EPTOLIVA comemorou 27 anos de “trabalho e dedicação”

EPTOLIVA comemorou 27 anos de “trabalho e dedicação”

image_pdfimage_print

A EPTOLIVA- Escola Profissional de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil comemorou, no passado dia 9 de novembro, o seu 27º aniversário, com uma cerimónia de entrega de diplomas e prémios a alunos.

Na ocasião, com palavras de agradecimento dirigidas a docentes, não docentes, alunos, encarregados de educação e promotores, Daniel Costa, presidente da ADEPTOLIVA- Associação para o Desenvolvimento do Ensino Profissional, enalteceu o trabalho que a escola, na sua coletividade, tem desempenhado.

Quanto ao presente, Daniel Costa salientou que tem sido exigente, com “muito trabalho e muita dedicação”. “Temos hoje uma escola com a sustentabilidade financeira que sempre ambicionámos, fruto de uma gestão rigorosa, mas, mais importante, com sustentabilidade pedagógica”, afirmou, dando conta de que “nos últimos anos os objetivos têm sido atingidos”.

Este ano, com 11 turmas, oito cursos e cerca de 200 anos, “é sinal de que a escola tem capacidade de angariação de alunos”, defendeu o presidente.

 

 

O posicionamento da EPTOLIVA nos rankings nacionais não deixam margem para dúvida. “Hoje, a EPTOLIVA é uma escola que é conhecida e reconhecida”, garantiu. Considerada melhor escola profissional da região de Coimbra e a terceira melhor a nível do país, “é sinal que os alunos estão bem entregues”. “É uma escola que aposta no método de ensino diferente. Temos uma escola do futuro, com empreendedorismo e com inovação”, disse, reforçando que um dos objetivos é “fazer com que cada aluno que entre, consiga terminar o seu curso”.

Mais uma vez, os números refletem o sucesso que tem sido alcançado. “Hoje temos uma escola com uma taxa de conclusão de 85 por cento. Metade dos alunos que concluíram estão a trabalhar e desses que estão a trabalhar, cerca de 60 por cento é na área de formação. É sinal que esta escola sabe preparar os alunos para o mercado de trabalho”, adiantou Daniel Costa, orgulhoso da escola que dirige.

No discurso, o responsável aproveitou ainda para mostrar o seu desagrado face à discriminação que ainda se sente no ensino profissional. “Vejo uma série de projetos e programas de apoio ao sucesso escolar que depois chegam aos agrupamentos de escolas e não chegam aos alunos do ensino profissional da Eptoliva. É algo com que eu não me conformo porque estes alunos são alunos iguais e merecem ter o mesmo tipo de tratamento”, justificou.

Na cerimónia do aniversário, Daniel Costa deu conta de uma das novidades guardadas para o próximo ano letivo. No próximo ano, “com ou sem apoios”, vai ser construída “uma sala do futuro”. “Cada aluno que entrar nesta escola terá direito a receber um tablet ou um computador portátil, que será um instrumento de trabalho para os três anos”, referiu, salientando que, nos dias de hoje, é necessária uma “adaptação às novas realidades”.

Beatriz Cruz (jornalista estagiária)

Previous Tábua: Homem condenado a oito anos de prisão por tentar matar ex-namorada
Next Baleia morta com 20 metros deu à costa a norte da praia de Mira

Artigos Relacionados

Última Hora

Bruno Paulino venceu Concurso Regional de Ideias de Negócio com o projeto Quickly Heal

Quicly Heal, o produto idealizado por Bruno Paulino, aluno do pólo de Tábua da Eptoliva, orientado pela professora Honorata Pereira, …

Sociedade

Luis Cruz, uma nova voz no panorama musical nacional

Luís Cruz este na Boa Nova e falou dos seus trabalhos,dos espectáculos e concertos e as expectativas que tem para o futuro Tudo para ouvir em entrevista com Albino José,

Última Hora

“Record” destaca golo de jogador do Nogueirense como candidato ao prémio “Puskas”

O jornal Record destaca na sua edição online o golo de Samuel Garrido, jogador da AD Nogueirense, no último fim de semana em Anadia, que…

Região

Proteção Civil alerta para precipitação, neve, vento e agitação marítima

No seguimento de contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alerta para o agravamento das condições meteorológicas…

Última Hora

Detidos dois jovens suspeitos de tentativa de homicídio em bar de Aveiro

A Polícia Judiciária deteve dois jovens suspeitos de uma tentativa de homicídio num bar em Aveiro, no passado mês de outubro.

Última Hora

Trânsito vai estar cortado na Ponte sobre o Rio Mondego, nas Caldas da Felgueira

A Câmara Municipal informa os munícipes que o trânsito vai estar cortado nos dois sentidos e para todo o tipo de veículos, na EX- Estrada Nacional 231-2, na ponte sobre

Informação

Cooperativa Beira Central quer prestar mais apoio aos agricultores

Luís Vaz Pato foi reconduzido na direção da Cooperativa Agro Pecuária da Beira Central, conhecida no concelho de Oliveira do Hospital e na região pelo seu supermercado e lojas agrícolas.

Região

70 acidentes e 759 infrações na última semana no distrito de Coimbra

Na semana de 12 a 18 de fevereiro, o Comando Territorial de Coimbra da GNR registou a ocorrência de 70 acidentes nas estradas do distrito, dos quais resultaram dois mortos,

Informação

Manuel Marques é candidato à Câmara Municipal de Nelas

Manuel Marques, vereador do CDS-PP na Câmara Municipal de Nelas, confirmou a sua intenção de ser candidato à presidência daquela autarquia,…

Desporto

Conheça o calendário desportivo de fim de semana

O líder Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) joga domingo com o Carapinheirense. A AD de Lagares da Beira defronta o Tourizense. O Nogueirese desloca-se ao U. Leiria.

Cultura

Tábua promove integração de residentes estrangeiros em Encontro de Culturas

O Encontro de Culturas do Município de Tábua, que este ano se realiza nos dias 08, 09 e 10 de junho, pretende sensibilizar para “a existência de uma comunidade estrangeira”

Região

Distrito de Coimbra terá 289 bombeiros e 62 veículos na fase crítica de incêndios florestais

O distrito de Coimbra vai contar com 289 bombeiros, 62 veículos e 125 sapadores florestais para a fase ‘Charlie’, de julho a setembro, num dispositivo idêntico ao de 2016.