Centro Qualifica entregou 45 diplomas a “pessoas que tiveram coragem para se qualificar mais”
29 Maio, 2019 463 Views

Centro Qualifica entregou 45 diplomas a “pessoas que tiveram coragem para se qualificar mais”

image_pdfimage_print

O Centro Qualifica do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital (AEOH) entregou, na tarde de ontem, 45 diplomas a candidatos certificados que terminaram os ciclos de estudos pretendidos, desde o ensino primário ao ensino secundário.

Com o objetivo de compensar “uma lacuna” na vida das pessoas que, por vários motivos, não concluíram os seus estudos, o Centro Qualifica pretende “qualificar mais” a população do concelho de Oliveira do Hospital.

Para Carlos Carvalheira, diretor do AEOH, a sessão de entrega dos diplomas pretendeu “relevar e enaltecer o esforço e dedicação de um conjunto de pessoas que, depois de alguns anos, quiseram qualificar-se mais”. “Queria mostrar o meu orgulho e o meu contentamento por aquilo que o Agrupamento tem feito em prol da valorização do conhecimento”, disse, referindo que este é o exemplo que quer “transmitir a todos aqueles que não acabaram o 9º ou 12º ano”. “Nunca é tarde para aprender”, rematou Carlos Carvalheira.

 

Por sua vez, Cristina Borges, Coordenadora do Centro Qualifica, referiu que “definitivamente esta é uma causa pública que carece de articulação entre o AEOH, o Centro Qualifica e o Município”. “Ainda há um baixo índice de escolaridade na população adulta no nosso concelho e esta é uma tarefa de todos nós e, em conjunto, temos de lutar para dar uma reviravolta a estes números”, afirmou a responsável.

Na ocasião, Graça Silva, vereadora da Educação do Município oliveirense, deu os parabéns aos diplomados “por mais uma meta alcançada”. “Sem dúvida nenhuma que é um orgulho para nós, Câmara Municipal”, disse, mostrando-se “muito sensibilizada”. “Toca-me profundamente ver um conjunto de idades que é transversal, com mais qualificação, capacidade argumentativa, dom da palavra, mais informada e com mais possibilidade de reivindicar os seus direitos”, justificou.

Na sessão de entrega, que teve lugar na Feira do Livro, houve ainda oportunidade de ouvir um testemunho. Vítor Fernandes, que agora vê concluído o 12º ano, relembrou a dificuldade em “regressar aos livros” depois de ter sido chamado para o serviço militar e, por isso, ingressou no mercado de trabalho. Recordou que depois de trabalhar 23 anos nos escritórios da IRAL, a empresa entrou em dissolvência. “Caí no flagelo do desemprego numa idade em que ninguém quer saber de competências. Somos novos demais para a reforma e velhos demais para trabalhar”, desabafou. Foi nesse momento que ouviu falar do Centro Qualifica. Hoje está certo de que “valeu a pena” pois encontra-se a trabalhar. “O saber não pesa nem ocupa lugar. Nunca é tarde para aprender”, salienta Vítor Fernandes que convida a todos para este desafio.

Previous Nuno Ribeiro: “O desporto é um parceiro fundamental da saúde”
Next Tempo vai manter-se quente. Governo vai prolongar o estado de alerta

Artigos Relacionados

Última Hora

Bombeiros de Oliveira do Hospital resgataram cadela de interior de um poço

Quatro bombeiros da corporação de Oliveira do Hospital realizaram, com sucesso, o resgate de uma cadela do interior de um poço, na localidade de Quinta da Mêda, na freguesia de

Região

Mais de 100 bombeiros e 7 meios aéreos combatem chamas na Guarda

Mais de 100 bombeiros estão a combater, na tarde desta segunda-feira, um incêndio em Matança, no concelho de Fornos de Algodres, na Guarda.

Última Hora

Proteção Civil alerta para chuva, neve, vento e ondulação

A Proteção Civil alerta para um agravamento das condições meteorológicas, especialmente entre a manhã de hoje e as 08h00 de quinta-feira, relacionado com chuva, vento, neve e ondulação.

Programas

 “Mini repórteres” da Rádio Boa Nova partiram à descoberta da gastronomia local

No âmbito do programa “Férias Ativas”, as crianças voltam a ser “Mini Repórteres” na Rádio Boa Nova numa parceria com o Município de Oliveira do Hospital.

Última Hora

Espíritos Club quer reabrir em nova casa. Prejuízos após o fogo são de 400 mil Euros.

O Espíritos Club, em Oliveira do Hospital, uma referência da animação noturna na região Centro, perdeu 400 mil euros no incêndio de outubro de 2017, …

Última Hora

CIM da Região de Coimbra promove Expo Empresas e final do concurso intermunicipal em Vila Nova de Poiares

A Comunidade Intermunicipal Região de Coimbra realiza no sábado, 25 de maio, a Expo Empresas, Artes e Ofícios, no Pavilhão Gimnodesportivo de Vila Nova de Poiares, a partir das 10h00,

Informação

Resultados desportivos de fim-de-semana

O Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) empatou, ontem, frente ao Vigor Mocidade por uma bola. A 23ª jornada do Campeonato da Divisão de Honra da Associação de Futebol

Região

Cerâmica Arganilense acolhe 11ª edição do Arganil Rock

A Cerâmica Arganilense recebe, no dia 31 de março, a partir das 22h30, a 11ª edição do Arganil Rock.

Última Hora

Estado vai apoiar reconstrução de habitações em situação ilegal em Arganil

Várias casas do concelho de Arganil, em situação ilegal, e que foram destruídas pelo incêndio de outubro de 2017, podem ser recuperadas com apoio do Estado.

Opinião

Ca$h Resto Z€ro com olhar sobre a EXPOH

No habitual Ca$h Resto Z€ro na Rádio Boa Nova, Vítor Neves olha esta sexta-feira para a EXPOH – Feira Regional de Oliveira do Hospital que decorre até domingo, dia 30

Última Hora

Grupo de Voluntariado Comunitário realizou sorteio a favor da Liga Portuguesa Contra o Cancro (com áudio)

Realizou-se esta manhã, na Rádio Boa Nova, o sorteio promovido pelo Grupo de Voluntariado Comunitário de Oliveira do Hospital com o objetivo de angariar verbas a favor da Liga Portuguesa

Última Hora

Quim Machado é o novo treinador da Académica

Quim Machado é o novo treinador da Académica, substituindo Ricardo Soares, que abandonou o seu cargo após derrota frente ao Oliveirense, no passado sábado, que pode ter comprometido as aspirações