“A EXPOH vai ter um formato diferente. É preciso criar uma comissão organizadora”

“A EXPOH vai ter um formato diferente. É preciso criar uma comissão organizadora”

image_pdfimage_print

A EXPOH- Feira Regional de Oliveira do Hospital 2019 terminou há cerca de três semanas, mas o executivo municipal já está de olhos postos na próxima edição. A escolha dos artistas por parte da população, a criação de um tema e uma comissão organizadora são algumas novidades para a edição de 2020.

Na última reunião pública do executivo, na sequência da intervenção do vereador do PSD, João Paulo Albuquerque, que felicitou o executivo por mais uma edição do certame, o presidente da Câmara Municipal fez um novo balanço e adiantou algumas novidades que espera ver concretizadas na próxima Feira.

O autarca confessou que gostaria que “houvesse um tema” para o próximo ano. “Gostava que fosse dedicada à indústria têxtil”, começa por dizer, realçando que, para isso, “é preciso criar uma comissão organizadora”. “Devemos dar outros passos para que não avancem só as ideias do presidente e do executivo. Abrir a própria feira a essa comissão organizadora e a agentes empresariais para nos ajudarem”, disse.

Na ocasião, voltou a frisar que parte da contratação dos artistas vai ser feita pelo público oliveirense. “Nós vamos lançar durante o mês de setembro e até 15 de outubro, a contratação de três artistas. “O público oliveirense vai escolher por votação online. Do escalão até aos 20 anos escolhem um artista. Dos 20 aos 40 anos escolhem outro e dos 40 para cima escolhem outro”, explicou, evidenciando que a sua escolha, como cidadão oliveirense, está feita: a fadista Mariza.

Alvo de críticas a propósito da contratação do artista internacional Nego do Borel, José Carlos Alexandrino afirmou que “o espetáculo defraudou completamente as expectativas”. Tendo conhecimento que essa mesma contratação foi contestada nas redes sociais, o autarca relembrou que “todos os contratos dos artistas estão no portal” para consulta.

O assunto mereceu também destaque na primeira página do Jornal i, onde se lê “Câmara Municipal de Oliveira do Hospital paga 64 mil Euros por Nego do Borel”. Com o respetivo jornal na mão, José Carlos Alexandrino adiantou que este ano, foi o ano em que o Município gastou mais.

Relembrando que a contratação do artista internacional foi feita no âmbito de uma promessa do autarca há dois anos, o presidente reconhece que “o salto do cartaz não foi suficiente para dar o salto no número de pessoas”.

Face a isto, José Carlos Alexandrino garante que “a EXPOH do próximo ano vai ter um formato completamente diferente. “A EXPOH tem de ser reinventada. Não é só pelo cartaz que não somos capazes de atrair maior número de pessoas. Precisa de uma remodelação”, referiu, defendendo que “o Parque do Mandanelho é fantástico para concertos mas não é bom para realizar uma feira”.

Previous Região: Incêndio em fábrica de transformação de madeiras dominado. Não há feridos
Next Funeral do jovem que faleceu vítima do acidente em Tábua realiza-se hoje

Artigos Relacionados

Informação

PSP desmantela rede de tráfico de droga

Durante a madrugada do dia 24 de janeiro, a PSP de Castelo Branco procedeu à realização de buscas domiciliárias em oito residências na cidade.

Informação

Jovem ficou ferido em acidente durante festejos do “Tri” em Oliveira do Hospital

Um jovem sofreu, ontem à noite, ferimentos depois de embater de moto contra um poste de iluminação pública, no acesso à cidade de Oliveira do Hospital, quando festejava o “Tri”

Informação

Pedro Coimbra pede reabertura do processo eleitoral e desafia António Campos ou o filho a entrarem na corrida à Federação do PS

O líder da Federação do PS de Coimbra e recandidato a novo mandato solicitou a reabertura do processo eleitoral, que se encontra suspenso pela direção nacional, para permitir o aparecimento

Informação

Homem encontrado morto em praia na Figueira da Foz

O cadáver de um homem foi encontrado, na manhã de sábado, na Praia da Tamarguinha, em Buarcos.

Última Hora

Festa do Bodo com “Justiça Medieval por Terras de Vila Pouca”

Em Vila Pouca da Beira, no concelho de Oliveira do Hospital,  decorre este fim-de-semana, dias 28 e 29 de janeiro – em honra do padroeiro S. Sebastião –,  …

Informação

Folhadosa Fishing Team é líder no Campeonato Regional de Clubes de Pesca Desportiva

O Folhadosa Fishing Team ascendeu, no passado fim-de-semana, ao primeiro lugar da tabela classificativa no Campeonato Regional de Clubes de Pesca Desportiva, totalizando agora 27 pontos.

Última Hora

Legislativas 2019: Partido Socialista também venceu em Oliveira do Hospital (com vídeos)

O PS foi a força política mais votada neste domingo no âmbito das eleições legislativas, conseguindo até agora 36,73 por cento votos elegendo 96 deputados. O PSD foi a segunda

Informação

Região: PJ deteve incendiária florestal

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, deteve uma mulher de 48 anos, divorciada e desempregada, pela presumível prática de um crime …

Informação

Oliveira do Hospital: Zona Histórica deverá ser requalificada no próximo ano

O Município de Oliveira do Hospital aponta para 2019 a requalificação da Zona Histórica da cidade. O pré-projeto, que está a ser preparado por um especialista em reabilitação de zonas

Informação

Oliveira do Hospital prestou homenagem às vítimas

O Município de Oliveira do Hospital prestou homenagem às vítimas mortais dos incêndios do dia 15 de Outubro… 

Nacional

De Mateos vence em Braga e Alarcón conserva a camisola amarela

O espanhol Vicente De Mateos (Louletano) venceu, nesta sexta-feira, a oitava etapa da Volta a Portugal em Bicicleta, que ligou Barcelos a Braga, na distância de 147,6 quilómetros. O portista

Última Hora

Setembro foi o terceiro mais quente desde 1931

O valor médio da temperatura máxima em setembro foi de 28,96 graus celsius, muito superior ao normal e o terceiro mais alto desde 1931.