Colocação de dois novos médicos devolve SAP aos oliveirenses durante o dia (com vídeo)

Colocação de dois novos médicos devolve SAP aos oliveirenses durante o dia (com vídeo)

image_pdfimage_print

O Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital disse, esta manhã, em conferência de imprensa que, ainda nesta semana, deverá ser reposto…

… o normal funcionamento do Serviço de Atendimento Permanente (SAP) durante o dia, através da colocação de dois novos médicos.

José Carlos Alexandrino reuniu, na sexta feira à tarde, com o ministro da saúde, Adalberto Campos Fernandes, a quem reivindicou a reposição do SAP depois de aquele serviço ter sido reduzido ao modelo de Unidade de Saúde Familiar (USF). “Esta USF não tem dado as respostas e reivindicámos de novo ao ministro, dizendo que Oliveira do Hospital quer umas urgências a sério. Temos esse direito, até pelos incêndios… isto é uma situação dramática”, contou esta manhã o autarca no encontro com os jornalistas, informando que no imediato, o ministro deu ordens à presidente da Administração Regional de Saúde, Rosa Reis Marques para contratar dois médicos, para assegurar o SAP durante a semana”. “O ministro foi claro e percebeu o nosso problema”, referiu Alexandrino, assegurando que “vamos continuar a ter o SAP”.

Ainda que satisfeito com a solução encontrada, Alexandrino não deixa cair a reivindicação de colocação de quatro médicos no quadro do Centro de Saúde, no sentido de assegurar médico de família a toda a população. Uma colocação que o autarca espera que venha a acontecer, no âmbito de um concurso que vai decorrer no mês de abril. José Carlos Alexandrino entende que a fixação de médicos no interior passará por incentivos, defendendo também a obrigação de que os clínicos formados nas escolas públicas exerçam a sua profissão nestes concelhos e “façam alguma coisa ao país”. “O governo deve tomar medidas”, entende.

A iniciar a conferência de imprensa com um historial da saúde em Oliveira do Hospital_ recordou que em 1989 o hospital público passou para a FAAD e em 2008 as urgências foram transformadas em SAP_ José Carlos Alexandrino lamentou que antes “não tenha havido nenhuma voz que defendesse os interesses de Oliveira do Hospital como hoje”.

“O que eu quero, é que os cidadãos de Oliveira do Hospital tenham condições de saúde, que são direitos fundamentais. Trouxemos este problema para dentro da Câmara Municipal, ao contrário de outros”, referiu esta manhã o autarca, notando que a sua reivindicação maior passa por um verdadeiro serviço de urgências.

Em conferência de imprensa, o autarca volta a considerar acertada a passagem das urgências para o hospital da Fundação Aurélio Amaro Diniz, no período noturno, assegurando que em causa não está a privatização da saúde no concelho. Disse, no entanto, ter já denunciado junto da Inspeção Geral de Saúde o caso de médicos que, no serviço público, entregavam cartões privados para encaminhar utentes para os seus consultórios particulares.

Para colmatar os problemas de saúde no concelho, Alexandrino disse que a área de abrangência da Unidade Móvel de Saúde vai ser alargada à zona Norte do concelho. A UMS lançada por ocasião da “anterior crise de falta de médicos” percorreu as freguesias de Aldeia das Dez, S. Gião e Lourosa atendendo, em 2017, um total de 5429 pessoas. O autarca espera em 2018 chegar aos 10 mil atendimentos.

Foto e vídeo: Beatriz Cruz

Previous Resultados desportivos de fim-de-semana
Next Colocação da primeira pedra da “Escola de Todos Nós” em Midões

Artigos Relacionados

Região

Coimbra: Três homens detidos por posse de estupefacientes

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal de Coimbra, deteve ontem, dia 27 de novembro, três homens, com idades entre os 34 e 47 anos, pelo crime de tráfico de estupefacientes, na localidade de

Informação

Figueira da Foz: homem detido pelo crime de homicídio na forma tentada

A Polícia Judiciária (PJ), através da Diretoria do Centro, identificou e deteve um homem de 45 anos de idade, pela presumível autoria de um crime de homicídio na forma tentada,

Sociedade

Incêndios: “Pretendo avançar para os tribunais porque tem que haver justiça” (com vídeo)

Luís Miguel Falcão de Brito, produtor agrícola e florestal de Oliveira do Hospital, registou um prejuízo de mais de um milhão de Euros no grande incêndio,…

Última Hora

Bebé nasce em ambulância dos Bombeiros de Lagares da Beira a caminho da maternidade

Um bebé nasceu hoje numa ambulância da Corporação dos Bombeiros Voluntários de Lagares da Beira, a caminho para a maternidade Daniel de Matos, em Coimbra.

Última Hora

Depressão Laura causou mais de 200 ocorrências

Quedas de árvores e de estruturas devido à intensidade do vento e inundações por dificuldades no escoamento são as principais ocorrências registadas no país. A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC)

Sociedade

Oliveira do Hospital “mais digital” com criação de “zonas de acesso livre à internet”

A cidade de Oliveira do Hospital vai passar a ser “mais digital” com a implementação de hotspots, zonas de acesso livre à internet sem fios.

Região

Bispo de Coimbra preside a missa pelas vítimas dos incêndios

D. Virgílio Antunes, Bispo de Coimbra, celebra hoje, pelas 19h00, a missa de sétimo dia pelas 12 vítimas dos incêndios que assolaram o concelho na tarde …

Última Hora

Município de Góis aposta na recuperação de estradas municipais danificadas pelos incêndios

O Município de Góis continua empenhado na recuperação de estradas e caminhos municipais danificados pelos incêndios.

Última Hora

“Não faltam verbas” para reconstruir casas destruídas pelos incêndios de 2017

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) informou, no passado sábado, que mais de metade das casas destruídas pelo incêndio de outubro de 2017 estão concluídas e

Região

Vários concelhos da Guarda e Viseu com falhas de energia elétrica

Os concelhos de Figueira de Castelo Rodrigo e Aguiar da Beira, na Guarda, e Tarouca, Lamego, Tabuaço, São João da Pesqueira e Sernancelhe, em Viseu, …

Última Hora

Mário Patrão soma vitória no Morocco Desert Challenge

Campeão nacional por sete vezes, Mário Patrão alcançou, hoje, a sua primeira grande vitória internacional ao triunfar no Morocco Desert Challenge uma das maiores maratonas africanas de todo-o-terreno, que se desenrolou ao longo de

Educação

Jorge Conde tomou posse na presidência do Politécnico de Coimbra

O novo presidente do Instituto Politécnico de Coimbra (IPC), Jorge Conde, manifestou-se hoje contra a “confusão de regras” que gerem o ensino superior e defendeu uma estratégia e uma regulação