Jorge Conde tomou posse na presidência do Politécnico de Coimbra

Jorge Conde tomou posse na presidência do Politécnico de Coimbra

O novo presidente do Instituto Politécnico de Coimbra (IPC), Jorge Conde, manifestou-se hoje contra a “confusão de regras” que gerem o ensino superior e defendeu uma estratégia e uma regulação mais clara e objetiva para o setor.

O fim da “confusão de regras que nos gerem podia ajudar-nos a fazer melhor o nosso papel”, sustentou Jorge Conde, que falava, ontem à tarde, na Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra (ESTeSC), na sessão da sua tomada de posse como presidente IPC.

“Da tutela [Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior] esperamos condições e reconhecimento”, apelou Jorge Conde, considerando que, “seria mais fácil esperar facilidades”, mas que o IPC ficará “feliz” se lhes forem dadas condições e reconhecimento do seu trabalho.

Às empresas e autarquias, Jorge Conde pede oportunidades para o Politécnico mostrar que tem saber, que sabe fazer e que pode, com elas, desenvolver “um trabalho produtivo que solucione” os seus problemas.

Já aos estudantes do IPC, o novo presidente pede “exigência” para com eles próprios e para com a instituição, mas, adverte, “exigência de qualidade, de excelência no ensino, de elevação do valor dos diplomados pelo seu aumento de competências e de comportamentos”.

Jorge Conde, que era presidente da ESTeSC, foi eleito presidente do IPC em maio, sucedendo a Rui Antunes, que ocupava o cargo desde 2009, depois de ter liderado presidido à Escola Superior de Educação de Coimbra (ESEC).

Criado em 1979, o IPC possui cerca de 9.800 estudantes, distribuídos pelos institutos superiores de Engenharia e de Contabilidade e Administração/Coimbra Business School e pelas escolas superiores Agrária, de Educação e ESTeSC, em Coimbra, e Escola Superior de Tecnologia e Gestão, em Oliveira do Hospital.

Com:Lusa.pt

Previous Região: Homem detido por cultivo de cannabis
Next AD Nogueirense parte para nova época com o objetivo da “manutenção”

Artigos Relacionados

Região

Colisão provoca um morto e quatro feridos no IP3 em Penacova

Um acidente entre dois veículos ligeiros, seguido do despiste de um pesado e de um atropelamento no IP3, em Penacova, provocou, no final de tarde desta quarta-feira, um morto, segundo

Última Hora

Despiste de camião corta A25 em Celorico da Beira

Um camião despistou-se esta madrugada na A25, ficando tombado na via. O acidente aconteceu pela 6h30, junto ao nó de Celorico da Beira …

Região

Mulher com cerca de 70 anos atropelada mortalmente em Montemor-o-Velho

Uma mulher de cerca de 70 anos morreu hoje atropelada por um veículo ligeiro em Montemor-o-Velho, distrito de Coimbra, disse fonte da GNR.

Informação

Operação “Ignição Zero” sinaliza infrações e sensibiliza oliveirenses para ações de limpeza junto às habitações.

O concelho de Oliveira do Hospital está hoje a ser palco de uma grande operação de sensibilização para a necessidade de limpeza de terrenos junto às habitações em zonas próximas

Região

IP justifica demora no arranjo da Estrada da Beira com o mau tempo

A Infraestruturas de Portugal não avança com uma data para a conclusão das obras de requalificação da Estrada da Beira, no concelho de Oliveira do Hospital. Ao jornal online Notícias

Última Hora

Vinte operacionais em buscas por homem desaparecido na Figueira da Foz

Um homem de 47 anos está desaparecido desde quinta-feira no concelho da Figueira da Foz, informaram hoje fontes da GNR e da Proteção Civil, indicando que cerca de 20 operacionais