Detidos dois suspeitos de tráfico de estupefacientes em Montemor-o-Velho

Detidos dois suspeitos de tráfico de estupefacientes em Montemor-o-Velho

image_pdfimage_print

 A GNR deteve, ontem, dois homens e identificou uma mulher, por suspeita de tráfico de estupefacientes, na freguesia de Abrunheira.

A operação, levada a cabo pelo Núcleo de Investigação Criminal de Montemor-o-Velho, decorreu no âmbito de uma investigação que decorria aproximadamente há dois meses, e contou com uma busca domiciliária que resultou na apreensão de 18 plantas cannabis, com cerca de 3,5 metros de altua, 6,8 gramas de cannabis, 58 sacos herméticos, habitualmente utilizados no acondicionamento de produtos estupefacientes,  uma balança de precisão eletrónica,   um computador portátil,   um telemóvel.

Os detidos, de 28 e 50 anos, vão ser presentes no Tribunal da Instância Local de Montemor-o-Velho.

A operação contou com o reforço de um binómio do Destacamento de Intervenção de Coimbra, e militares do Posto Territorial de Montemor-o-Velho.

Previous Município de Tábua  assinala os 150 Anos do nascimento de Camilo Pessanha
Next Temperaturas máximas sobem hoje entre 2 a 5 graus em quase todo o país

Artigos Relacionados

Informação

Festival da Lampreia de Penacova celebra 20 anos com 12 restaurantes

A Câmara Municipal de Penacova vai assinalar os 20 anos do Festival da Lampreia, que vai contar com a participação de 12 restaurantes do concelho, entre sexta-feira e domingo.

Última Hora

Crianças vivem hoje “um dia especial” em Oliveira do Hospital

Hoje, dia 1 de junho, comemora-se o Dia Mundial da Criança. Em Oliveira do Hospital a data está a ser celebrada com muita alegria em pleno centro da cidade, com

Região

Salvador Sobral em Arganil no dia 19 de agosto

Salvador Sobral amou por um país inteiro no dia 13 de maio e fez história, não só por vencer o Festival Eurovisão da Canção 2017, dando a Portugal a sua

Informação

“Não faltam verbas” para reconstruir casas destruídas pelos incêndios de 2017

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) informou, no passado sábado, que mais de metade das casas destruídas pelo incêndio de outubro de 2017 estão concluídas e

Região

Mulher de Montemor-o-Velho está desaparecida desde quinta-feira

Uma mulher de 36 anos, do concelho de Montemor-o-Velho, está desaparecida desde quinta-feira, sem que existam linhas de investigação quanto ao seu paradeiro. De acordo com fonte do Comando da

Sociedade

Risco de incêndio ameaça vários concelhos

Alcoutim, no distrito de Faro, está hoje em risco máximo de incêndio e 26 concelhos do país estão em risco muito elevado, segundo o Instituto Português do Mar e da

Região

Vitória algarvia na Etapa Rainha confirmou Amarela de Veloso. Hoje o pelotão parte de Oliveira do Hospital

O sonho de menino de João Rodrigues confirmou-se este domingo no alto da Torre, no final da Etapa Rainha da 81ª Volta a Portugal Santander.

Última Hora

Neve corta acesso ao maciço central da Serra da Estrela

Alguns dos troços de acesso ao maciço central da Serra da Estrela foram ao início da tarde de hoje encerrados ao trânsito devido à queda de neve.

Última Hora

Município de Oliveira do Hospital participa nas Jornadas Europeias do Património

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital preparou algumas atividades para assinalar as Jornadas Europeias do Património, que se celebram nos dias 23, 24 e 25 de setembro.

Última Hora

“Stormbringer” foi o grande vencedor do Concurso Soltem Talentos de Oliveira do Hospital

O grupo Stormbringer convenceu ontem à noite o júri do concurso Soltem Talentos, conquistando o primeiro lugar. Em segundo lugar ficou o grupo “Overlay” e em terceiro o grupo “Quatro

Informação

Quase mil pessoas apanhadas a conduzir com álcool. 300 ficaram detidas

Mais de 300 pessoas foram detidas entre sexta-feira e as 8h00 desta quarta-feira, por condução com excesso de álcool no sangue, no âmbito da Operação “Ano Novo”, segundo dados provisórios

Informação

Estudantes de Oliveira do Hospital insistem na remoção de amianto

A Associação de Estudantes do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital insiste na necessidade de remover os materiais com amianto da sede do agrupamento, pedindo a intervenção do primeiro-ministro,