CCDRC entregou chaves de habitações em Seia e garante que até ao final do ano “muitas habitações” estarão concluídas

CCDRC entregou chaves de habitações em Seia e garante que até ao final do ano “muitas habitações” estarão concluídas

A presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) admitiu hoje que até ao final do ano possam estar finalizadas as obras de “muitas habitações” que foram destruídas nos incêndios de outubro de 2017.

“Nós [CCDRC] estimamos que até [ao] fim do ano muitas habitações estejam entregues, mas isto [processo de reconstrução] será impossível de terminar até final do ano. E, portanto, eu ficaria muito feliz, e de forma realista, se até meados do próximo ano, aliás como referiu o senhor Presidente da República, a quem explicámos o dossiê, que todas as casas estivessem concluídas”, disse Ana Abrunhosa.

A presidente da CCDRC falava aos jornalistas em Seia, no distrito da Guarda, onde hoje procedeu à entrega das chaves de quatro habitações (três na freguesia de Travancinha e uma na freguesia de Sandomil), que foram reconstruídas no âmbito do Programa de Apoio à Reconstrução de Habitação Permanente (PARHP).

Ana Abrunhosa explicou que nos 30 municípios da região Centro atingidos pelos incêndios rurais de 2017 foram aprovados 836 pedidos de apoio para reconstrução de habitações e estão concluídas as obras em 312, sendo que os restantes casos estão com as obras em execução.

Segundo a responsável, a CCDRC ainda está a analisar processos “em que as famílias ainda não regularizaram a titularidade das habitações e enquanto isso não acontecer” não podem avançar as obras.

Disse que “esta é a resposta realista” e que as entidades envolvidas tudo farão “para acompanhar as obras e para que elas se concluam o mais rápido possível”.

Explicou que a CCDRC está a realizar cerimónias simbólicas por concelho, mas também já foram entregues casas “de forma discreta”.

O presidente da Câmara Municipal de Seia, Carlos Filipe Camelo, disse na sessão realizada nos Paços do Concelho, onde foram entregues as chaves das primeiras quatro casas reconstruídas, que no seu município foram destruídas 56 casas e 31 anexos.

Segundo o autarca, foram apresentadas “mais de 36 candidaturas” e “33 tiveram parecer favorável”.

Carlos Filipe Camelo reconheceu que “foi um processo muito complexo, que teve avanços e recuos” e que, neste momento, “cerca de 22 processos estão em análise”.

Com a entrega das primeiras habitações, o autarca disse que tem “o sentimento do dever cumprido”.

“Nós hoje tivemos ocasião de ouvir o testemunho vivo das pessoas que aqui estiveram e a alegria de poderem regressar às suas habitações”, disse.

Segundo a CCDRC, o município de Seia tem 37 pedidos de apoio aprovados no âmbito do PARHP, que se referem a dois apetrechamentos de habitações, 18 reconstruções parciais e 17 reconstruções totais, envolvendo 3,2 milhões de euros.

Até ao momento, estão concluídas as obras em 14 habitações e 15 encontram-se em fase de execução.

O município de Gouveia, onde a presidente da CCDRC também se deslocou para entregar a chave de uma casa, em Melo, tem 16 pedidos de apoio contemplados no âmbito do PARHP, que se referem a quatro apetrechamentos de habitações, oito reconstruções parciais e quatro reconstruções totais, envolvendo cerca de meio milhão de euros.

Até ao momento, estão concluídas oito habitações e estão em execução sete reconstruções, indica a fonte.

Fonte: Lusa

Previous Oliveira do Hospital aposta em projeto pioneiro direcionado para “o aluno do século XXI” (com vídeo)
Next ASAE apreende 600 quilos de produtos à base de carne

Artigos Relacionados

Politica

PSD de Oliveira do Hospital pede esclarecimentos a Costa sobre atraso “nas obras no IC6”

A Comissão Política do PSD de Oliveira do Hospital quer que o presidente da Câmara, José Carlos Alexandrino e o primeiro Ministro, António Costa, esclareçam os oliveirenses sobre…

Informação

ANPC, Município de Góis e Bombeiros de Góis assinam protocolo para constituição da Equipa de Intervenção Permanente

A Câmara Municipal de Góis, a Autoridade Nacional de Proteção Civil e a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Góis assinaram, no passado dia 4 de maio,…

Informação

 “Leituras de Abril” é o tema do mês do Clube de Leitura em Voz Alta

A Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital recebe, amanhã, 17 de abril, pelas 21 horas, na sala de adultos, mais uma atividade do “Clube de Leitura em Voz Alta”.

Destaque

Praia Fluvial de Avô vai estar recuperada “o mais rapidamente possível”

O arranque da época balnear está a ser marcado, no concelho de Oliveira do Hospital, pela falta de condições para banhos na conhecida praia fluvial de Avô,…

Informação

Morreu Nicolau Breyner

Morreu Nicolau Breyner. Ator e realizador tinha 75 anos de idade e faleceu, esta segunda-feira, após um ataque cardíaco, avança a TVI 24. João Nicolau de Melo Breyner Lopes, de

Informação

Góis: Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa prepara projetos de recuperação de casas ardidas

A Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa procede, em Góis, aos trabalhos de levantamento e recolha de informação necessária para a elaboração dos projetos, …

Informação

PJ deteve em Viseu suspeito de tráfico de estupefacientes

Um homem de 31 anos foi hoje detido em flagrante delito pela Polícia Judiciária (PJ), na zona de Viseu, pela presumível prática de um crime de tráfico de estupefacientes. Em

Última Hora

“A Escola e o Meio” na Rádio Boa Nova

Este sábado, dia 13 de maio, entre as 19h00 e as 20h00, é emitido o 29.º programa “A Escola e o Meio”, uma produção do Clube de Rádio do AEOH.

Última Hora

Sampaense promete “dar o máximo” em jogo com o Benfica

O jogo dos quartos de final entre o Sampaense Basket e o SL Benfica assinala hoje, dia 2 de fevereiro, pelas 19h00,o arranque da Taça Hugo dos Santos, …

Informação

Associação Geopark Estrela encerra ciclo de “Conferências da Estrela”

Durante os últimos 9 meses, a Associação Geopark Estrela, promoveu 9 conferências em 9 municípios diferentes, onde foram discutidas as principais temáticas…

Última Hora

Confraria promove 2º fim-de-semana do Bucho em Arganil

A Confraria do Bucho de Arganil irá promover o 2º fim-de-semana do Bucho nos próximos dias 2, 3 e 4 de Junho, o qual irá decorrer em parceria com os

Politica

Município de Oliveira do Hospital fechou ano de 2016 com saldo positivo de 666 mil Euros

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital encerrou o ano de 2016 com um saldo positivo de 666 mil Euros, resultado de uma receita de cerca de 15 milhões e