ADESA aprova Plano de Atividades e Orçamento para 2019
4 Abril, 2019 289 Views

ADESA aprova Plano de Atividades e Orçamento para 2019

image_pdfimage_print

Os presidentes das Câmaras Municipais de Penacova, Pampilhosa da Serra, Arganil, Oliveira do Hospital, Tábua e Góis, participaram no dia 28 de março na reunião de direção da Associação de Desenvolvimento Regional da Serra do Açor – ADESA, aprovando por unanimidade o Plano de Atividades e Orçamento para 2019 daquela Associação.

 

A ADESA que possui um Parque de Máquinas especializado na prevenção e combate a incêndios rurais, constituído atualmente por um camião porta-máquinas com semirreboque; cinco bulldozers; cinco motoniveladoras; e seis tratores agrícolas com equipamento roçador/limpa bermas, equipamentos esses alocados aos municípios associados (Arganil, Góis, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova e Tábua). A estes equipamentos, juntar-se-ão uma máquina niveladora (alocada a Penacova) e dois tratores limpa bermas (alocados a Oliveira do Hospital), investimento na ordem dos € 200.000,00 (duzentos mil euros) que visa, em primeira instância substituir máquinas e equipamentos perdidos nos incêndios de 2017 e que tem por base uma candidatura ao REPOR feita pela ADESA.

No âmbito da reunião, foi, uma vez mais, dado destaque à Prevenção e Combate a Incêndios Rurais, sendo igualmente entendido como prioritário, preparar/reparar as máquinas de rasto existentes a fim de que as mesmas se encontrem disponíveis a todo e qualquer momento.

 

A direção desta associação , reforçou à semelhança do que já havia feito em 2018, aquando da visita do Secretário de Estado José Artur Neves, ao concelho de Penacova, por ocasião da comemoração do 23º aniversário daquela Associação, a importância desta e do seu parque de máquinas que permite realizar um trabalho complementar de extrema importância no combate aos incêndios, quer após a deflagração dos mesmos, quer em ataque inicial ou em ataque ampliado, bem como na criação de perímetros de segurança e consolidação de rescaldos ou na realização de trabalhos de abertura, manutenção e beneficiação da rede viária florestal.

Os autarcas presentes salientaram igualmente que a ADESA “nunca virará as costas ao apoio no combate a incêndios”, sendo esta uma missão considerada fundamental, por todos.

No entanto e de acordo, com Maria Lurdes Castanheira, Presidente desta Associação e em uníssono com os autarcas presentes nesta reunião, “é determinante não esquecer que a ADESA é integralmente suportada financeiramente por seis municípios, que os operadores das máquinas, quando se deslocam ao terreno, em estreita colaboração com os Bombeiros, a ANPC e os Serviços Municipais de Proteção Civil, o fazem com igual empenho e dedicação, sob um risco que muitas vezes coloca em perigo as suas próprias vidas. E, dado que a lógica integrada deste modelo de trabalho tem dado bons resultados, não faz qualquer sentido que, estes equipamentos não sejam requisitados pela Autoridade Nacional de Proteção Civil para combate a incêndios e que a ADESA não seja ressarcida, pela Administração Central, dos custos da utilização dos seus equipamentos, nomeadamente quando em combate em municípios que não integram esta associação”.

Previous Arganil entre os 19 municípios do país que devolve os 5% do IRS aos munícipes
Next Cerâmica arganilense acolhe 12ª edição Arganil Rock no dia 20 de abril

Artigos Relacionados

Última Hora

Cristiano Ronaldo eleito melhor do Mundo em 2016

Cristiano Ronaldo, que já ganhou a Bola de Ouro da revista France Football, recebeu ontem o seu quarto troféu de melhor jogador do mundo, num ano em que conquistou …

Informação

Livro que conta a história de Rui Bernardino vai ser apresentado em Oliveira do Hospital

“É possível” é o título do livro que conta a história de vida de Rui Bernardino, um jovem de Lagares da Beira, até aos dias de hoje. O livro vai

Informação

FCOH aumenta vantagem após vitória frente a Tourizense. AD Lagares derrotada pela Académica SF

O Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) assegura 1º lugar na tabela da Divisão de Honra da Associação de Futebol de Coimbra…

Informação

Viseu: Incêndio urbano no centro da cidade

Deflagrou, esta tarde, um incêndio urbano na Rua das Pedras Alçadas, em Viseu.

Última Hora

Oliveira do Hospital conta com novo instrumento de apoio à população

Rede Local de Intervenção Social (RLIS) é o novo dispositivo de articulação entre várias entidades, que irá assegurar o atendimento e acompanhamento social…

Região

GNR da Guarda vai distribuir vestuário e calçado a instituições

À semelhança de anos anteriores, o Comando Territorial da GNR da Guarda vai proceder à entrega de roupa e calçado por várias instituições do distrito.

Informação

Museu Machado de Castro acolhe Meet Up Europa

O Centro de Informação Europe Direct (CIED) Região de Coimbra promove amanhã, 18 de maio, a iniciativa Meet Up Europa dirigida aos alunos do Ensino Básico, no Museu Nacional Machado

Última Hora

Castro Daire: Incêndio em zona de difícil acesso mobiliza dois meios aéreos

Um incêndio rural com uma frente ativa lavra desde as 9h30 de hoje em Castro Daire, numa zona de difícil acesso, e estava a ser combatido às 13h30 por dois

Informação

Oliveira do Hospital distingue personalidades no dia do Município

O Município de Oliveira do Hospital assinala, no próximo dia 7 de outubro, o Feriado Municipal que tem como ponto alto das comemorações,…

Informação

Aveiro: Duas mulheres identificadas por transporte ilegal de pescada e amêijoas

A GNR apreendeu 41 quilos de pescada branca e 114 quilos de amêijoa branca, esta terça e quarta-feira, no Porto de Pesca Costeira de Aveiro.

Informação

Última hora: António Guterres aclamado como secretário-geral da ONU

Actualização:  António Guterres foi esta tarde indicado por aclamação, como secretário-geral das Nações Unidas, após a votação do Conselho de Segurança da ONU. Agora só falta a votação final da Assembleia-Geral da

Última Hora

“Fátima. A (des)construção do mito” é o novo livro de Luís Filipe Torgal. Apresentação vai ter lugar no Agrupamento de Escolas

O Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital acolhe, no dia 26 de janeiro, pelas 18h00, a sessão de lançamento do novo livro de Luís Filipe Torgal: ““Fátima. A (des)contrução