Condenados 21 arguidos por crimes na cadeia de Coimbra

Condenados 21 arguidos por crimes na cadeia de Coimbra

image_pdfimage_print

O Tribunal de Coimbra condenou, ontem, 21 arguidos, a maioria reclusos, a penas de prisão efetiva que vão desde os três aos 13 anos, num processo de tráfico de droga dentro do estabelecimento prisional da cidade.

De acordo com a acusação do Ministério Público, que o tribunal deu como provada, embora com algumas ressalvas, a rede terá funcionado, pelo menos, entre janeiro de 2016 e julho de 2017.

No acórdão proferido ontem, numa sessão rodeada de fortes medidas de segurança, o Tribunal de Coimbra condenou 21 dos 28 arguidos no processo e absolveu sete.

A maioria dos 21 arguidos condenados (15) foram condenados pelo crime de associação criminosa e 12 pelo tráfico de estupefacientes, que o tribunal considerou ser o “crime fundamental” do processo.

O juiz João Ferreira considerou que o grupo de 15 arguidos atuou “como organização criminosa, com duração temporal, estrutura organizada e com hierarquia definida, em que nem todos os elementos se conheciam, e com uma certa especialização”.

A pena mais pesada de 13 anos de prisão, em cúmulo jurídico, foi aplicada a Ivo Sanó, considerado um dos líderes da rede, pelos crimes de tráfico de estupefacientes, associação criminosa, branqueamento e extorsão na forma tentada.

O britânico Steven Johnson, de 54 anos, que inicialmente estava referenciado como sendo um dos líderes, mas que o tribunal considerou que não era, foi condenado a 10 anos de cadeia pelos crimes reincidência de tráfico de estupefacientes, associação criminosa, branqueamento de capitais e extorsão na forma tentada.

O arguido Fábio Santos, de 27 anos, de Faro, considerado o segundo cabecilha da rede, foi condenado a oito anos de prisão pelos crimes de associação criminosa, branqueamento, extorsão na forma tentada e extorsão simples na forma tentada, não tendo sido provado o crime de tráfico de estupefacientes.

O tribunal considerou ainda que da atividade do grupo constituído pelos 15 arguidos condenados por associação criminosa resultaram proveitos económicos no montante de 14.502 euros, que foram declarados perdidos a favor do Estado.

O acórdão declarou ainda perdido a favor do Estado as quantias de 12.107 euros e 5.915 euros, respetivamente, que estavam na posse de outros quatro reclusos.

De acordo com a acusação, os cabecilhas da rede terão decidido “organizar e liderar um grupo com o propósito de introduzir e distribuir elevadas quantidades” de droga para venda “a um número elevado de reclusos”.

Para executar o plano, contavam com a colaboração de cinco “homens de [sua] confiança”, que atuavam “num segundo plano de organização, os quais, por sua vez angariavam e dirigiam, por diversos meios, outros elementos do grupo”.

“Toda esta atividade tinha um caráter organizado e tentacular, envolvendo igualmente arguidos não reclusos que após receberem o produto das mãos de terceiros, entregavam-no a outros arguidos, nomeadamente, com saídas precárias ou em regime aberto, e que, por sua vez, o transportavam e introduziram” no interior da prisão de Coimbra, realça o Ministério Público.

Na base da rede estavam arguidos que, por vezes sob ameaças e violência física, guardavam a droga nas suas celas ou no próprio corpo ou tinham como missão recolher droga arremessada do exterior. Outros vendiam-na e outros estavam responsáveis por arremessá-la do exterior da cadeia para dentro.

No processo, são ainda acusadas seis mulheres entre os 21 e os 32 anos, namoradas ou amigas dos líderes da rede ou de terceiros, cujas contas eram usadas para o depósito dos pagamentos da droga comprada na prisão de Coimbra.

Fonte: Lusa

Previous João Batista é convidado do Espaço BLC3- Ciência no Interior
Next Região: GNR deteve grupo que furtou mais de 20 veículos

Artigos Relacionados

Informação

JSD de Oliveira do Hospital lança inquérito online à população

A Juventude Social Democrata (JSD) de Oliveira do Hospital lançou  um inquérito online denominado  “Oliveira do Hospital depende de todos nós!”, dirigido a todos os oliveirenses.

Última Hora

Subiu para 85 por cento o apoio às empresas afetadas pelos incêndios de outubro

O governo aumentou para 85 por cento o apoio à recuperação das empresas afetadas pelos incêndios de 15 e 16 de outubro. Para a Associação de Vítimas do Maior Incêndio

Informação

Oliveira do Hospital não abdica de apoio ao vencimento de veterinário municipal e rejeita competência do Estado

A Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital aprovou por unanimidade a não aceitação da competência de “Proteção e Saúde Animal e Segurança dos Alimentos”, …

Destaque

Câmara de Oliveira do Hospital vai retirar amianto da escola

A Câmara Municipal vai avançar com a retirada das placas de fibrocimento, contendo amianto, da sede do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital.

Informação

Incêndios: CDS-PP recomenda ao Governo que conclua IC6 para ajudar vítimas e empresas

O grupo parlamentar do CDS-PP recomendou ao Governo a conclusão do Itinerário Complementar 6 (IC6) do Pinhal Interior Norte, na ligação entre Tábua e Oliveira do Hospital, …

Desporto

Desporto: Nogueirense assegura manutenção. FCOH mantém luta pela subida

A Associação Desportiva Nogueirense (ADN) assegura a manutenção após vitória sobre o Gafanha por 2-0.

Informação

GNR vai estar na estrada com ‘Natal Tranquilo’

A GNR vai colocar na estrada a operação “Natal Tranquilo” intensificando, entre sexta e segunda-feira, o patrulhamento rodoviário em todo o território nacional para as vias com maior tráfego nesta

Informação

“Record” destaca golo de jogador do Nogueirense como candidato ao prémio “Puskas”

O jornal Record destaca na sua edição online o golo de Samuel Garrido, jogador da AD Nogueirense, no último fim de semana em Anadia, que…

Informação

Covilhã: Detido jovem suspeito de violação e violência doméstica

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem, de 23 anos, suspeito de crimes de violação, violência doméstica e ofensas à integridade física ocorridos no concelho da Covilhã.

Última Hora

CIM Região de Coimbra parceira de programa premiado pela Organização Mundial do Turismo

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra é parceira institucional da iniciativa “Push4Tourism”, integrada no programa Tourism Creative Factory da Rede de Escolas de Hotelaria e Turismo,…

Última Hora

Acidente com trator provoca uma vítima mortal em São João da Pesqueira

Um homem com cerca de 46 morreu, hoje, na sequência de um acidente com um trator agrícola em São João da Pesqueira.

Região

GNR deteve três homens e uma mulher por tráfico, passagem de moeda falsa e posse de arma proibida na Expofacic

O Comando Territorial de Coimbra, através do Destacamento Territorial de Cantanhede, deteve ontem, dia 1 de agosto, três homens e uma mulher, …