“Convidámos mil e outros poderiam cá estar. O meu coração e o coração de Oliveira do Hospital está com todos aqueles que nos ajudaram a renascer”

 “Convidámos mil e outros poderiam cá estar. O meu coração e o coração de Oliveira do Hospital está com todos aqueles que nos ajudaram a renascer”

image_pdfimage_print

A Festa do Queijo Serra da Estrela de Oliveira do Hospital ficou marcada, este fim de semana, pela realização do almoço solidário com mil pessoas organizado pela Câmara Municipal, …

… com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Ao palco da mega tenda onde decorreu a iniciativa subiram pessoas que a título particular ou em representação de entidades, empresas e outras instituições deram o seu contributo para o renascer do concelho, na certeza de que muitos mais haveria para homenagear. “Em Oliveira do Hospital registámos mais de 10 mil pessoas e não era possível convidar essas 10 mil pessoas”, começou por referir o presidente da Câmara Municipal que ontem quis fazer um “agradecimento coletivo”.

“Convidámos mil e outros poderiam cá estar. O meu coração e o coração de Oliveira do Hospital está com todos aqueles que nos ajudaram a renascer”, reforçou José Carlos Alexandrino.

Cerca de 20 entidades foram distinguidas, com destaque para o próprio presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, a Altice, a Cruz Vermelha, bombeiros, GNR, juntas de freguesia, movimento “Rumo ao Camião”, artistas, voluntários entre outras entidades e empresas . “Se me perguntarem de deixámos centenas, milhares por distinguir, deixámos”, reforçou o autarca oliveirense, explicando que o almoço solidário foi “uma forma simbólica de homenagear todos esses que foram os heróis e nos ajudaram a reconstruir e a ter esperança”.

A registar o esforço de renascimento por parte produtores agrícolas, empresários e dos muitos particulares na recuperação das suas casas, o autarca não esqueceu que foi neste concelho que, por ocasião do incêndio de 15 de outubro, se registou o maior número de vítimas mortais. Trocou, porém, o habitual minuto de silêncio por “uma grande salva de palmas” que dirigiu aos familiares das 12 vítimas mortais “para que tenham força para continuar a sua vida”.

Previous “Quando nascemos foi para sermos todos portugueses de primeira”, disse Marcelo em Oliveira do Hospital
Next Carlos Bica foi homenageado em Arganil

Artigos Relacionados

Região

Atividade turística no Centro de Portugal começou o ano a bater recordes

A atividade turística no Centro de Portugal iniciou o ano de 2019 a bater recordes absolutos. O mês de janeiro de 2019 foi o melhor mês de janeiro de sempre

Informação

EPTOLIVA está disponível para “voltar a Arganil”

A Eptoliva escolheu, hoje, o concelho de Arganil para comemorar o Dia do Aluno, já assinalado em anos anteriores em Oliveira do Hospital e Tábua. Para Daniel Costa, presidente da

Última Hora

Associação de Melhoramentos Aldeense promove caminhada ao Monte do Colcurinho

A Associação de Melhoramentos Aldeense está a organizar uma caminhada ao Monte do Colcurinho, a acontecer no próximo dia 13 de maio, domingo.

Informação

Politécnico de Coimbra reúne 22 países na semana internacional “Erasmus+ Global Week”

O Politécnico de Coimbra organiza a 3ª edição da “Erasmus+ Global Week” de 20 a 24 de maio, com o objetivo de fortalecer os laços com os atuais parceiros…

Destaque

“Oliveira do Hospital tem pela frente a revolução do renascimento”

A comemorar os 44 anos da revolução dos cravos, o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital verificou ontem que o concelho tem pela frente “uma nova revolução”.

Informação

Alunos de Oliveira do Hospital participam no concurso Geração €uro

Os alunos Bernardo Albuquerque, Catarina Pais, Mariana Canhão, Mariana Brito e Francisco Monteiro, da turma C do 11º ano, coordenados pela professora Célia Portela,…

Última Hora

Luís Filipe Torgal lançou o seu mais recente livro “Fátima – A (des)construção do mito”

Luís Filipe Torgal lançou esta sexta feira na Biblioteca do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital , o seu mais recente livro “Fátima – A (des)construção do mito”. As

Última Hora

Município promove requalificação da variante de Nelas

A Câmara de Nelas está a promover a requalificação do pavimento da Variante de Nelas. Em comunicado enviado à Rádio Boa Nova, a autarquia refere que obra…

Região

Governo procura “soluções legais” para habitações sem licença

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, informou que estão a ser procuradas “soluções legais, bem difíceis” para as pessoas afetadas pelos incêndios do ano passado, no Centro

Região

ANCOSE aposta no repovoamento da região com ovelhas Serra da Estrela

Para fazer face à perda de cerca de 8500 animais em toda a região demarcada, a Associação Nacional de Criadores de Ovinos da Serra da Estrela tem em marcha um

Última Hora

Quase 150 bombeiros combatem chamas em Mangualde

Um incêndio numa zona de mato na localidade de Abrunhosa, concelho de Mangualde, estava, às 07h30 de hoje, a ser combatido por 143 operacionais,…

Última Hora

Câmara de Pedrógão Grande estima prejuízos de 250 milhões de euros

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Valdemar Alves, estimou hoje em 250 milhões de euros os prejuízos no concelho decorrentes do incêndio que vitimou 64 pessoas e que provocou