Ministra ordena estudo e auditoria da IGAI ao SIRESP

Ministra ordena estudo e auditoria da IGAI ao SIRESP

image_pdfimage_print

A ministra da Administração Interna exigiu, ontem, um estudo independente ao funcionamento do SIRESP (Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal) e uma auditoria pela Inspeção-Geral da Administração Interna à Secretaria-Geral Administração Interna.

Em comunicado, com o título “MAI exige respostas rigorosas ao funcionamento do SIRESP”, é dito que Constança Urbano de Sousa determinou estes dois procedimentos às duas entidades após “informações de caráter técnico operacional coligidas” e tendo em conta que “foram reportados dificuldades na utilização” do SIRESP “no trágico incêndio de Pedrógão Grande”.

A ministra determinou a realização pelo Instituto de Telecomunicações (IT) a “elaboração de um estudo independente sobre o funcionamento do SIRESP em geral, e em situações de acidente grave ou catástrofe, em particular”.

Constança Urbano de Sousa ordenou também que a Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) faça uma auditoria ao cumprimento, por parte da Secretaria-Geral da Administração Interna, enquanto entidade gestora do SIRESP, das obrigações legal e contratualmente estabelecidas, designadamente ao nível da gestão, manutenção e fiscalização.

O estudo do Instituto de Telecomunicações deverá identificar, do ponto de vista técnico, “eventuais constrangimentos e propor possíveis medidas que possam garantir que o SIRESP responde às necessidades para o qual foi criado, tendo em consideração as melhores e mais recentes práticas internacionais nesta matéria”, refere o comunicado.

A auditoria por parte da IGAI deverá estar pronta no prazo de 30 dias.

Na sexta-feira, o primeiro-ministro ordenou à ministra da Administração Interna que providenciasse junto da Secretaria-Geral do seu ministério um “cabal esclarecimento” sobre as falhas ocorridas na rede SIRESP.

“Tendo em conta esta descrição, deve a ministra da Administração Interna providenciar junto da Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna e da SIRESP, SA o cabal esclarecimento do sucedido”, refere o despacho, a que a agência Lusa teve acesso, com data de hoje, assinado pelo primeiro-ministro, António Costa.

Este despacho surge na sequência da resposta da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) ao primeiro-ministro, assumindo as falhas na rede SIRESP, entre sábado e terça-feira [de 18 a 20 de junho], no teatro de operações de combate ao incêndio de Pedrógão Grande, mas alegando que foram supridas por “comunicações de redundância”.

Os incêndios que deflagraram na região centro, há uma semana, provocaram 64 mortos e mais de 200 feridos, e só foram dados como extintos no sábado.

Mais de dois mil operacionais estiveram envolvidos no combate às chamas, que consumiram 53 mil hectares de floresta.

com:lusa.pt

Previous Rádio Boa Nova associa-se a concerto solidário “Juntos por Todos”
Next Ricardo Pereira Alves é cabeça de lista à Assembleia Municipal de Arganil pelo PSD

Artigos Relacionados

Última Hora

Francisco Campos vence 3ª etapa da Volta a Portugal do Futuro. Venceslau Fernandes mantém a Camisola Amarela

Francisco Campos (Miranda-Mortágua) venceu ao sprint a terceira etapa da 26ª Volta a Portugal do Futuro Liberty Seguros que ligou, esta sexta-feira, Arganil a Abrantes.

Informação

CineECo vai chegar aos concelhos da CIM das Beiras e Serra da Estrela

A Comunidade das Beiras e Serra da Estrela (CIM-BSE) está a implementar um pacote de programação designada “Cultura em rede das Beiras e Serra da Estrela” através de uma candidatura

Sociedade

Operação de Marcelo concluída “com sucesso e sem complicações”

A Presidência da República informou, esta quarta-feira, que a operação de Marcelo Rebelo de Sousa foi concluída “com sucesso e sem complicações”, …

Região

Fogo na região Centro foi o maior da última década na Europa

Os grandes incêndios que afetaram a região Centro  do país, a partir de 17 de junho, foram os maiores da última década na União Europeia, avança a TSF.

Destaque

Ensino superior comemora 15 anos em Oliveira do Hospital

A Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital completou, no passado dia 5 de novembro, 15 anos.

Informação

EPTO FUTUROS: “Em Portugal estima-se que morram, por ano, seis mil pessoas à custa da poluição” alerta Francisco Ferreira

“Mobilidade com Ambiente” foi o grande tema de mais uma conferência EPTO FUTUROS, realizada ontem, que juntou especialistas da área…

Última Hora

FCOH: “Estamos a um passo de cumprir o objetivo da época”

O Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) está a “um passo” de se sagrar campeão da Divisão de Honra da Associação de Futebol de Coimbra (AFC) e de subir

Região

Reacendimentos agravam incêndio em Pampilhosa da Serra

O presidente da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra, José Brito, avançou hoje à agência Lusa que esta manhã o fogo esteve “praticamente dominado”, mas que agora os “reacendimentos são

Região

Associação vai reconstruir voluntariamente infantário em Midões – Tábua

O infantário de Midões, em Tábua, distrito de Coimbra, vai ser reconstruído voluntariamente pela Associação Portuguesa de Promotores e Investidores …

Região

Miguel Ventura toma posse para mais um mandato na liderança da Adiber

Está marcada para dia 30 de janeiro, pelas 18h00, a tomada de posse dos órgãos sociais da ADIBER até 2018. Miguel Ventura mantém-se na liderança.

Informação

“Erasmus + Global Week” reúne 22 países no Politécnico de Coimbra

Começou na passada segunda-feira, dia 20 de maio, a “Erasmus+ Global Week”, uma semana internacional organizada pelo Politécnico de Coimbra,…

Informação

Arganil assinalou o arranque do ano letivo com iniciativa WELCOME!

Realizou-se no dia 3 de Setembro a atividade WELCOME!, como forma de assinalar o arranque do novo ano letivo 2019-2020, desenvolvida pelo Município de Arganil em parceria…