Incêndios: Campanha solidária abrange 400 habitações ardidas

Incêndios: Campanha solidária abrange 400 habitações ardidas

As famílias de 400 habitações destruídas pelos incêndios de outubro de 2017 vão ser apoiados por uma campanha solidária a desenvolver pelo Movimento Lírio Azul porque “ter um lar é diferente de ter uma casa”.

Um “protocolo de cooperação solidária” para “apoiar as famílias, cujas casas arderam na totalidade nos incêndios de 15 de outubro de 2017” e que é “preciso aconchegar” com um lar, foi formalizado na Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), em Coimbra.

Segundo comunicado enviado à Rádio Boa Nova, o Movimento Lírio Azul (MLA), “entidade promotora e gestora desta campanha solidária” – ‘Uma casa. Um Lar’ – assume “o compromisso de angariar bens materiais novos, para as casas em processo de reconstrução e indicadas pela CCDRC”, refere o Lírio Azul.

A campanha, que “faz a ponte entre quem tem e quem precisa”, abrangerá “400 habitações, num total de 713 pessoas, cujas casas arderam na totalidade”, disse a presidente da CCDRC, Ana Abrunhosa.

“Ter um lar é diferente de ter uma casa, mais do que uma casa é preciso aconchegar essas famílias com um lar”, sustentou a responsável, na sessão de assinatura do protocolo entre o movimento e a CCDRC.

“Esta parceria está assente na confiança”, defendeu, por seu lado, na mesma ocasião, a fundadora e presidente do MLA, Odete Costa.

Serão destinatárias desta campanha as famílias apoiadas no âmbito do Programa de Apoio à Reconstrução de Habitação Permanente, e cujas casas foram objeto de obras de reconstrução total, a cargo da CCDRC, adianta o Movimento.

Na campanha, “será dada preferência aos bens que contribuem para o conforto das famílias como o têxtil lar e outros que se entendam necessários para acarinhar as populações em sofrimento”, concluiu o MLA.

Movimento cívico, fundado em 2014, no concelho da Póvoa de Varzim, o MLA tem como objetivo “ajudar na construção de um mundo mais justo e inclusivo”.

As áreas de maior intervenção do Lírio Azul são os temas da igualdade de género/equidade, o empreendedorismo e a liderança, a discriminação nas mais diversas formas, e a luta contra a pobreza e a exclusão social.

Previous Árvore de Natal feita pela comunidade "pretende dar vida à freguesia" de Seixo da Beira
Next Aprovados 110 projetos e investimento de 345 milhões em zonas afetadas pelos incêndios

Artigos Relacionados

Última Hora

Assembleia Municipal delibera hoje sobre constituição de empresa intermunicipal com Seia e Gouveia

Realiza-se hoje, com início às 14h30, a sessão ordinária da Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital. Os trabalhos vão decorrer no Salão Nobre do Município.

Destaque

Marcelo presente na Feira do Queijo dedicada às vítimas dos incêndios

A Festa do Queijo Serra da Estrela de Oliveira do Hospital, que se realiza este ano entre os dias 10 e 11 de março, em pleno centro da cidade, no

Informação

Reconstrução de casas é a prioridade em São Gião, Oliveira do Hospital

A recuperação das quase 30 habitações que arderam na freguesia de São Gião, Oliveira do Hospital, é a prioridade da Junta de Freguesia,…

Última Hora

Concelho de Arganil recebe apoio para recuperação das casas ardidas

O Município de Arganil oficializou, ontem, a atribuição do primeiro apoio destinado à recuperação das habitações afetadas pelo incêndio de 15 de outubro…

Região

UCC Pinheiro do Abraços premiada pela Missão Sorriso com apoio de mais de 25 mil Euros

A Unidade Cuidados na Comunidade (UCC) Pinheiro dos Abraço foi premiada no âmbito do concurso Missão Sorriso 2016- Continente com um apoio de 25.241,52 Euros. A entrega oficial do prémio

Última Hora

Comentário: “José Carlos Alexandrino vai ficar para a história de Oliveira do Hospital como o homem com as maiores vitórias de sempre”

Num comentário ao resultado das eleições autárquicas no concelho de Oliveira do Hospital, Vítor Neves está certo de que José Carlos Alexandrino,…

Informação

Amílcar Falcão eleito novo reitor da Universidade de Coimbra

O professor da Faculdade de Farmácia, Amílcar Falcão, foi eleito esta tarde reitor da Universidade de Coimbra.

Região

Tribunal de Contas valida reconstrução de 31 casas em Arganil no valor de 4,2 milhões

O Tribunal de Contas deu visto à reconstrução das 31 habitações permanentes afetadas pelo incêndio de 15 de outubro no concelho de Arganil, cujo valor ascende aos 4,2 milhões de

Educação

Oliveira do Hospital: Candidaturas para atribuição de bolsas no ensino superior decorrem até 30 de outubro

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital abriu o prazo e o período de candidatura para atribuição de bolsas de estudo no ensino superior a alunos com insuficiências económicas e

Última Hora

Luís Almeida foi reeleito líder do PSD de Arganil

Luís Almeida foi reeleito presidente da Comissão Política de Secção de Arganil, no passado sábado, dia 7 de abril, tendo obtido cem por cento dos votos. Marcado por uma forte

Informação

Região: Mulher de 35 anos morreu em acidente de trabalho

Um acidente de trabalho na Cinca – Companhia Industrial de Cerâmica SA, no Travasso, no concelho da Mealhada, provocou ontem a morte a uma funcionária.

Última Hora

Restaurantes e bares de Oliveira do Hospital com horário alargado no Carnaval

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital (CMOH) deliberou conceder um alargamento do horário de funcionamento, no período de Carnaval, aos estabelecimentos de restauração e bebidas, licenciados no município.