Município de Oliveira do Hospital disponibiliza 250 mil árvores autóctones a proprietários que arranquem eucaliptos

Município de Oliveira do Hospital disponibiliza 250 mil árvores autóctones a proprietários que arranquem eucaliptos

image_pdfimage_print

Está já aberta a segunda fase de candidaturas ao Projeto Reflorestar, em que o Município de Oliveira do Hospital se compromete…

… a disponibilizar 250 mil árvores, de espécies autóctones, para incentivar os proprietários florestais a arrancarem os eucaliptos que nasceram espontaneamente em consequência do incêndio de 15 de outubro de 2017, que consumiu 97 por cento da área florestal do concelho.

Nesta segunda fase o “Projeto Reflorestar”, lançado pela autarquia para devolver as áreas verdes à floresta do concelho de Oliveira do Hospital que foi dizimada pelo fogo, tem como objetivo a plantação de 250 mil árvores durante o ano de 2019.

Para terem acesso às árvores e arbustos autóctones disponibilizados pelo Município de Oliveira do Hospital, como castanheiros, sobreiros, medronheiros, carvalhos e pinheiros-mansos, por exemplo, os proprietários florestais podem apresentar a candidatura, nesta segunda fase, até ao dia 30 de setembro.

Após aprovação das candidaturas, a plantação das árvores terá que ocorrer até 31 de dezembro de 2019.

Para garantir o sucesso das operações, o Gabinete Técnico Florestal do Município (GTF) de Oliveira do Hospital prestará todo o aconselhamento técnico necessário aos candidatos, que ficam obrigados a cumprir com as normas definidas no “Projeto Reflorestar”, assim como lhes assegurará uma breve ação de formação para garantir a correta plantação das árvores.

Durante o primeiro ano de vigência do projeto, cada proprietário pode candidatar-se a um limite máximo de 500 árvores, ficando obrigado, sob compromisso de honra, a assegurar a necessária manutenção.

As candidaturas ao “Projeto Reflorestar” podem ser submetidas via online, através da página oficial de internet do Município de Oliveira do Hospital, ou entregues em suporte físico no GTF.

O Presidente do Município de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, alerta para “a importância desta medida, num concelho em que os eucaliptos têm estado a invadir o território por via da germinação descontrolada das sementes, formando mantos contínuos que impedem o crescimento de outras espécies”.

Previous Suspeito de crime de homicídio na Lajeosa ficou em prisão preventiva
Next Agrupamento de Escolas promove colóquio dirigido a docentes sobre as “Práticas Avaliativas”

Artigos Relacionados

Região

Tábua comemora feriado municipal

No âmbito do Feriado Municipal do Município de Tábua, celebrado a 10 de abril, a Câmara Municipal promove uma série de iniciativas que marcam…

Informação

Exposição de pintura de Ana Afonso na Casa da Cultura de Oliveira do Hospital

Na próxima sexta-feira, 3 de fevereiro, às 21h30, será inaugurada a exposição de pintura “Sem Margem” de Ana Afonso.

Informação

Banco Alimentar Contra a Fome recolheu mais de 1 600 toneladas de alimentos

O Banco Alimentar Contra a Fome recolheu mais de 1 600 toneladas de alimentos durante o fim-de-semana, na primeira campanha anual realizada em mais de 2 000 lojas no país.

Última Hora

Fim-de-semana com previsão de chuva, vento e agitação marítima

O estado do tempo no fim-de-semana vai sofrer um agravamento devido à aproximação de um sistema frontal ao território do continente, prevendo-se chuva, vento forte e agitação marítima.

Nacional

Governo adia fim do período crítico de incêndios para 15 de outubro

O Governo adiou, hoje, o fim do período crítico de incêndios para 15 de outubro, devido às condições meteorológicas, permanecendo a proibição,…

Informação

Região: PJ deteve um homem suspeito de tentar matar o irmão

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro, identificou e deteve um homem com 47 anos de idade, …

Última Hora

Eptoliva celebra Natal com a Comunidade

A EPTOLIVA – Escola Profissional de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil comemorou a chegada do Natal, realizando a habitual festa alusiva a esta quadra, no final da tarde do

Informação

Frentes de Vila de Rei e de Mação “estão 90% dominadas”. Incêndio já provocou 20 feridos

O incêndio que se mantém ativo em Vila de Rei e Mação está estabilizado. Não há, nesta altura, aldeias ou casas ameaçadas pelas chamas.

Educação

Estudantes oliveirenses podem candidatar- se a bolsas de estudo no ensino superior até 19 de novembro

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital abriu o prazo e o período de candidatura para atribuição de bolsas de estudo no ensino superior a alunos com insuficiências económicas …

Região

“O Medronho passou a ter bastante mais protagonismo público na região da Beira Serra”

O medronho e o medronheiro assumem particular destaque no próximo domingo, dia 20, em mais um capítulo da Confraria do Medronho. O objetivo é “continuar a divulgar este fruto”  que

Informação

PSD de Oliveira do Hospital pede esclarecimentos a Costa sobre atraso “nas obras no IC6”

A Comissão Política do PSD de Oliveira do Hospital quer que o presidente da Câmara, José Carlos Alexandrino e o primeiro Ministro, António Costa, esclareçam os oliveirenses sobre…

Última Hora

PJ detém homem por alegado abuso sexual de criança

Um homem de 31 anos foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) da Guarda por crime de abuso sexual de crianças, cometido de “forma continuada” e num contexto de “habitual convivência”