FAAD: Herdade quer assegurar “urgências condignas” à população de Oliveira do Hospital
20 Junho, 2018 2684 Views

FAAD: Herdade quer assegurar “urgências condignas” à população de Oliveira do Hospital

Álvaro Herdade foi ontem reconduzido na presidência do Conselho de Administração da Fundação Aurélio Amaro Diniz (FAAD). No terceiro mandato, o conhecido clínico redobra…

… as atenções na área da saúde, em especial, no serviço de urgências que pretende assegurar 24 horas, com o objetivo de garantir “assistência condigna” aos oliveirenses.

Álvaro Herdade continua a ser “pessoa de confiança” para o executivo liderado por José Carlos Alexandrino (PS) que pela terceira vez nomeou o conhecido médico para comandar a FAAD com intervenção na área da infância, terceira idade e saúde. Rogério Prazeres (secretário) acompanha Álvaro Herdade, que também conta com Cristina Serra e Pedro Rúben como vogais.

Numa altura em que a FAAD conta com um apoio à infância “concretizado” e um apoio à terceira idade que “pode ser melhorado”, Álvaro Herdade elege a área da saúde como aquela que “importa resolver”. O clínico lembra que o concelho passou, com o incêndio de outubro, o período mais crítico dos últimos anos e que foi importante a resposta “adequada” dada pela FAAD naquela noite de 15 de outubro. De lá para cá, Herdade esclarece que no dia 1 de novembro o hospital assumiu as “urgências” entre as 20h00 e as 08h, aos fins de semana e feriados porque “fomos obrigados”. “Estava em causa a assistência às populações”, clarifica o clínico, assegurando que para a FAAD seria “mais fácil” estar quieta. “Nenhum hospital deseja ter um serviço de urgência, porque nunca sabemos aquilo que nos entra pela porta a dentro”.

Se no início, “a solução foi encontrada numa semana”, Álvaro Herdade assegura que agora o hospital “tem médicos capazes para assegurar a urgência 24 horas”. “Precisamos que nos deixem trabalhar e nos deixem prestar assistência às populações  que seja condigna”, afirma o responsável pelo CA da FAAD, considerando que a atual situação de encaminhamento de doentes para “Seia, Guarda, Arganil e depois para Oliveira do Hospital” é “brincar com a vida das pessoas e o dinheiro dos nossos impostos”.

A tomar posse para o terceiro mandato, Herdade alerta para o facto de a solução encontrada para fazer face ao encerramento do SAP se revelar “deficitária” para a FAAD que “está a perder dinheiro com as urgências”. Espera, por isso, pela celebração de “contrato plurianual com o Ministério da Educação”, e apela ao presidente do Município para que se empenhe junto do governo. “Vivemos em cima do joelho. Queremos arrumar a casa e ter condições condignas para os nossos trabalhadores”, disse o responsável, informando que desde o dia 1 de novembro a FAAD não faturou nenhum serviço de urgência prestado.

No percurso de oito anos ao comando da FAAD, Álvaro Herdade enaltece a dedicação dos colaboradores e parceiros do Conselho de Administração. Quanto ao futuro, destaca o projeto de melhoria do hospital, da qual faz parte o serviço de urgências, num investimento de “cinco a seis milhões”, mas que só será lançado se houver certeza de que deixarão trabalhar o hospital “condignamente”. “Lançámos também um novo projeto de saúde mental em Oliveira do Hospital”, acrescentou.

José Carlos Alexandrino, presidente do Município, reiterou a confiança em Herdade e na equipa que o acompanha, para logo se focar no serviço de urgência na FAAD. “Oliveira do Hospital ficava abandonada se não fosse a FAAD”, afirmou o autarca que rejeita ter sido o responsável pelo fecho do SAP. “Eu nunca concordei”, asseverou, achando Alexandrino que a solução encontrada com a FAAD “foi boa” e que “hoje há melhor resposta das 20h às 08h do que havia”.

No imediato, o autarca defende que o concelho tenha urgência no período em falta, das 08h00 às 20h00, porque Oliveira do Hospital “não é um concelho qualquer”. Exige por isso um entendimento com Ministério da Saúde, para que “se pague” o serviço que é prestado pela FAAD. “Quando se fala tanto do interior, desafio o Ministério da Saúde para que Oliveira do hospital tenha as mesmas condições de outras regiões”, afirmou.

José Carlos Alexandrino destacou a importância que a FAAD tem no concelho e a boa parceria com o projeto da Unidade Móvel de Saúde. Em particular, destacou o “papel importantíssimo que a FAAD teve na noite dos incêndios”. “Se calhar em vez de 13 mortos teríamos a lamentar mais mortos”, observou.

Quanto ao futuro da conhecida instituição, o autarca oliveirense defendeu o acesso aos apoios comunitários para a execução do projeto de melhoria da área hospitalar e instalação das urgências. Aludiu ainda aos estatutos da FAAD para sugerir uma alteração, no sentido de que os elementos do Conselho de Administração possam ser remunerados pelo contributo que dão à instituição, à semelhança com que acontece com outras fundações no país.

image_pdfimage_print
Previous Figueira da Foz: Homem detido com 57 doses de cocaína
Next Francisco Prior Claro vai ser ordenado sacerdote

Artigos Relacionados

Última Hora

Homem morreu em capotamento de trator em Vila Nova de Poiares

Um homem morreu ontem, em Vila Nova de Poiares, na sequência do capotamento do trator onde seguia.

