Fogos consumiram quase 210 mil hectares este ano

Fogos consumiram quase 210 mil hectares este ano

image_pdfimage_print

Os incêndios florestais consumiram este ano quase 210 mil hectares, o valor mais elevado dos últimos dez anos.

Segundo o relatório provisório do ICNF de incêndios florestais, relativo ao período de 1 de janeiro e 15 de setembro, registaram-se um total de 13.346 ocorrências (2.827 incêndios florestais e 10.519 fogachos) que resultaram em 209.678 hectares de área florestal ardida.

“O ano de 2017 apresenta, até ao dia 15 de setembro, o quinto valor mais reduzido em número de ocorrências e o valor mais elevado de área ardida, desde 2007”, refere o mesmo documento, adiantando que se registaram este ano 1.058 reacendimentos, menos 19% do que a média anual do período 2007-2016.

Em relação ao mesmo período de 2016, este ano a área ardida aumentou cerca de 35% e as ocorrências de fogo subiram quase 21%.

O distrito com maior área ardida é Castelo Branco, com 38.093 hectares, cerca de 18% da área total ardida até à data em Portugal continental, seguido de Santarém, com 34.162 hectares, e de Coimbra, com 26.056 hectares.

Segundo o ICNF, o incêndio que provocou maior área ardida no distrito de Castelo Branco teve a origem na freguesia de Várzea dos Cavaleiros, concelho da Sertã, e consumiu 29.758 hectares de espaços florestais (78% do total ardido no distrito).

Já os distritos com maior número de ocorrências de fogo, até 15 de setembro, são o Porto (3.280), Braga (1.421) e Viseu (1.272), mas estas ocorrências foram “maioritariamente fogachos”, que não ultrapassam um hectare de área ardida.

Da análise do índice de severidade diário (DSR), acumulado desde 01 de janeiro, o INCF indica que 2017 é o segundo ano mais severo desde 2003, ultrapassado apenas por 2005.

“Face às condições meteorológicas adversas, favoráveis à propagação de incêndios florestais, a ANPC (Autoridade Nacional de Proteção Civil) decretou, até à data, 75 dias de alerta especial de nível amarelo ou superior do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais (DECIF), dos quais se destacam nove dias na primeira quinzena de setembro”, lê-se no relatório.

De acordo com os dados provisórios, o número de ocorrências registado mensalmente mostra que apenas os meses de janeiro, abril e junho de 2017 ficaram acima das respetivas médias mensais do decénio 2007-2016.

O mês de agosto lidera com a maior área ardida em Portugal continental (72.508 hectares) que representa cerca de 34,6% da área ardida total até à data, seguido de julho (60.734) e junho (52.070).

O INCF indica também que, até 15 de setembro, registaram-se 137 grandes incêndios (área total afetada igual ou superior a 100 hectares) que queimaram 187.060 hectares de espaços florestais, cerca de 89% do total da área ardida.

O relatório estima que arderam na Rede Nacional de Áreas Protegidas (RNAP) 22.513 hectares de espaços florestais, destacando o Parque Natural do Douro Internacional, o Monumento Natural das Portas de Ródão e a paisagem protegida da Serra da Gardunha.

Os piores anos de sempre em área ardida registaram-se em 2003 (425.839 hectares) e 2005 (339.089).

 

Previous Viatura fica sem travões e atropela várias pessoas em funeral
Next Candidato da CDU diz que Oliveira do Hospital caminha para “uma ilha” e defende medidas nas áreas da saúde, acessibilidades, transportes e requalificação do património

Artigos Relacionados

Última Hora

Xanana Gusmão trouxe solidariedade e prometeu ajudar Oliveira do Hospital

O ex presidente de Timor Leste, Xanana Gusmão, visitou hoje Oliveira do Hospital num gesto de solidariedade depois do…

Última Hora

Nelas: Dia Nacional dos Moinhos no Rio Castelo celebrado com dezenas de participantes

No passado dia 7 de abril celebrou-se, pelo sétimo ano consecutivo, o “Dia Nacional dos Moinhos” com uma visita guiada aos moinhos do Rio Castelo, em Nelas.

Última Hora

Fábrica de calçado cria entre 50 a 60 postos de trabalho em Belmonte

Uma fábrica de calçado que começa esta terça-feira a laborar em Belmonte deverá criar entre 50 a 60 postos de trabalho quando estiver a funcionar em pleno.

Região

Salvador Sobral em Arganil no dia 19 de agosto

Salvador Sobral amou por um país inteiro no dia 13 de maio e fez história, não só por vencer o Festival Eurovisão da Canção 2017, dando a Portugal a sua

Última Hora

Volta: Vendaval no Larouco fez aparecer nova Camisola Amarela

Joni Brandão é o novo líder da 81ª Volta a Portugal Santander. Com a chegada a Montalegre, Serra do Larouco, o corredor da Efapel assumiu o primeiro lugar da classificação geral

Última Hora

Região: Incêndio consome fábrica de carvão

Um incêndio destruiu ao início da manhã de hoje uma fábrica de carvão em Vilarinho, no concelho de Oliveira de Frades, …

Última Hora

“O Queijo Serra da Estrela já sofreu vários abalos. Mas este talvez seja o maior”

No âmbito da Festa do Queijo de Oliveira do Hospital que se realiza neste fim de semana, a Confraria do Queijo Serra da Estrela leva a efeito o seu 29º

Informação

Eduardo Cabrita encara solução para IP3 “absoluta prioridade” nacional

O ministro-adjunto, Eduardo Cabrita, defendeu ontem que é de absoluta prioridade nacional encontrar uma solução para o Itinerário Principal 3 (IP3), …

Região

CIM Região de Coimbra distribui mais de 40 mil árvores aos municípios

Mais de 40 mil árvores de espécies autóctones portuguesas estão a ser entregues aos municípios da Região de Coimbra para plantação pela Comunidade Intermunicipal, no âmbito da aprovação da candidatura…

Informação

Inscrições abertas para o concurso 3R_NATAL_Ambiental 2017

Estão abertas até 30 de novembro, as inscrições para o concurso de decoração de natal, “3R_NATAL_Ambiental 2017”, promovido pelo Município de Oliveira do Hospital.

Região

Região: FPF, Benfica e Vitória doam veículo aos bombeiros de Figueiró dos Vinhos

A Federação Portuguesa de Futebol, representada pelo seu presidente, Fernando Gomes, doou hoje um veículo aos Bombeiros de Figueiró dos Vinhos, com o apoio de Benfica, Vitória de Guimarães e

Cultura

Cláudia Costa expõe “O Recreio dos Ícones IV” em Arganil

A Câmara Municipal de Arganil inaugura,hoje, às 16h00, a exposição “O Recreio dos Ícones IV”, com pinturas de Cláudia Costa.