“Ciclo do Pão” em Meruge recria “descasca, malha e rota dos milheirais”

“Ciclo do Pão” em Meruge recria “descasca, malha e rota dos milheirais”

image_pdfimage_print

A freguesia de Meruge promove, no próximo dia 21 de setembro, a 10ª edição do Ciclo do Pão que pretende recriar a “descasca, malha e rota dos milheirais”.

Este encontro com a tradição e a etnografia inicia-se na Lage Grande em Meruge, pelas 20h00, com a partida para a caminhada noturna, designada: “A Rota dos Milheirais”.

Segundo a organização, pretende-se serpentear por caminhos onde outrora existiram prados de milho, cevada, centeio e trigo nas margens do rio Cobral. Estes cereais ancestrais, davam vida aos moinhos de água da freguesia, moendo a farinha, matéria-prima essencial ao fabrico artesanal do pão de trigo, de cevada, broa, centeio, bem como dos bolos na telha de aveia. Nos tempos que correm, ainda se vêm alguns campos semeados de milho e de zaburro para alimento dos animais.

Terminado o percurso e reunidos os passeantes aos sedentários que se quedaram pela Lage Grande, dispõem-se as caneiras de milho pela eira e convocam-se os presentes a iniciar a “descasca”, também conhecida por “desfolhada”.

À força de dedos ou com a ajuda do espeto, a azáfama é grande, no afã de encontrar o “milho rei”, sortilégio de que apenas alguns vão usufruir. Quando a última espiga for descascada, dispõe-se a totalidade em cumprimento, para dar espaço aos malhadores, não sem antes ter lugar uma “ação de formação” elementar em malha, para os curiosos.

À voz de comando de um malhador experiente, o grupo vai descarregando a força dos manguais nas eiras dos cereais, passo à direita, passo atrás, sobre o cereal indefeso, até que o alarido das mulheres reclama uma paragem para varrer os grãos dispersos. É então que a cântara de vinho roda pelos malhadores, num ritual de partilha que se estende ao adjunto.

Terminada a malha, “ergue-se” o milho e recolhe-se limpo em sacas de sarapilheira com destino às tulhas, de onde sairá para o moinho e posteriormente em farinha para as masseiras onde mãos artífices o vão tender e no final do Ciclo o calor do forno comunitário o transformará em broa.

Pelas 21h30h, o Rancho Folclórico Cultural de Lagares da Beira, animará a festa, tocando e cantando modas alusivas à labuta da terra, enquanto é servida a merenda tradicional a todos os participantes, que não dispensa a sardinha frita em molho de escabeche, os bolos de farinha triga com canela, o queijo curado e os enchidos que dão fama à Freguesia de Meruge.

No recinto da Lage Grande, funcionará uma barraquinha de venda de produtos de fabrico artesanal (triga milhos, broa, bôlas, bolos, enchido, licores, compotas, mel…).

“Preservar a cultura popular, as nossas tradições e vivências e proporcionar o conhecimento de atividades que foram dominantes na vida do nosso povo, são os objetivos principais da recriação do “Ciclo do Pão”, refere a organização.

Previous Município de Arganil assinala 40 anos do Serviço Nacional de Saúde com plantação da “Oliveira SNS”
Next Município de Penacova mantém aposta na comparticipação de livros de fichas de trabalho

Artigos Relacionados

Sociedade

Inauguração de nova viatura marcou 73º aniversário dos Bombeiros de Lagares da Beira

A Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Lagares da Beira (AHBVLB) comemorou, ontem, o seu 73º aniversário, que ficou marcado pela inauguração de uma nova viatura.

Última Hora

Presidente da Câmara de Pedrógão constituído arguido

O presidente da Câmara Municipal de Pedrógão, Valdemar Alves, foi constituído arguido no caso que investiga os incêndios na região em junho de 2017. 

Informação

Feira de Santo André está de volta ao dia 1 de dezembro em Ervedal da Beira

Amanhã, dia 1 de dezembro, realiza-se a habitual Feira de Santo André, em Ervedal da Beira no concelho de Oliveira do Hospital. 

Última Hora

95 bombeiros combatem fogo no parque da Interecycling em Tondela

Noventa e cinco bombeiros apoiados por 37 veículos combatiam às 13h 00 de hoje um incêndio que deflagrou às 11h50 no parque da Interecycling, empresa de reciclagem de resíduos de

Última Hora

Secretária de Estado da Educação visita Município de Nelas e inaugura obras de requalificação da EB1 de Vilar Seco

A Secretária de Estado Adjunta e da Educação Alexandra Leitão visita esta terça-feira, 20 de novembro, os Agrupamentos de escolas de Nelas e Canas de Senhorim do Município de Nelas.

Informação

Festival de Tunas Académicas em Oliveira do Hospital

A Junta de Freguesia de Oliveira do Hospital e S. Paio de Gramaços, promove no dia 29 de abril, pelas 21h30, “VI fesTA.coh – Festival de Tunas Académicas cidade Oliveira

Última Hora

FCOH volta a empatar na 3ª jornada

O Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) voltou a empatar na 3ª jornada da Série C do Campeonato Nacional, desta vez frente à União Desportiva de Leiria, numa partida

Última Hora

Chuva está de volta, com granizo e trovoadas. Oito distritos sob aviso

Oito distritos de Portugal continental estão hoje, sob aviso amarelo, devido à previsão de aguaceiros, que podem ser fortes, acompanhados por granizo e trovoadas, segundo o Instituto Português do Mar

Informação

Arganil altera Projeto de Requalificação do Espaço Público

O Município de Arganil vai apresentar a alteração ao Projeto de Requalificação do Espaço Urbano Público da Vila, nomeadamente a reabilitação do centro histórico, dia 11 de abril, no Salão

Região

Bebés gémeas sofreram ferimentos ligeiros em atropelamento em Viseu

Duas bebés foram atropeladas, ontem,  em Viseu. De acordo com o Centro Distrital de Operações e Socorro do Distrito de Viseu, (CDOS) as duas crianças foram atropeladas cerca das 19h30

Última Hora

Bombeiros de Lagares da Beira voltam a ser “brindados” com nascimento em ambulância

Um bebé nasceu ontem, 20 de janeiro, numa ambulância da Corporação dos Bombeiros Voluntários de Lagares da Beira, a caminho para a maternidade, em Coimbra.

Última Hora

Hoje assinala-se o Dia Mundial do Cancro do Ovário, que  é a 7ª causa de morte feminina em todo o mundo

Hoje,dia 8 de maio assinala-se o Dia Mundial do Cancro do Ovário. Constituindo a 7ª causa de morte feminina em todo o mundo e sendo a neoplasia do aparelho feminino