Região

Concelhos de Arganil e Pampilhosa da Serra em risco máximo de incêndio

Os concelhos de Pampilhosa e Arganil, no distrito de Coimbra, apresentam hoje risco ‘Máximo’ de incêndio, segundo informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Última Hora

“Biblioteca no Largo” leva informação e literatura a localidades recônditas do concelho de Oliveira do Hospital (com vídeo)

O projeto “Biblioteca no Largo” teve, hoje, a sua estreia na localidade de Parceiro (S. Gião), uma das mais afetadas pelo grande incêndio de 15 de outubro.

Informação

Polícia Judiciária deteve grupo de assaltantes violentos

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, deteve dois homens, presumíveis autores de várias explosões em caixas multibanco, ocorridas entre Agosto e Outubro de 2016 …

Destaque

Projeto da BLC3 é finalista dos Prémios RegioStars 2016 atribuídos hoje em Bruxelas (com áudio)

O projeto “Centro BIO: Bioindústrias, Biorrefinarias e Bioprodutos”, da BLC3 – Campus de Tecnologia e Inovação, de Oliveira de Hospital, é o único projeto português finalista…

Nacional

Madeira: Autor de incêndio que matou três pessoas condenado a 14 anos de prisão

O homem acusado de atear o fogo que matou três pessoas no Funchal, no ano passado, foi condenado a 14 anos de prisão efetiva.

Última Hora

GNR inicia hoje fiscalização à limpeza de terrenos

A GNR inicia hoje a fase de fiscalização da limpeza dos terrenos florestais, procedendo ao levantamento de autos de contraordenação, que podem ficar sem efeito se os proprietários assegurarem a

Última Hora

Alexandrino pediu ajuda ao ministro da Economia para a concretização do IC6

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital aproveitou a presença do ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, na Feira do Queijo para lhe pedir ajuda no processo de

Educação

“A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova.

Este sábado, dia 25 de fevereiro, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 20.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do AEOH.

Região

Adulto e dois menores suspeitos de furto em Miranda do Corvo

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal de Lousã, identificou, no dia 29 de abril, um homem de 18 anos e dois menores de 15 e 16 anos, …

Informação

Santuário de Fátima propõe passagem de ano para jovens de todo o país

Um fim de ano diferente e alternativo centrado na ‘Luz e no Tempo’ da mensagem de Fátima é a proposta do Santuário de Fátima para os dias de festa da

Destaque

CDS-PP ‘pisca o olho’ a José Carlos Alexandrino

Com as eleições autárquicas quase à porta, o CDS-PP  dirigiu um verdadeiro “piscar de olho” ao atual presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital. José Carlos Alexandrino assegurou não

Última Hora

EXPOH atrai milhares de pessoas a Oliveira do Hospital

O primeiro dia da EXPOH atingiu o maior número de visitantes do que qualquer outro dia desde que o certame é realizado. Para isso contribuíram…

Região

Indemnizações às vítimas dos incêndios não vão ser pagas até ao Natal

As vítimas dos incêndios não vão receber as indemnizações a que têm direito até ao Natal. Segundo notícia avança pela Rádio Renascença, …

Região

Mais de 500 pessoas morreram nas estradas portuguesas em 2017

Mais de 500 pessoas morreram no ano passado nas estradas portuguesas, segundo dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), que indicam também um aumento dos acidentes rodoviários e dos

Última Hora

Especialistas debatem “Respostas Emocionais a Situações de Catástrofe” em Oliveira do Hospital

Na próxima segunda-feira, dia 26 de fevereiro, Oliveira do Hospital acolhe a realização do workshop “Respostas Emocionais a Situações de Catástrofe”.

Educação

Tribunal de Coimbra aceita providência cautelar dos colégios privados

O Tribunal Administrativo e Fiscal de Coimbra aceitou uma providência cautelar interposta pelo Movimento de Escolas com Ensino Público Contratualizado (MEPEC), que …

Destaque

Eptoliva festejou 25 anos de ensino profissional

A Eptoliva comemorou na sexta feira, dia 11, 25 anos de ensino profissional em Oliveira do Hospital e na região. César Oliveira, Maria Antónia Matos e Ivo Portela, fundadores da

Última Hora

16 detenções, 732 infrações e 66 acidentes no distrito de Coimbra

O Comando Territorial de Coimbra procedeu, de 13 a 19 de março, a várias operações, no distrito de Coimbra, como a prevenção e o combate à criminalidade violenta e a

Informação

Meruge recria “Ciclo do Pão” no dia 23 de setembro

A Junta de Freguesia de Meruge e a ADSC Vale do Cobral realizam, no próximo dia 23 de setembro, pelas 15h00, na eira singular da Lage Grande, em Meruge, a

Última Hora

Penacova acolhe fase intermunicipal do concurso nacional de leitura

O Plano Nacional de Leitura, em articulação com a RTP, com a Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas e com a Rede de Bibliotecas Escolares, promove o Concurso

Destaque

Nogueirense afastado da Taça de Portugal

A Associação Desportiva Nogueirense perdeu na 1ª eliminatória da taça de Portugal e afastou-se da competição.

Informação

Sismo de magnitude 3.1 na escala de Richter a 6 quilómetros de Arraiolos

Um sismo pequeno de magnitude 3,1 na escala de Richter foi hoje registado na Rede Sísmica do continente às 04h15 e teve epicentro perto de Arraiolos, distrito de Évora.

Programas

“Mini repórteres” da Rádio Boa Nova partiram à “descoberta da EXPOH” (com áudio)

No âmbito do programa “Férias Ativas”, as crianças voltam a ser “Mini Repórteres” na Rádio Boa Nova numa parceria com o Município de Oliveira do Hospital.