EN 17 e IC6 dominam discussão política na Assembleia Municipal (Atualizada)

EN 17 e IC6 dominam discussão política na Assembleia Municipal (Atualizada)

image_pdfimage_print

A falta de intervenção na EN17 e o impasse em torno do IC6 volta a dominar a discussão na reunião da Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital…

… que decorre desde cerca das 15h00, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital.

Luís Lagos, do CDS-PP, defendeu uma nova luta que venha a ser liderada pelo presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital. “É preciso passar das palavras aos atos.  Urge exigir ao governo o que é que vamos fazer ao IC6. Há IC6 ou não há IC6?”, defendeu o único deputado centrista neste órgão autárquico, notando que a estrada da Beira continua no mesmo estado: “um batatal”.

manif en17Do lado do PSD, Rafael Costa desafiou os deputados, os oliveirenses e gente da Beira Serra a “entupir” as caixas de e-mail dos “senhores” da empresa  Infraestruturas de Portugal, com fotos do estado em que se encontra a EN 17, como “forma de protesto”.

“Todos queremos a EN 17 requalificada”, afirmou por seu lado, Carlos Maia, do PS, lembrando que “até já fizemos manifestações”. O deputado exaltou-se ao verificar a “hipocrisia política” do CDS e do PSD que “nunca lutaram contra o governo anterior”. Lembrou que foi o governo anterior, de coligação PSD- CDS que deixou cair a obra do IC6. “Sejam honestos e não sejam hipócritas”, afirmou Carlos Maia, assegurado que o PS continuará a “lutar pelo IC6”.

Já Raul Costa (PS) disse compreender a forma de “pressão” do CDS-PP. Disse que o executivo sabe que o PS está ao seu lado nesta luta.  “Onde é que andou o PSD nestes quatro anos?” questionou o deputado, recordando que pelo contrário, Luís Lagos, do CDS, participou na manifestação realizada.

“Até agora tem havido muita porta fechada”

alexandrinoEm resposta às intervenções dos deputados, o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital concordou que “houve palavras a mais”. “Um ano já é tempo de mais para a resolução deste problema”, afirmou José Carlos Alexandrino que, há cerca de um ano, liderou uma manifestação em prol das acessibilidades.

“Se alguém se sente frustrado  sou eu e o meu executivo”, confessou o autarca, contando que “até agora tem havido muita porta fechada”. “É uma coisa que me angustia”, continuou José Carlos Alexandrino, que disse ter esgotado a sua  paciência. Defendeu, por isso, a realização de uma reunião com os vários partidos  com vista à preparação de uma nova forma de luta.

Previous Alexandrino garante que amianto vai ser retirado da escola de Oliveira do Hospital
Next Oliveira do Hospital registou cerca de 34 hectares de área ardida até 15 de setembro

Artigos Relacionados

Última Hora

Município de Góis acolhe projeto Aprender, Brincar, Crescer em Góis

A Câmara Municipal de Góis acolhe o projeto Aprender, Brincar, Crescer, associando-se à Fundação Bissaya Barreto, instituição responsável pela implementação de grupos lúdicos para crianças e suas famílias – os Grupos Aprender,

Informação

Homem sofreu amputação de braço em acidente na unidade da Sonae em Oliveira do Hospital (com audio)

Um acidente de trabalho na unidade industrial da Sonae, em S. Paio de Gramaços, provocou na sexta feira de manhã, cerca das 11h00, …

Desporto

Lucro do próximo jogo do FCOH reverterá a favor das vítimas dos incêndios

  O Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) irá defrontar a ACDS Vinha da Raínha no próximo domingo, 29 de outubro, pelas 15 horas, no Estádio Municipal da cidade

Sociedade

Encontrada menor que estava desaparecida em Viseu desde setembro

Uma  jovem de 15 anos de Viseu que estava desaparecida desde setembro foi encontrada durante a madrugada pela PJ do Centro e será encaminhada para a instituição onde estava a

Sociedade

Quinta de Jugais e Arcial juntas em campanha para plantação de 4008 árvores em Oliveira do Hospital

A empresa Quinta de Jugais juntou-se à ARCIAL e vai contribuir para a reflorestação da área ardida do concelho do Oliveira do Hospital, através da campanha “Sementes Solidárias”,…

Região

Despiste de camião provoca um morto

Um homem morreu hoje na sequência do despiste de um camião ocorrido no concelho de Manteigas, distrito da Guarda, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de

Última Hora

Fim-de-semana com previsão de chuva, vento e agitação marítima

O estado do tempo no fim-de-semana vai sofrer um agravamento devido à aproximação de um sistema frontal ao território do continente, prevendo-se chuva, vento forte e agitação marítima.

Informação

Góis apresenta Programa Estratégico de Reabilitação Urbana

O Município de Góis apresenta, no dia 9 de junho, pelas 21h00, na Casa Cultural de Góis, o Programa Estratégico de Reabilitação Urbana (PERU).

Última Hora

BLC3 conta com Laboratório Colaborativo para a Economia Circular

O COLAB para a Economia Circular tem sede no campus de Tecnologia e Inovação da BLC3, em Oliveira do Hospital (região interior) e apresenta um plano de Investimento de 11

Informação

Município de Oliveira do Hospital promove o I Colóquio “Terras de Ulvária”

O Município de Oliveira do Hospital promove no próximo dia 18 de abril, o I Colóquio “Terras de Ulvária”, no âmbito do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios.

Última Hora

Pedro Coimbra reconduzido na Federação Distrital de Coimbra do PS

Pedro Coimbra foi reeleito, no sábado, presidente da Federação Distrital de Coimbra do Partido Socialista. Coimbra liderava a única lista a sufrágio, depois de…

Última Hora

Tábua: Homem detido por posse ilegal de armas de fogo

O Comando Territorial de Coimbra, através do Posto Territorial de Tábua, deteve um homem de 45 anos, por posse de arma ilegal, na localidade de Tábua, no passado dia 13