Associação sem queixas sobre indemnizações a familiares das vítimas

Associação sem queixas sobre indemnizações a familiares das vítimas

image_pdfimage_print

A Associação das Vítimas do Maior Incêndio de Sempre em Portugal não recebeu queixas sobre os processos de indemnização e apenas dois casos não foram resolvidos.

A Associação das Vítimas do Maior Incêndio de Sempre em Portugal (AVMISP) disse esta quarta-feira que representa os familiares de 30 das 46 vítimas mortais do fogo de Outubro de 2017 e que não recebeu queixas sobre os processos de indemnização. “Não temos relato de nenhum problema, nem recebemos qualquer queixa”, afirmou à agência Lusa o presidente da AVMISP, Luís Lagos.

O empresário de Oliveira do Hospital, no distrito de Coimbra, acrescentou que, numa audiência com o primeiro-ministro, na sexta-feira, em Lisboa, António Costa informou que todas os requerimentos, “com excepção de dois”, apresentados pelas famílias das pessoas que morreram nos incêndios de 17 de Junho e de 15 de Outubro de 2017, na região Centro, “foram tratados sem problemas” pela provedora de Justiça, Maria Lúcia Amaral, a fim de serem indemnizadas pelo Estado.

Na ocasião, segundo Luís Lagos, António Costa esclareceu a associação que “apenas dois casos” não foram resolvidos.

Previous APAV apresenta nova campanha sobre Violência no Namoro (com vídeo)
Next Hoje é o último dia para validar faturas do IRS

Artigos Relacionados

Última Hora

Deputado do PSD acusa executivo oliveirense de entrar em “modo pré campanha”.

O deputado Municipal do PSD, Rafael Costa, acusou há instantes o executivo de Oliveira do Hospital de entrar em “modo de pré campanha” e de recorrer à “velha estratégia da

Última Hora

Oliveira do Hospital disponibiliza visitas guiadas aos seis museus do concelho

A vereadora da Cultura do Município de Oliveira do Hospital, Graça Silva destacou hoje na Rádio Boa Nova o Dia Internacional dos Museus…

Última Hora

Incêndio urbano deixou cinco pessoas desalojadas em Coimbra

Um incêndio, que deflagrou ontem, numa habitação na cidade de Coimbra deixou hoje cinco pessoas desalojadas.

Sociedade

Preocupações com o DLBC marcam tomada de posse na ADIBER

A tomada de posse dos novos Órgãos Sociais da ADIBER que, ontem, decorreu perante a presença de mais de meia centena de Parceiros de toda a Região,…

Região

Adolescente e um adulto detidos por suspeita de tentarem matar um homem de 29 anos

A Polícia Judiciária deteve um homem de 31 anos e de um jovem de 15 anos suspeitos de tentativa de homicídio, em Lamego, na madrugada de 19 de agosto.

Destaque

Programa de incentivo à Natalidade apoiou 299 crianças em três anos no concelho de Oliveira do Hospital

Em três anos de “Incentivo à Natalidade”, o Município de Oliveira do Hospital apoiou 299 crianças, num investimento de 357 mil Euros. O balanço é “positivo”, mas há aspetos a

Informação

Feira do Queijo de Oliveira do Hospital “resistiu” à chuva e ao vendaval

Com exceção da manhã de sábado, em que o sol fazia adivinhar o sucesso do certame, a Festa do Queijo Serra da Estrela de Oliveira do Hospital acabou por se

Última Hora

Região: Homem detido por violência doméstica com armas de fogo apreendidas

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo Investigação de Apoio a Vítimas Específicas, deteve na passada segunda-feira, na Covilhã, um homem por suspeita de violência doméstica.

Informação

Pedrógão Grande: 157 habitações reconstruídas após um ano da catástrofe

A maioria das casas destruídas pelo incêndio que deflagrou em Pedrógão Grande há um ano já foi reconstruída.

Última Hora

Apoios “não são suficientes” para recuperação de empresas e agricultura em Oliveira do Hospital

À saída da reunião com os empresários afetados pelo incêndio de 15 de outubro, realizada ontem em Oliveira do Hospital, o sentimento é de que…

Última Hora

Oliveira do Hospital organizou as “melhores marchas do país”

Oliveira do Hospital foi palco, no sábado, 17 de junho, de uma grande noite de Marchas Populares. Três marchas infantis, seis seniores e duas convidadas, …

Última Hora

Mulher com cerca de 70 anos atropelada mortalmente em Montemor-o-Velho

Uma mulher de cerca de 70 anos morreu hoje atropelada por um veículo ligeiro em Montemor-o-Velho, distrito de Coimbra, disse fonte da GNR.