Enxurrada de lama agravou estado da Praia Fluvial de Avô
16 Julho, 2018 2871 Views

Enxurrada de lama agravou estado da Praia Fluvial de Avô

image_pdfimage_print

Uma enxurrada de lama agravou, ontem à tarde, o estado da Praia Fluvial de Avô que já se encontrava interdita a banhos devido ao lodo, cinzas e cascalho que foram arrastados pelas chuvas fortes verificadas em junho.

Vídeos e fotografias partilhados ontem, ao final da tarde, nas redes sociais atestam a força das águas  provocadas pela chuva forte que se verificou em alguns locais, e que deixou um rasto de lama em Avô.

Refira-se que o Município de Oliveira do Hospital avançou com concurso público para a requalificação da praia fluvial e estima que os trabalhos arranquem ainda esta semana. Porém, a comprovar pelo que aconteceu ontem à tarde, teme-se que um cenário semelhante volte a suceder caso se repitam as fortes chuvadas.

José Carlos Alexandrino, presidente do Município de Oliveira do Hospital confirmou, esta manhã, a ocorrência de mais prejuízos na praia fluvial de Avô, verificando que esta são consequências dos incêndios que “a natureza não deixa esquecer”.

Foto: Raúl Nunes

Previous Centenas de pessoas despediram-se, ontem, de Agostinho Almeida de Santos
Next Câmara de Arganil avança com obras de Reabilitação e Beneficiação da ETAR da Relvinha

Artigos Relacionados

Região

Vila Cova de Alva promove “Passos do Senhor”

Nos dias 17 e 18 de março, acontece, em Vila Cova de Alva, a cerimónia “Passos do Senhor”, organizada pela Comunidade Interparoquial Serra do Açor e Vale do Alva. No

Informação

Mais acidentes, mas menos mortos nas estradas portuguesas até abril

No primeiro trimestre deste ano registaram-se nas estradas portuguesas mais acidentes rodoviários, que causaram mais feridos ligeiros e graves, mas menos mortos.

Informação

Município oliveirense apresenta Programa de Investimento em Territórios de Baixa Densidade

O Município de Oliveira do Hospital acolhe uma sessão de esclarecimento sobre o Programa de Investimento em Territórios de Baixa Densidade, na próxima segunda-feira, dia 2 de julho, a partir

Sociedade

5º aniversário: UCC Pinheiro dos Abraços aproxima cuidados de saúde e sensibiliza jovens sobre sexualidade e comportamentos aditivos (com vídeo)

A Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC) Pinheiro do Abraços comemorou, na sexta-feira, cinco anos de trabalho de proximidade…

Informação

Caule comemora Dia Mundial da Árvore

A Caule – Associação Florestal da Beira Serra comemora hoje, 21 de março,  o Dia Mundial da Árvore com demonstração de controlo de invasoras lenhosas – mimosas –  e plantação

Última Hora

Sismo sentido entre Évora e Coimbra, mas sem vítimas ou danos materiais

Um sismo de magnitude 4,9 na escala de Richter, ocorrido hoje, foi sentido em Évora, Portalegre, Lisboa e distrito de Coimbra, mas sem causar vítimas ou danos materiais, segundo a

Nacional

Superlua acontece esta segunda feira e é a maior dos últimos 70 anos

Esta segunda feira é esperada uma Superlua que será a maior e a mais brilhante desde 1948. Uma superlua maior só ocorrerá a 25 de novembro de 2034.

Região

Carregal do Sal: Casal burla 5 mil euros a idoso

A GNR deteve, na passada sexta-feira, um casal, de 22 anos, pela prática do crime de burla qualificada, no concelho de Carregal do Sal.

Informação

Centro Interpretativo de Arte Rupestre de Chãs d’Égua reabriu ao público

O Centro Interpretativo de Chãs d’Égua, na freguesia do Piódão, reabriu no passado dia 18 de maio, assinalando de forma simbólica o Dia Internacional dos Museus.

Sociedade

“Há festa” alerta para requalificação da Zona Histórica num evento de “cariz único e especial”

A Zona Histórica de Oliveira do Hospital está de novo em festa. A partir de hoje e até domingo, 26 de junho, acontece ali mais uma edição do “Há Festa …”

Informação

JSD de Oliveira do Hospital lança inquérito online à população

A Juventude Social Democrata (JSD) de Oliveira do Hospital lançou  um inquérito online denominado  “Oliveira do Hospital depende de todos nós!”, dirigido a todos os oliveirenses.

Última Hora

Homem condenado a 3 anos e 9 meses de prisão por pornografia infantil

O Tribunal de Aveiro condenou hoje a três anos e nove meses de prisão efetiva um homem com antecedentes por crimes violentos, que tinha na sua posse ficheiros de fotografias