondelim, em Penacova, confirmou a Guarda Nacional

Região

GNR deteve suspeito de furtos em obras de construção em Oliveira do Hospital

O Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Investigação Criminal de Santa Comba Dão, identificou, no dia 27 de junho, um homem de 32 anos, por furto em obras