Fundador da Sociedade Portuguesa de Medicina Chinesa alerta para a lei que regula o ensino e o exercício profissional (áudio)

Fundador da Sociedade Portuguesa de Medicina Chinesa alerta para a lei que regula o ensino e o exercício profissional (áudio)

image_pdfimage_print

Pedro Vaz, fundador e vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina Chinesa foi o convidado desta manhã na Rádio Boa Nova.

O especialista, natural do concelho de Seia, e que é responsável pela consulta de acupunctura no hospital da Fundação Aurélio Amaro Dinis, entre outros hospitais e clínicas da região, explicou na Rádio Boa Nova a necessidade sentida em 2015 de, com um grupo de colegas, criar uma sociedade para “defender a classe e lutar pelo futuro a que estas terapêuticas e medicinas não convencionais devem ter direito por forma a ajudar a melhorar a saúde e bem estar dos portugueses”.

O vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina Chinesa, presidida por António Moreira, recuou ao ano de 2013 para recordar a publicação da lei de bases que veio reconhecer os profissionais de terapêuticas não convencionais em seis especialidades”. Segundo o especialista “cerca de três milhões de portugueses recorrem com regularidade a estes profissionais “. “Houve necessidade de efetiva regulamentação com publicação de todas as portarias que viriam a regular desde o ensino, ao exercício da profissão”.

Esta manhã, na Rádio Boa Nova, Pedro Vaz, disse que a “lei é clara”. “É preciso ser detentor de cédula profissional e estar a trabalhar num espaço com inscrição na Entidade Reguladora da Saúde, para garantirmos que as pessoas recorrem a sítios com condições de segurança desejáveis”, frisou. O jovem especialista em acupunctura deu o exemplo do Hospital da FAAD que “é um centro de referência e é óbvio que os profissionais cumprem todos os desígnios que a lei exige “. “Se formos a outros espaços como ervanárias ou outras lojas poderemos encontrar alguém que está na ilegalidade”, disse ainda, referindo que essas pessoas “incorrem em crime de usurpação de funções com grave moldura penal”.

Pedro Vaz entende que “a medicina convencional continua a ter o seu papel preponderante e deve continuar a ter, mas as pessoas em determinadas situações de patologia musco esqueléticas, estados psíquicos e outras situações, encontram nestas práticas soluções para estes problemas. Porque senão, continua o especialista, “elas já não existiriam, nem proliferavam”.

Pedro Vaz vai ter presença regular na Rádio Boa Nova, na última quinta feira de cada mês, entre as 10h e as 11h00, num espaço aberto à participação dos ouvintes.

 

Previous Guarda: Dois homens e uma mulher detidos por tráfico de estupefacientes
Next ANPC alerta para fenómenos extremos de vento, chuva, neve e agitação marítima

Artigos Relacionados

Região

Camionistas queixam-se de furto de combustível em Oliveira do Hospital

No período de duas semanas, pelo menos dois condutores de pesados depararam-se com situações de furto de combustível nos depósitos dos camiões, estacionados na cidade de Oliveira do Hospital.

Desporto

Secretário de Estado da Juventude e do Desporto desloca-se a Seia para conhecer projeto Gym4All

O Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, desloca-se a Seia, na próxima quinta-feira, dia 18,  com o objetivo de tomar contacto…

Informação

Região: Colisão entre viatura ligeira e moto provoca um morto

Uma colisão entre uma viatura ligeira e uma moto provocou hoje um morto em Gatões, Montemor-o-Velho, no distrito de Coimbra.

Última Hora

Despiste provoca um ferido grave em Mangualde

Um despiste de um veículo ligeiro, esta manhã, na Estrada Nacional 16 em São Cosmado, Mangualde, provocou um ferido grave.

Última Hora

Quatro feridos ligeiros em colisão frontal na EN 17, entre Oliveira do Hospital e Tábua

Uma colisão frontal na EN17, envolvendo duas viaturas ligeiras, resultou esta tarde em quatro feridos ligeiros. O acidente ocorreu cerca das 16h15,…

Informação

Temperaturas descem. Mínimas registam 12ºC

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje no continente céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se muito nublado ou encoberto…

Informação

Leiria: Homem morre soterrado em vala

Um homem morreu, esta manhã, na zona de Barreira, em Leiria, soterrado numa vala.

Última Hora

ExpOH abre portas a 21 de julho e promete nove noites com grande animação

A ExpOH – Feira Regional de Oliveira do Hospital abre portas este sábado, dia 21, às 18h00, no parque do Mandanelho, prolongando-se até 29 de julho.

Região

Autarca de Seia confia na recuperação após a tragédia que causou 14 milhões de prejuízos

Meio ano após os trágicos incêndios que nos dias 15, 16 e 17 de outubro consumiram mais de 18.500 hectares no concelho de Seia e causaram prejuízos materiais na ordem

Informação

Relação confirma pena de 19 anos para homem acusado de matar a mulher

O Tribunal da Relação de Coimbra confirmou a pena de 19 anos de prisão aplicada ao homem que foi condenado, pelo Tribunal da Guarda, por ter matado a mulher num

Última Hora

Marcelo Rebelo de Sousa recebeu e autografou livro “Dia 15” da Rádio Boa Nova

De visita à Festa do Queijo Serra da Estrela que decorre este fim de semana, em Oliveira do Hospital, o presidente da República visitou o espaço da Rádio Boa Nova,

Última Hora

Queda de neve obriga ao encerramento de estradas na Serra da Estrela

Algumas das estradas de acesso ao maciço central da Serra da Estrela estão hoje de manhã encerradas ao trânsito devido à queda de neve, …