Mar destrói dunas e passadiços na Praia de Mira

Mar destrói dunas e passadiços na Praia de Mira

O mar avançou nas últimas horas sobre o Bairro Norte da Praia de Mira, destruindo defesas das dunas e passadiços de recreio, a cerca de 40 metros das casas, confirmaram os serviços de Proteção Civil.

O mar agitado está “a comer a duna”, segundo a descrição do presidente da câmara de Mira, Raul Almeida, que está no local acompanhado por técnicos municipais da Proteção Civil e da Administração da Região Hidrográfica do Centro. A situação está a ser também monitorizada pela Agência Portuguesa do Ambiente.

O mar violento, com vagas de grande altura e extensão, está a desfazer a base do cordão dunar naquela zona, arrastando os chamados “big-bags”, que ali foram colocados há meia dúzia de anos para solidificar as dunas.

omo o nome indica, os “big-bags” são sacos de areia compactada, de grandes dimensões, enterrados na base das dunas para contrariar a erosão e solidificar a costa arenosa.

A agência Lusa constatou no local que a força do mar arrastou os “big-bags”, espalhando-os na zona de rebentação. O areal praticamente desapareceu na ponta norte do Bairro Norte. Também parte dos passadiços foram arrastados pelas águas. Apesar da proximidade das águas não há, para já, casas em perigo, relata o autarca.

“Temos de monitorizar o que está a acontecer e responder às situações urgentes. Mas é preciso haver consciência, sobretudo a nível governamental, que quando o mau tempo passar será preciso fazer obras que protejam os bens e as pessoas”, avisa Raul Almeida.

O litoral entre a Praia da Barra e a Praia de Mira é dos mais afetados do país pela erosão costeira. Nos últimos anos foram feitas diversas obras de proteção do sistema dunar entre Ílhavo e Mira.

Durante 2018 ficou concluída a 3.ª fase da Proteção e Recuperação do Sistema Dunar, através do Reforço do Cordão Dunar entre Ílhavo e Mira, consignada pela Polis Litoral – Ria de Aveiro.

Mais de 70% das obras foram realizadas no território do município de Mira, abrangendo o reforço de uma extensão de cerca de 3,4 quilómetros de duna, a colocação de cerca de dez quilómetros de paliçadas e a plantação de cerca de 500 mil espécies vegetais.

Ficou também concluído o desassoreamento da Barrinha de Mira, cujos inertes foram usados para reforçar a orla.

A Polis Litoral Ria de Aveiro – Sociedade de Requalificação e Valorização da Ria de Aveiro, SA, é uma entidade de capitais exclusivamente públicos, com maioria do Estado (56%), que tem como missão a operacionalização da intervenção de requalificação e valorização da Ria de Aveiro.

lusa.pt

Previous Estradas na Serra da Estrela encerradas devido à queda de neve
Next Depressão “Helena” provoca queda de árvores e deslizamento de terras em Oliveira do Hospital

Artigos Relacionados

Última Hora

Lousã: Homem detido na posse de 210 plantas de cannabis

O Comando Territorial de Coimbra, através do Destacamento Territorial da Lousã, deteve, ontem, dia 20 de setembro, um homem, com 65 anos, por tráfico de estupefacientes, na Lousã.

Destaque

Ana Teresa Falcão de Brito é a nova presidente da Junta de Freguesia de Travanca de Lagos

Ana Teresa Ferreira dos Santos Falcão de Brito é a nova presidente da Junta de Freguesia de Travanca de Lagos, depois de ter tomado posse na passada sexta-feira, na Assembleia

Sociedade

Apreensão de sete toneladas em Oliveira do Hospital “protege o consumidor e a saúde pública”, refere inspetor Geral da ASAE

O Inspetor Geral da ASAE, Pedro Portugal Gaspar, destacou hoje em declarações à Rádio Boa Nova a importância da apreensão feita, na semana passada, …

Última Hora

Jovens lançam corrente de positivismo em Oliveira do Hospital

“Mãos à Terra” é a expressão que três jovens oliveirenses adotaram para criar uma corrente de positivismo nas gentes de Oliveira do Hospital.

Informação

Chuva marca o início da semana, mas as temperaturas vão subir

O início da semana em Portugal continental vai ser ainda marcado por períodos de chuva ou aguaceiros, mas as temperaturas máximas vão subir podendo atingir os 23 graus Celsius.

Última Hora

Dois feridos graves e um ligeiro num acidente na EN17 em Oliveira do Hospital

Um despiste automóvel, ocorrido ontem, cerca das 08h30, causou dois feridos graves e um ligeiro, na EN17, em Chamusca da Beira, no concelho de Oliveira do Hospital. Segundo notícia avançada

Última Hora

31 Alunos desistiram dos estudos na ESTGOH por falta de alojamento

Trinta e um alunos que ingressaram na Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH) acabaram por abandonar a cidade oliveirense devido à dificuldade em arranjar alojamento.

Destaque

Sinistralidade: 15 detenções, 955 infrações e 89 acidentes no distrito de Coimbra

O Comando Territorial de Coimbra procedeu, 18 a 25 de dezembro, a várias operações, no distrito de Coimbra, como a prevenção e o combate à criminalidade violenta e a fiscalização

Informação

Assembleia Municipal aprovou moção de reivindicação pela requalificação total da EN230

A requalificação da Estrada Nacional 230 voltou a ser tema na última Assembleia Municipal. Na passada sexta-feira, foi votada, por unanimidade, uma moção de reivindicação pela “imediata requalificação do troço

Destaque

Oito detenções e 54 acidentes na última semana no distrito de Coimbra

O Comando Territorial da GNR de Coimbra realizou, na semana de 27 de dezembro a 2 de janeiro, um conjunto de operações visaram a prevenção e combate…

Última Hora

Ministério das Infraestruturas afirma que 288 casas estão reconstruídas

O número de habitações permanentes totalmente reconstruídas após os incêndios de outubro de 2017 nas regiões Norte e Centro ascende neste momento a 288, tendo sido já pagos 14,8 milhões

Educação

Carnaval do Agrupamento de Escolas já é um “evento marca” de Oliveira do Hospital

É já amanhã, dia 24 de fevereiro, pelas 11h00, que se realiza o desfile de Carnaval do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital.