MAAVIM distribui informação aos emigrantes para “mostrar que não foram abandonados”

O Movimento Associativo de Apoio às Vítimas dos Incêndios de Midões (MAAVIM) vai distribuir, no próximo dia 3 de agosto, das 12h00 às 14h00,…

…na fonteira de Vilar Formoso, informação aos emigrantes portugueses acerca dos processos de apoio e de como pode ser pedido apoio judicial face ao que perderam nos incêndios de outubro.

A iniciativa decorre pelo facto de “a maioria ver, pela primeira vez, as suas casas, terras e familiares após os incêndios”.

“É importante para demonstrar a falta que eles fazem ao nosso país e mostrar que não os abandonamos quando estão fora”, refere a Associação.

“Muitos deles têm cá a primeira habitação mas, por estarem deslocados a trabalhar, não lhes deram hipóteses de se candidatarem e eles também têm direitos”, lê-se no comunicado enviado à Rádio Boa Nova.

Esta ação é uma organização conjunta entre a Confederação Nacional da Agricultura e a Associação Distrital dos Agricultores de Coimbra, com o objetivo de “defender as populações e o território”.

Segundo a MAAVIM, a iniciativa vai realizar-se, de novo, no dia 4 de agosto, em Midões, para os cidadãos locais, “aquando da passagem da Volta a Portugal”. “Temos diversos placards espalhados pela zona que serão colocados no próprio dia, para mostrar o que falta, o que fizemos e o que deveria ser o Estado a fazer”, acrescenta a Associação.