Líder de rede internacional de pedofilia em Águeda começa a ser julgado
20 Maio, 2019 763 Views

Líder de rede internacional de pedofilia em Águeda começa a ser julgado

image_pdfimage_print

Um homem acusado de 583 crimes de abuso sexual de crianças e de 73.577 de pornografia de menores, e que, desde Águeda, liderava uma alegada rede internacional de pedofilia, começa hoje a ser julgado em Lisboa.

A acusação do Ministério Público (MP), do Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa, a que a agência Lusa teve acesso, diz que o principal arguido abusou sexualmente de oito menores, sete deles seus familiares, incluindo bebés (dois sobrinhos e cinco primos), com o conhecimento dos pais e de duas primas, quatro dos outros arguidos no processo.

Um sexto arguido, um informático do concelho de Sintra, está acusado de 623 crimes de abuso sexual de crianças e outros tantos de pornografia de menores, 548 dos quais cometidos sobre o enteado de 5 anos e 75 sobre a filha bebé, ainda com meses.

O despacho de acusação indica que o principal arguido morava com os pais numa habitação, com cinco quartos, no concelho de Águeda, distrito de Aveiro, na qual passaram a residir, desde 2014, uma sua irmã e o cunhado, pais de uma menina, atualmente com 7 anos. Em setembro de 2016, o casal teve um segundo filho, um rapaz, hoje com 2 anos e 8 meses.

Quando o casal se ausentava, as crianças ficavam confiadas aos cuidados do arguido ou dos avós (arguidos), sendo a residência frequentada também por duas primas (arguidas) e pelos três filhos destas, dois meninos, com 6 anos, e uma bebé de 3 anos e 10 meses, e ainda por outros três rapazes, com 9, 10 e 12 anos, dois dos quais filhos de um irmão da mãe do arguido.

Fruto da relação familiar que têm com o arguido, os menores frequentavam a habitação e aí pernoitaram por diversas vezes.

A acusação sustenta que, pelo menos desde 2013/2014 e até junho de 2017, mês em que foi detido pela Polícia Judiciária e ficou em prisão preventiva, o arguido abusou sexualmente dos menores, os quais “filmava e fotografava para, posteriormente, divulgar e partilhar tais ficheiros com outros indivíduos também apreciadores de conteúdos de abusos sexuais de crianças”.

O MP diz que, pelo menos desde novembro de 2015, o arguido criou, administrou e geriu uma ‘darknet’ (rede fechada a um grupo privado de pessoas), de cariz internacional, através da qual difundia filmes e imagens dos abusos sexuais, “maioritariamente bebés e crianças de tenra idade”, à qual deu o nome de ‘Baby Heart’, autorizando as partilhas dos mesmos quando estes cumpriam os requisitos de partilha por si definidos e publicados na referida página.

Em 08 de fevereiro de 2017, o Tribunal de Aveiro já havia condenado este arguido a uma pena suspensa de dois anos por pornografia de menores, por obter e partilhar, através da Internet, ficheiros multimédia com crianças em práticas sexuais.

A juíza presidente justificou a suspensão da pena com a confissão do arguido e o facto de este ter 19 anos à data dos factos (2012), razão pela qual o beneficiou de uma atenuação especial da pena, decorrente da aplicação do regime especial para jovens delinquentes, com a condição de continuar a submeter-se a tratamento psicoterapêutico num hospital da região.

lusa.pt

Previous Tondela assegurou manutenção e condenou Chaves à II Liga
Next AD Lagares da Beira perdeu na última jornada da Divisão de Honra da AFC

Artigos Relacionados

Informação

CCPOH realiza 16º Torneio Aberto de Ténis de Mesa

O Clube de Caça e Pesca de Oliveira do Hospital vai levar a efeito, no próximo dia 6 de agosto, o XIV Torneio Aberto de Ténis de Mesa de Oliveira

Informação

“Record” destaca golo de jogador do Nogueirense como candidato ao prémio “Puskas”

O jornal Record destaca na sua edição online o golo de Samuel Garrido, jogador da AD Nogueirense, no último fim de semana em Anadia, que…

Última Hora

Oficinas Criativas das Férias da Páscoa já iniciaram em Oliveira do Hospital

As “Oficinas Criativas das Férias da Páscoa”, promovidas pelas Bibliotecas Públicas Municipais e pelo Município de Oliveira do Hospital, iniciaram esta quarta-feira, 5 de abril.

Informação

Turismo de Portugal e SFORI realizam 1ª Edição do 12h Turismo em Oliveira do Hospital

A cidade de Oliveira do Hospital vai ser anfitriã da 1ª edição do “12H de Turismo”, desenvolvido pela SFORI, consultora que atua nas áreas de desenvolvimento organizacional …

Última Hora

Lucinda Maria apresenta novo livro em Lagares da Beira

O livro “Sonho?… Logo, Existo!” de Lucinda Maria vai ser apresentado sexta-feira, dia 26 de janeiro, pelas 21h00, na Biblioteca Ludoteca de Lagares da Beira. Trata-se do mais recente livro

Última Hora

GNR detém dois jovens por furto em estabelecimento comercial em Vila Nova de Poiares

O Comando Territorial de Coimbra, através do Posto Territorial de Vila Nova de Poiares, deteve hoje, dia 2 de abril, dois jovens de 14 e 18 anos, em flagrante delito

Nacional

Verão começa sexta-feira com temperaturas entre 18 e 30 graus

O verão começa na sexta-feira com alguma nebulosidade e com máximas a variar entre os 18 e os 30 graus Celsius,…

Região

PJ da Guarda deteve suspeito de abuso sexual de menor e sequestro

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, identificou e deteve um homem fortemente indiciado “pela prática de vários crimes de abuso sexual de criança…

Informação

Escritor José Fanha participa na final do concurso interescolar SER em Seia

José Fanha, autor da obra literária “Diário de Um Menino Já Crescido”, livro que tem sido objeto de análise na edição deste ano do concurso literário-cultural “S.E.R.” (Saber, Exprimir, Responder),

Última Hora

Manteigas organiza corrida de montanha que mobiliza mais de 1.800 atletas

O concelho de Manteigas, no distrito da Guarda, recebe no fim de semana uma corrida de montanha que mobiliza mais de 1.800 participantes e que constitui uma mais-valia para a

Região

GNR do Fundão identifica suspeitos de ameaças com armas de fogo

A GNR identificou, na quinta-feira, dois homens, de 19 e 57 anos, pelo crime de ameaças com recurso a armas de fogo, no concelho do Fundão, distrito de Castelo Branco.

Última Hora

“Centro TV” em destaque no “Espaço BLC3”

Em mais um “Espaço BLC3- Ciência no Interior” a conversa acontece esta terça-feira, pelas 19h00, com Paulo Leitão, promotor do projeto “Centro TV”. A Centro TV é um projeto inovador