• “A EXPOH foi um sucesso, sendo sobretudo um ponto de encontro”
  • “A EXPOH foi um sucesso, sendo sobretudo um ponto de encontro”
8 Agosto, 2016 1549 Views

“A EXPOH foi um sucesso, sendo sobretudo um ponto de encontro”

image_pdfimage_print

Milhares de visitantes passaram pela EXPOH – Feira Regional de Oliveira do Hospital que, ontem, terminou no Parque do Mandanelho. Ainda a avaliar a afluência de visitantes que “melhorou”,…

… organização está certa do “sucesso” desta que é uma “feira regional” e é, sobretudo, um “ponto de encontro”.

No fecho do certame, o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital confessou-se ontem “satisfeito pelo investimento feito na EXPOH e a resposta das pessoas”. Um primeiro olhar aos números da afluência de visitantes já permitem aferir que a adesão melhorou, mas “não atingimos o que idealizámos”, referiu José Carlos Alexandrino que, ainda assim, não tem dúvida de que a EXPOH “foi um sucesso, sendo sobretudo um ponto de encontro”. Determinante foi o “trabalho fantástico” dos cerca de 150 expositores que marcaram presença no certame.

Já de olhos postos na edição de 2017 que deverá ser antecipada numa semana e vai contar com a participação do grupo Xutos e Pontapés, o autarca oliveirense destacou a importância das parcerias efetuadas e a aposta em dois momentos marcantes: a Exposocial e o concurso Soltem Talentos. De saída de nove dias de EXPOH, Alexandrino quer melhorar as próximas edições do certame, também por via das parcerias que deverão começar a ser trabalhadas “mais cedo”.

Satisfeito, o autarca entende que quem deve fazer o verdadeiro balanço da EXPOH são as pessoas. No decorrer do certame, conta que sentiu “muito carinho” e muitas pessoas lhe disseram que “precisam” desta feira como ponto de encontro, porque Oliveira é hoje “uma cidade diferente”.

Cumprida a 7ª edição, o objetivo é conferir maior dimensão à EXPOH, sem que a estratégia do município seja de perseguir outros eventos da região como a EXPOFACIC ou Feira de S. Mateus que são realidades muito diferentes – “a Feira de S. Mateus tem 400 anos” registou o autarca – e com grandes investimentos associados. Já no que respeita aos eventos que são feitos em concelhos vizinhos, como Tábua ou Arganil, por exemplo, Alexandrino nota que todos trabalham para fazer as melhores feiras e que, por uma questão de ética, os certames não devem ser comparados. “Eles fazem as suas melhores feiras. Nós tentamos fazer a nossa melhor feira”, referiu o autarca oliveirense.

Previous Jovem morreu afogado em praia fluvial de Coimbra
Next Incêndios lavram na região, ameaçam populações  e provocam densa nuvem de fumo

Artigos Relacionados

Última Hora

Quase 40 concelhos de nove distritos em risco máximo de incêndio

Quase 40 concelhos dos distritos de Faro, Castelo Branco, Santarém, Portalegre, Guarda, Viseu, Coimbra, Leiria e Bragança apresentam hoje risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e

Última Hora

Governo estende apoios de Pedrógão a municípios afetados em outubro

O Conselho de Ministros aprovou hoje que as medidas de apoio às vítimas dos incêndios de Pedrógão Grande sejam estendidas aos municípios afetados pelos fogos de 15 e 16 de

Desporto

Conheça o calendário desportivo de fim-de-semana

Com o início do ano novo, regressam as competições desportivas no concelho de Oliveira do Hospital.

Informação

Maria de Fátima Veiga lançou “Beira Alta…Naturalmente” na papelaria/livraria Meio Mundo

“Beira Alta… Naturalmente” é o livro de Maria de Fátima Veiga que, ontem à tarde, foi apresentado na papelaria/ livraria Meio Mundo, em Oliveira do Hospital. A obra que reúne

Informação

“mOHve-te Verão 2018” entra em ação e prolonga-se até julho

A quinta edição do programa “mOHve-te Verão” arranca este domingo, dia 27 de maio, pelas 9h00, no largo Ribeiro do Amaral,…

Informação

Detidos dois suspeitos de tráfico de estupefacientes em Montemor-o-Velho

 A GNR deteve, ontem, dois homens e identificou uma mulher, por suspeita de tráfico de estupefacientes, na freguesia de Abrunheira. A operação, levada a cabo pelo Núcleo de Investigação Criminal

Última Hora

Pedrógão Grande: Bombeiro internado “vai ser retirado do coma induzido”

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Castanheira de Pera disse hoje à agência Lusa que um dos bombeiros internados em Lisboa poderá, em breve, …

Informação

Ministério das Infraestruturas afirma que 288 casas estão reconstruídas

O número de habitações permanentes totalmente reconstruídas após os incêndios de outubro de 2017 nas regiões Norte e Centro ascende neste momento a 288, tendo sido já pagos 14,8 milhões

Última Hora

Chuva está de regresso

A semana vai ser marcada por chuva fraca ou chuviscos, mais persistentes no litoral norte e centro, vento fraco a moderado e descida da temperatura mínima e máxima.

Informação

Unidade de Controlo Costeiro apreendeu 116 quilos de pescado

A Unidade de Controlo Costeiro, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Aveiro, apreendeu, no dia 7 de janeiro, 116 quilos de pescado por figa à lota, num estabelecimento de

Informação

Pulseira eletrónica para suspeito de violência doméstica na Guarda

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vitimas Específicas deteve um homem, de 68 anos, suspeito de violência doméstica, no concelho da Guarda.

Informação

Mangualde: Homem identificado por incêndio florestal por negligência

Um homem, de 77 anos, foi identificado pela GNR em Mangualde, pela prática do crime de incêndio florestal por negligência.