“Esta EXPOH foi muito bem conseguida. Valeu a pena”
30 Julho, 2018 1082 Views

“Esta EXPOH foi muito bem conseguida. Valeu a pena”

image_pdfimage_print

A EXPOH – Feira Regional de Oliveira do Hospital chegou ontem ao fim. O certame, que teve início no dia 21 de julho, fechou com casa cheia e um espetáculo que puxou pela emoção com a presença de André Sardet.

Tal como no dia da inauguração, também no último dia a EXPOH esteve ao lado das vítimas do grande incêndio de 15 de outubro. Exemplo disso foi a homenagem em palco, no decorrer do concerto de André Sardet, para com a princesa Leonor, a menina de 11 anos que ainda recupera dos ferimentos provocadas pelo incêndio. Uma homenagem que o presidente do Município alargou a todas os lesados do incêndio, considerando, por isso, que esta foi “uma EXPOH de contradições: de alegria e ao mesmo tempo de tristeza”. No final do certame, o autarca que ponderou não realizar esta feira, agradeceu aos vereadores que o incentivaram a realizar a EXPOH, verificando que “afinal valeu a pena”. “Esta foi uma EXPOH muito bem conseguida”, afirmou.

No fecho da EXPOH, o presidente da autarquia disse estar já a trabalhar na próxima edição e garante que, em 2019, o certame vai contar com um artista internacional que “traga muita juventude a Oliveira do Hospital”. “Queremos aliciar outro público”, referiu ontem à noite.

No imediato, o autarca centra atenções na Etapa Vida da Volta a Portugal em Bicicleta, que vai ter chegada a Oliveira do Hospital no próximo sábado, 4 de agosto, pelas 17h30 e com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. “Demonstra que Oliveira do Hospital está a recuperar, temos união e somos cidadãos do mundo”, disse José Carlos Alexandrino.

No horizonte está, também, o dia em que o concelho assinala um ano passado após a grande tragédia: 15 de outubro. Anunciou que o empresário Marco Polónio, responsável pela programação da EXPOH, vai proporcionar um concerto com vários artistas no concelho, de forma gratuita. “Nesse dia, espero inaugurar o memorial com o nome das nossas vítimas (mortais) para nunca mais nos esquecermos delas, porque não tiveram culpa nenhuma”.

Num “ano dramático” para o concelho, José Carlos Alexandrino nota que a “EXPOH foi aquilo que foi”, mas diz sentir-se “feliz”. “Serviu para nos encontrarmos, nos unirmos e para dizer que somos resilientes e vamos renascer com mais força e mais vida”, afirmou, agradecendo o bom envolvimento de todos os expositores, empresários e instituições que marcaram presença.

Previous Município de Góis assina protoloco com base na valorização da floresta e do aproveitamento dos resíduos florestais
Next Septuagenário morreu em acidente com trator em Oliveira do Hospital

Artigos Relacionados

Informação

GNR intensifica fiscalização rodoviária com operação “Estrada Segura”

A Guarda Nacional Republicana (GNR) começa já a partir de amanhã, quinta-feira, 31 de janeiro, com uma operação de fiscalização rodoviária, que durará até segunda-feira.

Informação

Emanuel e outros artistas solidários com vítimas na receção ao caloiro da ESTGOH

Emanuel é cabeça de cartaz da receção ao caloiro da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH)…

Última Hora

Cientista alerta para perigo de combustível acumulado nas zonas ardidas

O diretor do Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais, Xavier Viegas, alertou hoje, em Coimbra, para a necessidade de impedir a acumulação de combustível nas áreas ardidas, que favorecerá a

Programas

“A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova

Este sábado, dia 14 de maio, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 32.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do AEOH.

Região

Agricultores e produtores florestais realizam manifestação para reclamar apoios ao governo

Os agricultores e produtores florestais afetados pelos incêndios de 2017 manifestam-se na próxima sexta feira, 2 de fevereiro, junto ao Ministério da Agricultura para reclamar apoios.

Região

Pedrogão: Fundo Revita apoia 363 agricultores afetados com 812 mil euros

O Conselho de Gestão do Fundo Revita decidiu atribuir subsídios a 363 produtores afetados pelo incêndio que começou em junho em Pedrógão Grande,…

Última Hora

Mais de 30 concelhos de nove distritos em risco máximo de incêndio

Mais de 30 concelhos de nove distritos de Portugal continental estão hoje em risco ‘máximo’ de incêndio, de acordo com informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Região

Município de Oliveira do Hospital aposta em iluminação pública eficiente

O Município de Oliveira do Hospital e a EDP Distribuição – Energia, S.A assinaram um protocolo que tem como objetivo a definição dos tipos correntes de iluminação, …

Informação

Despiste provoca um ferido grave em Mangualde

Um despiste de um veículo ligeiro, esta manhã, na Estrada Nacional 16 em São Cosmado, Mangualde, provocou um ferido grave.

Sociedade

Politécnico de Coimbra entrega Bolsas de Estudo por Mérito

O Politécnico de Coimbra (IPC) entrega aos seus alunos as Bolsas de Estudo por Mérito referentes ao ano letivo de 2012/2013, numa cerimónia …

Última Hora

Escolas da Cordinha e Lagares: 25 anos depois continuam a “oferecer ensino de qualidade”

Vinte e cinco anos depois das suas fundações, as Escolas Básicas (EB) da Cordinha e de Lagares da Beira, no concelho de Oliveira do Hospital, “continuam a ser iguais e

Região

Mercadinho da Montanha valoriza candidatura da Estrela a Geopark da Unesco

É já no próximo domingo, dia 11, que se realiza no Mercado Municipal de Oliveira do Hospital, a edição especial da Mostra da Nossa Terra, sob o desígnio de Mercadinho